İzmir escort » İzmir eskort bayan » Vip Escorts beydağ escort bornova escort buca escort çeşme escort seferihisar escort beylikdüzü escort avrupa yakası escort mecidiyeköy escort beşiktaş escort Escort Paris porn tube porno porn porno amateur

windows 10 pro office 2019 pro office 365 pro windows 10 home windows 10 enterprise office 2019 home and business office 2016 pro windows 10 education visio 2019 microsoft project 2019 microsoft project 2016 visio professional 2016 windows server 2012 windows server 2016 windows server 2019 Betriebssysteme office software windows server https://softhier.com/ instagram takipçi instagram beğeni instagram görüntüleme instagram otomatik beğeni facebook beğeni facebook sayfa beğenisi facebook takipçi twitter takipçi twitter beğeni twitter retweet youtube izlenme youtube abone instagram

    A Campo Aberto visitou nos passados dias 16 e 23 de Junho a Linha de Leixões e o Centro de Comando Operacional da Refer. A primeira visita foi talvez demasiado rápida mas ainda assim foi interessante conhecer um troço de via férrea utilizado somente por comboios de carga (os chamados “martelos”). Felizmente a partir de Setembro a linha terá serviço de passageiros, embora numa curta extensão de cerca de 10 km e sem ligação directa a Campanhã (ou seja, será necessário efectuar transbordo em Ermesinde).

    A visita ao CCO deu a conhecer uma estrutura inovadora, altamente tecnológica, onde um grupo de apenas 8 pessoas faz a gestão e controlo do tráfego ferroviário. Na verdade, essas pessoas são fundamentais quando ocorrem problemas nas linhas ou situações anómalas. De resto, o sistema ocupa-se da gestão em situações normais. Mas quem anda de comboio sabe bem que as situações excepcionais são bem mais frequentes do que seria desejável. A Refer revelou ainda os seus planos para resolver o constrangimento existente entre Ermesinde e a Trofa que, quando ficar resolvido, permitirá encurtar os tempos de deslocação dos suburbanos em pelo menos 5 minutos.

    Aqui ficam as fotografias de ambas as visitas.

    Visita à Linha de Leixões:

    Visita ao CCO de Contumil:

    Imprimir esta página Imprimir esta página

    Deixar comentário