• Set : 17 : 2020 - ALERTA AOS CIDADÃOS: TRÊS JARDINS DO PORTO E 503 SOBREIROS EM GAIA AMEAÇADOS DE MUTILAÇÃO E ABATE
  • Mai : 14 : 2020 - Por Amor da Árvore 2020
  • Abr : 24 : 2019 - Poluição Luminosa
  • Ago : 11 : 2014 - Apelo ao boicote de alimentos com milho transgénico
  • Nov : 23 : 2011 - Petição pela salvaguarda das Sete Fontes

Veja o site da Campo Aberto:
https://www.campoabe rto.pt/

Comente, participe. Divulgue!

============ ========= ========= ========= ========= ========= ========= ===
Caro Leitor do Boletim Diário PNED:

Se ainda não o é, e se concorda, ainda que apenas em parte, com o que
é e faz a Campo Aberto, e se julga útil apoiá-la, faça-se sócio!

Em alternativa assine a revista Ar Livre (que os sócios também recebem).

Peça informações:
contacto@campoabert o.pt

============ ========= ========= ========= ========= ========= ========= ===

BOLETIM PORTO E NOROESTE EM DEBATE
resumo das notícias de ambiente e urbanismo em linha

Sexta, 20 de Julho de 2007

============ ========= ========= ========= ========= ========= ========= ===

Para os textos integrais das notícias consultar as ligações indicadas.

============ ========= ========= ========= ========= ========= ========= ===
1. Sul: Fundação São Francisco de Assis já salvou mais de 2000 animais

Quando regressam do passeio matinal, os cerca de 100 cães que se encontram no abrigo da Fundação São Francisco de Assis, na freguesia de Alcabideche, em Cascais, saltitam, brincam, vêm visivelmente felizes. Acompanhados dos tratadores, os animais aproveitam a ocasião que todos os dias lhe é propiciada, para exercitarem as patas correndo ao longo de um terreno integrado no Parque Natural Sintra Cascais. A caminhada evita, por outro lado, que os cães sejam afectados pelo denominado “estresse dos canis”, disse ao JN Maria João Pulido, coordenadora do Bem Estar Animal daquela fundação, instituição inaugurada oficialmente no dia 6 de Fevereiro de 2001.

A fundação tem precisamente como objectivo “salvar animais e, portanto, evitar que sejam abatidos”, como “acontecia a muitos que iam parar ao canil municipal”. Adianta, com orgulho, Maria João Pulido que a instituição “já salvou mais de 2100 animais, entre cães e gatos”. Saliente-se que a Fundação São Francisco de Assis funciona num terreno camarário situado no parque natural. Um local onde os utentes de quatro patas podem usufruir do contacto directo com a natureza, tanto mais que todas as boxes têm um espaço ao ar livre.
Também os gatos encontraram naquele equipamento o local ideal para, enquanto aguardam uma nova família, darem asas às suas características comportamentais. Além das casas, aqueles felinos têm ao seu dispor um espaço ajardinado, com duas árvores, troncos secos e pedras, entre outros “brinquedos” que os mantêm ocupados e saudáveis.

Os responsáveis da fundação garantem fazer questão de cumprir todas as formalidades necessárias ao bem-estar dos animais. “Sempre que entra aqui um animal, tratamos logo da sua desparasitação, testes de sangue, vacina e colocação de chips. Isto, além da esterilização”. Depois, sempre que alguém, após uma visita ao “abrigo”, decide adoptar um animal, “tem de preencher uma ficha com a sua identificação e assinar uma declaração onde se compromete a cumprir um conjunto de regras”.

Além de assegurar tudo o que se prende com o bem-estar do cão ou gato que adoptou, o novo dono permitirá ainda, “mediante aviso prévio e justificando o motivo, que um elemento da Fundação São Francisco de Assis, devidamente identificado e mandatado, visite o animal e verifique as condições de manutenção do mesmo”. Claro que há animais que acabam por ali ficar, como o “Javali”, um cão rafeiro que se encontra no abrigo há seis anos e uma cadela, recolhida em 2000, agora com nove anos de idade. “Sabemos que há alguns cães e gatos que ninguém vai levar, mas também temos certeza que ninguém os vai abater”, salientou Maria João Polido.

============ ========= ========= ========= ========= ========= ========= ===

Para se desligar ou religar veja informações no rodapé da mensagem.

O arquivo desta lista desde o seu início é acessível através de
https://groups. yahoo.com/ group/pned/

Se quiser consultar os boletins atrasados veja
https://campoaberto. pt/boletimPNED/

============ ========= ========= ========= ========= ========= ========= ===

INFORMAÇÃO SOBRE O BOLETIM INFOPNED:

Acima apresentam-se sumários ou resumos de notícias de interesse
urbanístico ou ambiental publicadas na edição electrónica do Jornal de
Notícias e d’O Primeiro de Janeiro (e ocasionalmente de outros jornais
ou fontes de informação).

Esta lista foi criada e é animada pela associação Campo Aberto, e está
aberta a todos os interessados sócios ou não sócios. O seu âmbito
específico são as questões urbanísticas e ambientais do Noroeste,
basicamente entre o Vouga e o Minho.

Para mais informações e adesão à associação Campo Aberto:

Campo Aberto – associação de defesa do ambiente
Apartado 5052
4018-001 Porto
telefax 22 975 9592
contacto@campoabert o.pt
www.campoaberto. pt

Selecção hoje feita por Celina Raposo

============ === PNED: Porto e Noroeste em Debate ============ ===

Imprimir esta página Imprimir esta página

Categorias: Boletim

Deixar comentário