• Abr : 24 : 2019 - Poluição Luminosa
  • Ago : 11 : 2014 - Apelo ao boicote de alimentos com milho transgénico
  • Nov : 23 : 2011 - Petição pela salvaguarda das Sete Fontes
  • Jul : 6 : 2011 - Perigo para Paisagem Protegida Valongo
  • Jun : 17 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação – resposta da C.M. Porto

[PNED] 12 Abr/ Quinta do Monte/ Foz Velha
Sábado, 12 de Abril de 2003

(Para qualquer problema com esta lista, seguir por favor as instruções do
rodapé desta mensagem.)

DESTAQUE: Quinta do Monte Foz Velha

Quando se pode elogiar, não se deve deixar fugir a ocasião. Numa atitude
pioneira, a autarquia do Porto solicitou parecer à Junta de Freguesia da Foz
sobre o projecto de condomínio fechado previsto para a Quinta do Monte, na
Foz Velha. Por sua vez, a Junta de Freguesia consultou os moradores da zona
e o recém-criado Observatório da Foz Velha. Daí resultou um parecer negativo
sobre o projecto. Associar mais estreitamente as Juntas de Freguesia, e para
além delas os moradores dos quarteirões ou zonas, às decisões que as
afectam, será certamente, numa cidade como o Porto, um contributo importante
para evitar projectos arrasadores e deslocados.

Seguem-se o sumário (Publico e JN) e os resumos de notícias de interesse
urbanístico/ambiental publicadas na edição electrónica do JN, em 12 de Abril
de 2003. A selecção é da associação Campo Aberto. Para os textos integrais
consultar as referidas páginas ou a respectiva edição em papel.

PNED = Porto e Noroeste em Debate

Notícias fora deste âmbito geográfico podem a título excepcional ser
incluídas por apresentarem interesse evidente para questões relativas ao
Porto e Noroeste.

SUMÁRIOS

Público

1. Porto: Bairro de S. João de Deus discute plano de reconversão
2. Porto: A Baixa adormecida
3. Porto: Flores vão perfumar ruas da Baixa Portuense
4. Porto: Junta da Foz dá parecer negativo à Urbanização da Quinta do Monte
5. Porto: Urbanização do Parque da Cidade já pode avançar (Aldoar)
6. Espinho: rebaixamento da linha férrea deverá avançar até ao Verão
7. Maia: PS da Maia está a a ter dificuldades em fazer oposição (Errata: o
deputado municipal a que se fez referência em 11 de Abril é Basto Cunha e
não Joaquim Armindo. Ver nota intitulada Negócio da Maia)

JN

1. Porto: Barracas do Freixo acolhem 12 famílias de etnia cigana
Câmara não vai realojar moradores
2. Gaia: Bastaram cinco minutos para arrasar o Bar Azul
3. Espinho: Enterramento da linha ainda sem data de início
4. Gaia: Marginal com sentido único

RESUMOS

JN

1. Porto: Barracas do Freixo acolhem 12 famílias de etnia cigana

PobrezA Mais de 30 pessoas vivem num acampamento, na margem do rio Torto,
alimentando o sonho de ter uma casa Moradores garantem que ali não há
desalojados do S. João de Deus
fernando timóteo Carla Sofia Luz

Mais de 30 pessoas vivem na margem do rio Torto, junto à Rua do Bacelo
(Porto). O terreno baldio e incerto acolhe as exíguas barracas em madeira e
em zinco e a vida difícil de cerca de 12 famílias de etnia cigana.

Câmara não vai realojar moradores

A Câmara Municipal do Porto não vai realojar as famílias de etnia cigana que
acamparam junto ao rio Torto. O esclarecimento é dado pelo vereador da
Habitação, Paulo Morais, lembrando que, no primeiro mês do mandato, deram
habitações a todas as pessoas que viviam em barracas em terrenos públicos e
estavam inscritas no Plano Especial de Realojamento (PER). “É um problema
que este Executivo herdou e vamos deixar a zona em melhor situação. Ali, as
famílias não serão realojadas, mas terão de abandonar o local. Não podemos
permitir que existam construções ilegais na cidade do Porto”, salientou o
autarca, deixando claro que os moradores não foram recenseados no âmbito do
PER. “Acabar com as barracas nos espaços públicos foi a primeira prioridade.
Foram erradicadas. Não vamos realojar mais ninguém que viva em construções
ilegais”, afirmou.

2. Gaia: Bastaram cinco minutos para arrasar o Bar Azul

requalificação Empreitada de renovação da orla costeira segue marcha em
Salgueiros e Lavadores Poças Martins assegura que as obras estarão
concluídas a tempo da época balnear
pedro correia Hugo Silva

Aimponente máquina, uma retroescavadora amarela, não precisou de mais do que
cinco minutos para reduzir o Bar Azul, junto à praia de Salgueiros, em Gaia,
a um monte de destroços. Mais um passo para a renovação da orla costeira do
concelho, testemunhada por curiosos, antigos clientes e pelo vice-presidente
da Câmara de Gaia. “Noutros sítios, a demolição teria que ser feita com a
GNR”, ironizou Poças Martins.

3. Espinho: Enterramento da linha ainda sem data de início

Espera Faseamento da obra já foi delineado, mas vai ficar à espera do aval
do novo ministro das Obras Públicas
Natacha Palma

A população de Espinho vai ter de continuar em suspenso. É que, depois da
reunião de ontem, entre José Mota e Rolando de Sousa, respectivamente
presidente e vice-presidente da Câmara de Espinho, com o Conselho de
Administração da REFER, continua por marcar a data de início da obra de
enterramento da linha férrea no centro daquela cidade. Segundo José Mota,
foi delineado todo o faseamento da empreitada, mas ainda não é possível
avançar com a data em que será dado o sinal verde à já considerada “obra do
século” para Espinho.

4. Gaia: Marginal com sentido único

A marginal de Gaia, conforme noticiou o JN, vai passar a ter o sentido único
de circulação norte-sul. Poças Martins explicou que a implantação desse
modelo será faseada. O primeiro troço a mudar será aquele que liga
Francelos/Miramar a Valadares, estendendo-se, depois, à Madalena. Por fim, o
sentido único vai impôr-se até Lavadores.

=============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============

Para difundir mensagens escreva para: pned@egroups.com

Para assinar a lista envie mensagem sem assunto para: pned-subscribe@yahoogroups.com e com o corpo da mensagem vazio.

Para cancelar a assinatura envie mensagem em que o único texto é “unsubscribe PNED” (sem assunto/subject) para: pned-unsubscribe@egroups.com

Para contactar directamente os coordenadores da lista envie mensagem a: pned-owner@egroups.com

Se quiser informar-se das várias possibilidades para a leitura das suas mensagens ou da forma de alterar os seus dados pessoais, pode consultar:

https://www.egroups.com/group/pned

Neste grupo não são permitidas mensagens com anexos.

=============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============

Seu uso do Yahoo! Grupos é sujeito às regras descritas em: https://br.yahoo.com/info/utos.html

Imprimir esta página Imprimir esta página

Categorias: Boletim

Deixar comentário