İzmir escort » İzmir eskort bayan » Vip Escorts beydağ escort bornova escort buca escort çeşme escort seferihisar escort beylikdüzü escort avrupa yakası escort mecidiyeköy escort beşiktaş escort Escort Paris porn tube porno porn porno amateur

    [PNED] Boletim 27.01.04
    Para desligar-se/religar-se ou para ler as mensagens em modo pagina, net
    veja informacoes no rodape da mensagem.

    O arquivo desta lista desde o seu inicio e acessivel atraves de
    https://groups.yahoo.com/group/pned/

    Terça-feira, 27 de Janeiro de 2004

    1. Ambientalistas querem ordenamento regional
    Porto-região_PDM vs Plano Regional
    Associações protestam contra o esquecimento da sociedade civil na elaboração
    da proposta do PDM
    As oito associações ambientalistas que, ontem, apresentaram o documento
    “Porto: rumo à cidade sustentável”, posição face à proposta de Plano
    Director Municipal (PDM), defendem que o documento não deve confinar-se aos
    limites da cidade. E reclamam a elaboração de um “instrumento ordenador do
    território que exceda os simples concelhos”. Um documento ao nível regional,
    observaram, apelando aos partidos políticos para que haja entendimento. “Não
    tenho tendências expansionistas. Fui eleito para ser presidente da Câmara”,
    contemporizou, no entanto, Rui Rio. Hugo Silva
    https://www.jn.pt/textos/out3031.asp

    2.Circunvalação reconvertida à boleia da linha do eléctrico
    Porto_PDM
    PDM prevê a passagem de via, mas o vereador da Câmara de Matosinhos Manuel
    Seabra diz que a criação da circular é “improvável” Câmaras fazem desenho
    conjunto Porto
    “Avenida da Circunvalação”. É assim que a proposta do Plano Director
    Municipal (PDM) do Porto se refere à estrada nacional. O momento de
    reconversão não está ainda calendarizado. O PDM prevê que avance,
    faseadamente, à boleia da construção da linhado eléctrico ou do Metro, mas o
    vereador do Urbanismo da Câmara de Matosinhos, Manuel Seabra, considera
    “improvável” que as composições cruzem a futura avenida. Ainda assim, as
    duas autarquias querem um projecto intermunicipal. Carla Sofia Luz
    https://www.jn.pt/textos/out3033.asp

    3.Os construtivistas
    Porto- crónica ambiental
    por bernardino guimarães ambientalista
    O debate público do PDM (Plano Director Municipal) do Porto está a chegar ao
    fim. O que esteve, está, em discussão é um documento estratégico, de
    considerável importância. Lamenta-se que o debate não tenha sido mais
    aprofundado e levado, tanto quanto possível, até ao cidadão comum. O que
    implicaria “traduzi-lo”, ao PDM, em grandes opções políticas acessíveis para
    além dos emaranhados códigos técnicos.
    https://www.jn.pt/textos/out3035.asp

    4.Rio garante “via verde” para projectos na Baixa
    Porto_Reabilitação da BaixaCâmara fará “discriminações positivas” de
    projectos de reabilitação em relação à construção nova FEUP tem cinco meses
    para estudar a Baixa
    A diversidade social da Baixa é um dos objectivos de Joaquim Branco para a
    reabilitação. Para evitar que as famílias pobres deixem o centro e se
    instalem apenas os moradores com maior capacidade financeira, o presidente
    da comissão instaladora da SRU portuense acredita que é preciso o apoio
    estatal. “O Instituto Nacional da Habitação (INH) tem de intervir na
    reabilitação dos prédios onde vivem famílias desfavorecidas.
    https://www.jn.pt/textos/out3036.aspCarla Sofia Luz

    5.Industriais recusam TGV sem mercadorias
    Aveiro_ Alta Velocidade
    Associação estranha palavras do ministro, que aponta para um comboio só de
    passageiros
    AAssociação Industrial do Distrito de Aveiro (AIDA) está convencida de que o
    mapa do traçado do TGV, saído da Cimeira Ibérica de Novembro do ano passado,
    se mantém conforme o acordado: servindo conjuntamente para transporte de
    passageiros e de mercadorias. José Carlos Maximino
    https://www.jn.pt/textos/out30512.asp

    6. Queixas contra a Brisa já chegaram à Deco
    Alto Minho_ portagens
    Sete automobilistas já foram notificados por passagem em Via Verde que negam
    ter efectuado Um dos lesados tem já à sua conta 18 multas para pagar por
    infração
    Miguel Rodrigues
    https://www.jn.pt/textos/out30525.asp

    7.«Plataforma Convergir» apresentou propostas para melhorar o PDM
    PDM deve criar uma cidade sustentável

    A «Plataforma Convergir», que reúne oito associações ambientalistas, propôs
    à Câmara Municipal do Porto o aumento das zonas verdes de utilização
    pública, para que a cidade se aproxime da média comunitária. A discussão
    pública do PDM está prestes a terminar.

    As associações sugerem também que a autarquia proteja as estações de metro
    da especulação imobiliária e salvaguarda o património rural e
    arquitectónico. Pretendem ainda o incentivo das energias renováveis, uma vez
    que, “somos um dos países da Europa com mais disponibilidade solar”. A
    reabilitação da Baixa é, segundo os ambientalistas, um dos aspectos mais
    positivos do PDM. Sugerem, contudo, a retirada de uma alínea que autoriza as
    traseiras de um edifício a ultrapassar as dos vizinhos, pois, alertam, “esta
    excepção, habilmente manobrada, permitiria impermeabilizar quase cem por
    cento da Baixa e acabar com o verde no interior dos quarteirões”. Estas
    propostas e constam do documento «Porto: Rumo à cidade sustentável»,
    subscrito pelas associações ambientais April, Campo Aberto, Fapas, Gaia,
    NDMALO, Olho Vivo, Quercus e Terra Viva. Este documento foi entregue no
    passado dia 19 na Câmara Municipal do Porto, no âmbito da discussão pública
    do PDM, que termina no final deste mês. “Fizemos este contributo. Agora
    esperamos que a autarquia nos tome em consideração”, afirmou Nuno Quental,
    da associação Campo Aberto, referindo que vai decorrer ainda o período de
    concertação, onde todas as partes interessadas procuraram chegar a um
    consenso e, por isso, há ainda alguma esperança de ver incluídas algumas
    propostas dos ambientalistas.

    Para Nuno Quental, “há uma melhoria em relação aos PDM anteriores, mas o
    documento poderia ser mais ambicioso, pois, se o plano for cumprido, os
    espaços verdes ficam muito longe da média europeia”. O responsável da

    «Plataforma Convergir» considera que “é possível obter na cidade do Porto
    uma área de espaços verdes por habitante próxima da média europeia, desde
    que se queira. A questão é: será que a câmara está interessada?”. Os
    signatários do «Porto: Rumo à cidade sustentável» consideram ainda que o PDM
    privilegia o tráfego automóvel e lamentam a “fraca aposta” na expansão dos
    espaços destinados a peões e bicicletas.

    Além das questões ambientais, os subscritores desta proposta criticam a
    escassez de participação pública, considerando que “mancha o PDM”. Os
    ecologistas sustentam que deveria ter sido criada “uma comissão de
    acompanhamento representativa dos cidadãos e das suas associações,
    nomeadamente as signatárias do documento, que marcaria a presença da
    sociedade civil no processo”.L.P.
    https://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=eccbc87e4b5ce2fe28308fd9f2a7baf3&subsec=&id=7b39330d0da4faff87808a3f517b9641

    INFORMACAO SOBRE O BOLETIM INFOPNED:

    Acima apresentou-se o sumario e/ou resumos de noticias de interesse
    urbanistico/ambiental publicadas na edicao electronica do Jornal de
    Noticias, de O Primeiro de Janeiro.

    Esta lista foi criada e e animada pela associação Campo Aberto, e está
    aberta a todos os interessados socios ou nao sócios. O seu ambito específico
    sao as questões urbanísticas e ambientais do Noroeste, basicamente entre o
    Vouga e o Minho.

    Selecção hoje feita por Alexandre Bahia

    =============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============

    Para difundir mensagens escreva para: pned@yahoogrupos.com.br

    Para assinar a lista envie mensagem sem assunto para: pned-subscribe@yahoogroups.com e com o corpo da mensagem vazio.

    Para cancelar a assinatura envie mensagem em que o único texto é “unsubscribe PNED” (sem assunto/subject) para: pned-unsubscribe@egroups.com

    Para contactar directamente os coordenadores da lista envie mensagem a: pned-owner@egroups.com

    Se quiser informar-se das várias possibilidades para a leitura das suas mensagens ou da forma de alterar os seus dados pessoais, pode consultar:

    https://groups.yahoo.com/group/pned/

    Neste grupo não são permitidas mensagens com anexos.

    =============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============

    Seu uso do Yahoo! Grupos é sujeito às regras descritas em: https://br.yahoo.com/info/utos.html

    Imprimir esta página Imprimir esta página

    Categorias: Boletim

    Deixar comentário