Gerês-2014

    NÓS NORTENHOS… E A NATUREZA: 40 ANOS DEPOIS

    Inscreva-se nesta dupla tertúlia. Prazo até quarta-feira, 14 de janeiro. Entrada gratuita. Basta enviar email com o nome, email e telefone de cada um dos inscritos para: tertuliasca@gmail.com

    Início: 15:50 de sábado 17 de janeiro de 2015.
    Local: rua da Fábrica Social, s/n, nas instalações da Fundação Escultor José Rodrigues, no interior do ângulo formado pela rua Gonçalo Cristóvão e rua Santa Catarina, com acesso pela rua do Bonjardim e rua Raul Dória.

    Gerês-2014-2

    NATUREZA E PAISAGEM AS PRINCIPAIS RIQUEZAS DO NORTE?

    Em que ponto estamos na defesa dessas riquezas?

    Ao longo de 40 anos, Nuno Gomes Oliveira, biólogo, inspirador, criador e diretor do Parque Biológico de Gaia, pautou a sua ação como cidadão e como profissional pelo empenho na preservação dos valores naturais  e ecológicos, em especial no Norte.

    Em conversa com ele, iremos tentar compreender o que foi feito e o que ainda resta fazer nesse domínio.

    No âmbito desta tertúlia, a fotógrafa Joana Pereira fará uma apresentação do seu livro Rio d’Ouro (editado por Maria José Baltazar nas edições Cordão de Leitura). O Douro é a coluna vertebral do Norte do ponto de vista ecológico e paisagístico. Vê-lo com olhos renovados é um oportuno desafio.

    PERFIL

    A relevância do testemunho de Nuno Gomes Oliveira nesta tertúlia justifica-se bem com o seu percurso. Sobre ele, um perfil acompanha a informação relativa à visita por ele orientada, que a Campo Aberto promove no sábado 31 de janeiro de 2015, complementar a esta tertúlia embora independente dela. Inscreva-se nela também!

    CICLO

    Esta iniciativa inscreve-se no âmbito do ciclo «40 anos de ecologia a partir do Porto – 1974-1982», resultante de uma parceria entre a Campo Aberto e a Fundação Escultor José Rodrigues.

    Imprimir esta página Imprimir esta página

    Deixar comentário