• Ago : 11 : 2014 - Apelo ao boicote de alimentos com milho transgénico
  • Nov : 23 : 2011 - Petição pela salvaguarda das Sete Fontes
  • Jul : 6 : 2011 - Perigo para Paisagem Protegida Valongo
  • Jun : 17 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação – resposta da C.M. Porto
  • Jun : 15 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação

Dos jardins e parques à biodiversidade urbana

A biodiversidade nas cidades é um tema de cada vez maior importância e que desperta cada vez mais interesse e curiosidade. Daí esta tertúlia. Biodiversidade_jpeg

Quando?

Quarta-feira, 20 de fevereiro, às 21:15.

Onde?

No Salão Nobre da Junta de Freguesia de Sto Ildefonso (Rua Gonçalo Cristóvão, 187, 2.º andar, junto ao Jornal de Notícias). A Campo Aberto agradece o apoio da Junta.

O quê?

Uma apresentação do projeto de investigação «Morfologia e biodiversidade nos espaços verdes da cidade do Porto», primeira parte (Seleção das Áreas de Estudo). Faz parte do ciclo «Que Porto Queremos».

Com quem?

A apresentação está a cargo de dois elementos da equipa de investigação:

Paulo Farinha Marques – professor associado de Arquitetura Paisagista na Faculdade de Ciências da Universidade do Porto. Formou-se em Arquitetura Paisagista no Instituto Superior de Agronomia – Universidade Técnica de Lisboa em 1988 e doutorou-se, também em Arquitetura Paisagista, na Universidade de Sheffield, Faculty of Architectural Studies, no Reino Unido. Desde 1996 tem combinado a docência com a elaboração de projetos de arquitetura paisagista a várias escalas. As suas áreas  principais de interesse são o ordenamento e desenho de estruturas verdes do ponto de vista ecológico, social e estético (jardins, parques e matas de recreio), o estudo da vegetação na paisagemn, o estudo da biodiversidade urbana e a avaliação do caráter da paisagem.

Sara Esteves da Silva – Arquiteta Paisagista. Colabora com a Faculdade de Ciências da Universidade do Porto. Formou-se em Arquitetura Paisagista nessa mesma Faculdade, em 2008, tendo feito um período de Erasmus na Faculdade de Ciências da Vida em Tartu, na Estónia (2006-2007). Mestre em Arquitetura Paisagista também pela FCUP com o trabalho intitulado «Jardins produtivos em espaços urbanos», de 2010. Desde 2008 tem elaborado projetos de arquitetura paisagista e trabalhado como bolseira de investigação na FCUP e CIBIO. As suas áreas principais de interesse são o estudo das estruturas verdes urbanas, a várias escalas e dimensões, no sentido de potenciar o seu valor social, ecológico e económico, e ainda a estética e a produção em espaços verdes de proximidade.

Os restantes elementos da equipa são Cláudia Fernandes, José Miguel Lameiras, Isabel Leal e Filipa Guilherme. O projeto teve o apoio de instituições de investigação prestigiadas, como o Cibio – Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos, a Faculdade de Ciências da Universidade do Porto e a FCT – Fundação para a Ciência e Tecnologia.

Como inscrever-se?

A entrada é livre e a inscrição gratuita mas obrigatória. Envie um email com o nome, email e telefone de cada pessoa a inscrever, até 18 de fevereiro, para:

biourbe.ca@gmail.com

Não envie para esse email, ou na sua inscrição, inscrições ou pagamentos para outras atividades. Mas pode inscrever num só email exclusivamente para esta atividade outras pessoas que queiram inscrever-se.

 

 

Imprimir esta página Imprimir esta página

Categorias: Eventos & Visitas

Deixar comentário