Caro Leitor do Boletim Diário PNED:
    Se ainda não o é, e se concorda, ainda que apenas em parte, com o que
    é e faz a Campo Aberto, e se julga útil apoiá-la, faça-se sócio.
    Campo Aberto – associação de defesa do ambiente
    www.campoaberto.pt
    Apartado 5052
    4018-001 Porto

    telefax 22 975 9592

    ==========================
    BOLETIM PORTO E NOROESTE EM DEBATE
    resumo das notícias de ambiente e urbanismo em linha

    Sexta-feira, 6 de Abril de 2007

    ==========================

    Para os textos integrais das notícias consultar as ligações indicadas.
    ==========================
    1. Poesia portuguesa no metro dos EUA

    Poemas de Camões, Sophia de Mello Breyner Andresen, Manuel Alegre,
    Fernando Pessoa e Vitorino Nemésio vão ser lidos no próximo mês em
    Washington, no âmbito da iniciativa “European poetry in motion”
    promovida pela União Europeia.
    Além dos portugueses, serão lidos também, no mesmo período, poemas de
    autores dos restantes 26 estados membros da União.

    https://jn.sapo.pt/2007/04/06/cultura/poesia_portuguesa_metro_eua.html

    ==========================
    2. “Seja limpo ou vá-se embora é para levar à letra”

    O cor-de-laranja forte e a mensagem “Em Ponte de Lima seja limpo ou
    vá-se embora” que pode ler-se em quatro cartazes estrategicamente
    colocados nas entradas da vila não deixam ninguém indiferente. Desde que
    foram colocados pela Câmara liderada por Daniel Campelo despoletaram
    polémica entre as gentes locais e até na própria “blogoesfera”, e
    prometem continuar a dar muito que falar nos próximos tempos. “O
    objectivo foi atingido”, considera Campelo, cuja ideia, afirma, é fazer
    uma “terapia de choque positiva” e pôr as pessoas “a discutir o lixo e a
    forma de produzir lixo”.

    https://jn.sapo.pt/2007/04/06/norte/seja_limpo_vase_emborae_para_levar_a.html

    ==========================
    3. Norte: Junta de Canelas nega negócio de terrenos

    O presidente da Junta de Freguesia de Canelas, António Simões Pinto,
    negou qualquer envolvimento da Autarquia num negócio de compra de
    terrenos agrícolas para uma empresa particular poder produzir kiwi.
    “Não estive nem quero estar envolvido numa coisa dessas”, disse, ao JN,
    António Simões Pinto depois de o Bloco de Esquerda (BE) ter denunciado
    que o negócio tinha sido publicitado com a afixação de um panfleto no
    placar da Junta de Freguesia.
    “Pediram-me autorização para afixar o panfleto e não vi qualquer
    inconveniente, até porque a freguesia estava cheia deles, mas não estou
    envolvido nisso. O panfleto já lá não está e até aconselhei alguns
    indivíduos a não se envolverem”, disse o presidente da Junta de Canelas,
    ao JN, que salientou que os compradores “deixaram de aparecer há já
    algum tempo”.
    O BE considera “preocupante” que dois autarcas de Canelas e Beduído
    sejam intermediários na compra de 200 hectares de terrenos agrícolas,
    oferecendo 1,50 euro/m2, numa área onde passará a expansão da A 29 e a
    futura linha do TGV, comprada a cinco euros/m2.

    https://jn.sapo.pt/2007/04/06/norte/junta_canelas_nega_negocio_terrenos.html

    ==============================

    Para se desligar ou religar veja informações no rodapé da mensagem.

    ==========================

    INFORMAÇÃO SOBRE O BOLETIM INFOPNED:
    Acima apresentam-se sumários ou resumos de notícias de interesse
    urbanístico ou ambiental publicadas na edição electrónica do Jornal de
    Notícias e d’O Primeiro de Janeiro (e ocasionalmente de outros jornais
    ou fontes de informação).

    Esta lista foi criada e é animada pela associação Campo Aberto, e
    está aberta a todos os interessados sócios ou não sócios. O seu
    âmbito específico são as questões urbanísticas e ambientais do
    Noroeste, basicamente entre o Vouga e o Minho.

    Selecção hoje feita por Celina Raposo

    =============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============

    Imprimir esta página Imprimir esta página

    Categorias: Boletim

    Deixar comentário