İzmir escort » İzmir eskort bayan » Vip Escorts beydağ escort bornova escort buca escort çeşme escort seferihisar escort beylikdüzü escort avrupa yakası escort mecidiyeköy escort beşiktaş escort Escort Paris porn tube porno porn porno amateur

    [Esta lista tem actualmente cerca de 380 participantes inscritos.]

    Veja o site e o blogue da Campo Aberto:
    https://www.campoaberto.pt/
    https://campo-aberto.blogspot.com/

    Veja também o blogue:
    https://avenida-dos-aliados-porto.blogspot.com

    Comente, participe. Divulgue!

    ==========================
    Caro Leitor do Boletim Diário PNED:

    Se ainda não o é, e se concorda, ainda que apenas em parte, com o que é
    e faz a Campo Aberto, e se julga útil apoiá-la, faça-se sócio!

    Em alternativa assine a revista Ar Livre (que os sócios também recebem).

    Peça informações:
    campo_aberto@oninet.pt

    ==========================

    BOLETIM PORTO E NOROESTE EM DEBATE
    resumo das notícias de ambiente e urbanismo em linha

    Quarta-feira, 12 de Julho de 2006

    ==========================

    Para os textos integrais das notícias consultar as ligações indicadas.

    ==========================
    1. Aviões e automóveis são principais fontes de ruído

    O mapa de ruído da Maia propõe o desnivelamento ou enterramento das
    vias rodoviárias mais barulhentas do concelho. A implementação de
    pavimento absorvente nas zonas onde se circula mais rápido, a
    introdução de áreas de velocidade condicionada na malha urbana e a
    instalação de barreiras acústicas transparentes nos viadutos são
    outras propostas do documento, com vista à resolução de um dos
    principais focos de ruído no concelho o tráfego rodoviário. A par dos
    automóveis, só o aeroporto de Francisco Sá Carneiro e algumas unidades
    industriais incomodam o sossego dos maiatos.

    https://jn.sapo.pt/2006/07/12/porto/avioes_e_automoveis_principais_fonte.html

    ==========================
    2. Ozono atinge níveis de alerta para a saúde

    As regiões de Braga, Santo Tirso e Paços de Ferreira registaram,
    ontem, níveis de ozono acima dos limites seguros para a saúde. A
    escala máxima de segurança estabelecida para este gás incolor oxidante
    fora ultrapassada pela primeira vez este ano anteontem à tarde, em
    Vila Real.
    O ozono forma-se ao nível do solo como resultado de reacções químicas
    que se estabelecem entre alguns poluentes primários, na presença de
    luz solar e elevadas temperaturas. Os poluentes primários são
    provenientes do tráfego, indústrias, aterros sanitários, tintas e
    solventes, florestas, estações de serviço e equipamentos mecânicos. Só
    no ano passado, Portugal registou 25 vezes níveis acima dos
    aceitáveis.

    https://jn.sapo.pt/2006/07/12/sociedade_e_vida/ozono_atinge_niveis_alerta_para_a_sa.html

    Ozono ultrapassou o valor máximo
    https://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=b6d767d2f8ed5d21a44b0e5886680cb9&subsec=&id=ec40ac9437cbeb0c16ff9d67891d4db3

    ==========================
    3. Alienação polémica de edifício

    A venda de um edifício ao Mira Clube, por 701,9 mil euros, ontem
    aprovada com os votos da maioria PSD/PP, mereceu fortes dúvidas dos
    vereadores do PS e da CDU. Recorde-se que há cinco anos a autarquia
    tinha denunciado o contrato de arrendamento com a associação,
    interpondo mesmo uma acção de despejo. Parte do imóvel fora entretanto
    prometido à Cooperativa Árvore.

    https://jn.sapo.pt/2006/07/12/porto/alienacao_polemica_edificio.html

    ==========================
    4. Melhoria na rede de água custará cinco milhões

    A empresa Águas de Gondomar anunciou, ontem, que investirá, até ao
    final do ano, cerca de cinco milhões de euros, no âmbito de um plano
    de investimentos global de 80 milhões de euros para melhorar a
    qualidade da rede.
    “Já foram remodelados 80 quilómetros da rede de distribuição de água,
    instalados 110 quilómetros de rede de águas residuais domésticas,
    construiu cinco reservatórios e colocou 33 quilómetros de redes
    adutoras”, explica a empresa.

    https://jn.sapo.pt/2006/07/12/porto/melhoria_rede_agua_custara_cinco_mil.html

    Águas de Gondomar investem cinco milhões
    https://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=eccbc87e4b5ce2fe28308fd9f2a7baf3&subsec=&id=f4e40025db934e587a3de0bd39ab3586

    ==========================
    5. Câmara pede devolução de lotes industriais

    Os proprietários de fracções de terrenos em zonas industriais de Santa
    Maria da Feira, que durante anos não procederam à instalação
    deunidades de laboração, serão obrigados a devolver os terrenos à
    autarquia. A Câmara está a proceder ao levantamento dos espaços das
    zonas industriais que, depois de vendidos pela autarquia, não foram
    ocupados pelos proprietários com as previstas instalações industriais.

    https://jn.sapo.pt/2006/07/12/porto/camara_pede_devolucao_lotes_industri.html

    ==========================
    6. Barragem no rio Pinhão a funcionar em 2008

    A empresa intermunicipal Águas de Trás-os-Montes e Alto Douro (ATMAD)
    anunciou, ontem, a construção de uma nova barragem, no rio Pinhão, no
    limite do município de Sabrosa.

    O empreendimento, que deverá entrar em funcionamento em 2008, “vai
    custar cerca de quatro milhões de euros e abastecerá 75 mil habitantes
    de Sabrosa, Vila Real, Peso da Régua e Alijó”, referiu Alexandre
    Chaves.

    O presidente do Conselho de Administração da ATMAD acrescentou que “a
    obra, cujo contrato e auto de consignação foram assinados hoje
    (ontem), com o consórcio Somague/Chupas e Morrão, deverá arrancar
    dentro de duas semanas e o prazo de conclusão é de 480 dias”,
    esclareceu.

    Esta barragem vai ajudar a “resolver a falta de água em algumas
    freguesias da zona, mas tem também as particularidades de dispor de
    uma passagem para peixes e toupeiras de água e um plano de recuperação
    da área envolvente, com acompanhamento permanente de um arqueólogo”.

    Para o presidente da Câmara Municipal de Sabrosa, José Marques, “esta
    barragem é muito importante, sobretudo, para os habitantes da zona sul
    do município, onde existem vários problemas ao nível do abastecimento
    de água, não só no que toca à quantidade, mas também à qualidade”. O
    autarca dá o exemplo de Chanceleiros, “onde foi necessário encerrar
    uma das captações por má qualidade e, agora, são os bombeiros que,
    semanalmente, enchem os depósitos”.

    O presidente da Câmara de Alijó, Artur Cascarejo, também realçou o
    facto de a nova barragem “resolver em definitivo os problemas de água
    nas freguesias de Vila Verde e Vilar de Maçada” e lembrou que
    “servirá, ainda, para abastecer outras barragens, caso seja
    necessário”.

    O subsistema do Pinhão alimentará supletivamente os sistemas de Vila
    Chã, que serve Alijó e Murça, e do Sôrdo, que serve populações de Vila
    Real, Régua, Mesão Frio e Santa Marta de Penaguião.

    Os sete concelhos do Douro Norte passarão, em 2008, a ser abastecidos
    apenas por três pontos de origem Pinhão, Sôrdo e captação superficial
    da Campeã (Vila Real).

    https://jn.sapo.pt/2006/07/12/norte/barragem_rio_pinhao_a_funcionar_2008.html

    ==========================
    7. Linha do Tua pode estar em risco

    A CP prepara-se para encerrar várias linhas férreas, entre elas a do
    Tua. O alerta foi lançado pelo partido ecologista Os Verdes, revelando
    que são medidas que constam do plano estratégico da CP e que o próprio
    Ministério das Obras Públicas e Transportes já terá dado luz verde a
    essas propostas de encerramento. O partido vai levar a cabo, em
    Agosto, uma “viagem” em defesa das linhas do Tâmega, Corgo e Tua.

    Os Verdes estão indignados com a decisão e prometem denunciar o caso à
    Comissão Europeia, porque “vai trazer graves problemas às populações e
    à economia regional, acentuando mais as assimetrias existentes pelo
    desincentivo que representa à instalação de indústrias e serviços que
    poderiam beneficiar da linha férrea para o transporte a menores custos
    das mercadorias”.

    Esta questão teve, recentemente, mais desenvolvimentos, com a visita
    de Mário Lino ao distrito de Bragança, onde o ministro dos Transportes
    referiu que, apesar de não ter nenhuma decisão tomada sobre o assunto,
    sempre foi adiantando que “existem algumas linhas que não têm procura,
    pelo que é insustentável manter um troço que as pessoas não querem
    utilizar.”

    https://jn.sapo.pt/2006/07/12/norte/linha_tua_pode_estar_risco.html

    ==========================
    8. Gatil na escola secundária Santos Simões

    Encontrar um gatil numa escola não é cenário comum. Mas, em Setembro,
    quando começar o novo ano lectivo, os alunos da escola secundária
    Santos Simões, em Guimarães, vão passar a lidar com…gatos. A ideia de
    criar naquele estabelecimento de ensino uma “casa para gatos
    abandonados” partiu da professora Luísa Veiga e transformou-se em
    projecto pedagógico, já aprovado em reunião da Assembleia de Escola.

    “Queremos sensibilizar os alunos para a questão do abandono dos
    animais, que é mais evidente no Verão”, referiu a professora ao JN. “É
    um projecto inovador. Não estamos a falar de jaulas para os gatos, mas
    de um espaço de lazer amplo, onde os animais podem circular à
    vontade”, adianta.

    A ligação aos gatos, conta Luísa Veiga, surgiu na antiga escola da
    Veiga (a “antecessora” da actual Santos Simões), um conjunto de
    pré-fabricados que funcionou durante mais de 20 anos, sem condições,
    perto do campus de Azurém da Universidade do Minho. A comunidade
    escolar acabou por apadrinhar três gatos abandonados, alimentando-os e
    tratando-os, e que serão, em Setembro, os primeiros inquilinos do
    gatil da escola.

    “O projecto pode servir para resolver conflitos familiares”, nota
    Luísa Veiga, explicando “Há alunos que gostam de gatos, mas não os
    podem ter em casa, às vezes por imposição dos pais. Assim, podem
    deixá-los no gatil e cuidar deles aqui”, sublinha Luísa Veiga,
    salientando o “envolvimento da veterinária da Câmara municipal” nas
    questões de saúde e higiene.

    Outro dos objectivos, informa Luísa Veiga, é fomentar a adopção de
    gatos abandonados, em cooperação com a autarquia vimaranense que
    dispõe de um equipamento do género, de maiores dimensões, na freguesia
    de Aldão. Com capacidade para 25/30 gatos, o gatil da escola terá um
    espaço relvado, com troncos de árvores, e diversos compartimentos
    dormitório; casa das máquinas de lavar e secar roupa; arrumos (comida,
    areia, mantas, medicação); sanitários e alimentação, com comedouros e
    bebedouros em inox para evitar infecções. A turma de Arte da escola já
    tem concluído o projecto que visa decorar, com grafitis coloridos, as
    paredes exteriores.

    Agora, conclui a professora, “só falta o dinheiro” para acabar a obra.
    “Já pedimos a ajuda de empreiteiros da zona para que nos cedam
    materiais que não usam. Estou convencida que a ajuda vai chegar”.

    https://jn.sapo.pt/2006/07/12/minho/gatil_escola_secundaria_santos_simoe.html

    ==========================
    9. Demolição do Coutinho independente dos tribunais

    demolição do prédio Coutinho poderá avançar sem que existam ainda
    decisões dos tribunais relativas aos processos interpostos pelos
    moradores no edifício. Quem o diz é o presidente da Câmara de Viana do
    Castelo, Defensor Moura, numa altura em que é dado a conhecer o
    relatório da comissão de avaliação das propostas para a intervenção,
    documento que aponta para a demolição piso a piso do edifício de 13
    andares. Indiferente à declaração mostra-se, porém, a associação de
    residentes, para quem a afirmação não passa de “mais um acto de
    terrorismo psicológico dirigido aos moradores”.

    https://jn.sapo.pt/2006/07/12/minho/demolicao_coutinho_independente_trib.html

    ==========================
    10. Demolição do Coutinho independente dos tribunais

    demolição do prédio Coutinho poderá avançar sem que existam ainda
    decisões dos tribunais relativas aos processos interpostos pelos
    moradores no edifício. Quem o diz é o presidente da Câmara de Viana do
    Castelo, Defensor Moura, numa altura em que é dado a conhecer o
    relatório da comissão de avaliação das propostas para a intervenção,
    documento que aponta para a demolição piso a piso do edifício de 13
    andares. Indiferente à declaração mostra-se, porém, a associação de
    residentes, para quem a afirmação não passa de “mais um acto de
    terrorismo psicológico dirigido aos moradores”.

    https://jn.sapo.pt/2006/07/12/minho/demolicao_coutinho_independente_trib.html

    ==========================
    11. Análises à qualidade da água revelaram presença de Coliformes na
    praia de Árvore

    Seis praias da zona norte estão interditas a banhos por a água conter
    riscos para a saúde, sendo uma delas a de Árvore, em Vila do Conde. As
    análises à qualidade da água, disponíveis no site do Instituto da Água
    (INAG), revelam elevados níveis de coliformes fecais e totais, podendo
    estes microorganismos provocar, nos banhistas, “vários problemas de
    saúde entre os quais doenças de pele, otites, gastroenterites ou
    conjuntivites”, explicou José Salgado, do INAG, à agência Lusa.
    As razões pelos elevados níveis de microorganismos patogénicos na água
    estão geralmente associadas a factores humanos, sejam descargas de
    indústrias ou problemas no saneamento. No caso da praia de Árvore, o
    edil de Vila do Conde, Mário Almeida, explicou, em comunicado, que “a
    zona balnear em causa localiza-se a 1200 metros a sul da foz do rio
    Ave, tendo já várias vezes sido notícia pelo facto de registar efeitos
    pontuais negativos do mesmo”.

    https://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=eccbc87e4b5ce2fe28308fd9f2a7baf3&subsec=&id=220642284f0940bb12ba38a98e4aa666

    ==========================

    Para se desligar ou religar veja informações no rodapé da mensagem.

    O arquivo desta lista desde o seu início é acessível através de
    https://groups.yahoo.com/group/pned/

    Se quiser consultar os boletins atrasados veja
    https://campoaberto.pt/boletimPNED/

    ==========================
    INFORMAÇÃO SOBRE O BOLETIM INFOPNED:

    Acima apresentam-se sumários ou resumos de notícias de interesse
    urbanístico ou ambiental publicadas na edição electrónica do Jornal de
    Notícias e d’O Primeiro de Janeiro (e ocasionalmente de outros jornais
    ou fontes de informação).

    Esta lista foi criada e é animada pela associação Campo Aberto, e está
    aberta a todos os interessados sócios ou não sócios. O seu âmbito
    específico são as questões urbanísticas e ambientais do Noroeste,
    basicamente entre o Vouga e o Minho.

    Para mais informações e adesão à associação Campo Aberto:

    Campo Aberto – associação de defesa do ambiente
    Apartado 5052
    4018-001 Porto
    telefax 22 975 9592
    contacto@campoaberto.pt
    www.campoaberto.pt
    campo-aberto.blogspot.com

    Selecção hoje feita por Cristiane Carvalho

    ======================================

    Imprimir esta página Imprimir esta página

    Categorias: Boletim

    Deixar comentário