• Ago : 11 : 2014 - Apelo ao boicote de alimentos com milho transgénico
  • Nov : 23 : 2011 - Petição pela salvaguarda das Sete Fontes
  • Jul : 6 : 2011 - Perigo para Paisagem Protegida Valongo
  • Jun : 17 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação – resposta da C.M. Porto
  • Jun : 15 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação

A ecologista espanhola, Paca Blanco, coordenadora da influente coligação Ecologistas en Acción na região de Campo Arañuelo (Extremadura) sofre desde há cinco anos de agressões e perseguições por ter denunciado a ilegalidade de um complexo turístico, construído en local protegido pertencente à Rede Natura 2000, e que já foi declarado pela União Europeia como Zona de Especial Proteção de Aves (ZEPA) e Lugar de Interesse Comunitário (LIC).

Isto apesar de o Tribunal Superior de Justiça ter dado razão aos ecologistas.

Diversos ativistas e dirigentes associativos ambientalistas portugueses, cuja lista consta do final desta nota, tomaram posição pública de solidariedade com Paca Blanco, nestes termos: « Informados dos dramáticos eventos que têm atingido a ativista Paca Blanco, bem conhecida de muitos de nós pelo seu envolvimento na luta pelo encerramento da central nuclear de Almaraz, na luta pela proteção dos recursos do Tejo, e pela manutenção dos espaços em condições de sustentabilidade social e usufruto ecológico, vêm os abaixo assinados manifestar por este meio a sua solidariedade pessoal, independentemente de outros envolvimentos que venham a desenvolver, e desta dar informação aos órgãos de comunicação social nacionais e do Estado espanhol. É intolerável que a infração da lei seja paralela ao ataque pessoal e espezinhamento dos direitos individuais de cidadania, num Estado democrático de Direito.»

Informações pormenorizadas podem encontrar-se nos seguintes locais:

http://signos.blogspot.com/search/label/Paca%20Blanco

http://www.ecologistasenaccion.org/article22142.html

http://www.elperiodicoextremadura.com/noticias/extremadura/la-ecologista-paca-blanco-cede-ante-acoso_555666.html

http://www.elpais.com/fotografia/sociedad/Paca/Blanco/elpepisoc/20110319elpepisoc_5/Ies/


Signatários do documento português:

António Eloy, coordenador G.E.M., e do documento de apoio a Paca Blanco
(tel. 919289390)
António Regedor, docente Universitário/ecologista
António Serzedelo Presidente Opus Gay
Carlos Pimenta, ex secretario Estado do Ambiente
Emília Araújo, economista/direcção FAPAS
Helena Roseta, arquitecta, vereadora da CML
José Carlos Costa Marques, Presidente da Campo Aberto
José Luiz Almeida Silva, director da Gazeta das Caldas
José Maria Moura, direcção do Movimento Urânio em Nisa Não
Luís Silva, engenheiro/activista conservação energia
Miguel Duarte, Presidente do Movimento Liberal Social
Nuno Nabais, docente Universitário/Director da Fábrica de Braço de Prata
Nuno Quental, gestor de apoio a projectos (U.E.)
Nuno Sequeira, Presidente Quercus
Paulo Constantino, porta–voz do proTejo – Movimento pelo Tejo
Paulo Bagulho, empresário da restauração/ direcção do M.U.N.N.
Paulo Trancoso, produtor cinema/ecologista
Paulo Talhadas Santos, presidente FAPAS
Serafim Riem, empresário de arboricultura
Zé Justino, docente Universitária/activista dos direitos humanos

Imprimir esta página Imprimir esta página

Categorias: Cartas & Comunicados

Deixar comentário