• Set : 17 : 2020 - ALERTA AOS CIDADÃOS: TRÊS JARDINS DO PORTO E 503 SOBREIROS EM GAIA AMEAÇADOS DE MUTILAÇÃO E ABATE
  • Mai : 14 : 2020 - Por Amor da Árvore 2020
  • Abr : 24 : 2019 - Poluição Luminosa
  • Ago : 11 : 2014 - Apelo ao boicote de alimentos com milho transgénico
  • Nov : 23 : 2011 - Petição pela salvaguarda das Sete Fontes

(Para qualquer problema com esta lista, seguir por favor as instrucoes do
rodape desta mensagem.)

Destaque: Paralela à Av. Boavista

Eis como se fazem infra-estruturas muitas vezes entre nós, ou como se
“urbaniza”: sem ter a menor consideração pelas pessoas, vidas e moradas de
quem vai ser afectado, por vezes pesadamente. Só a posteriori, e depois de
contestação dos atingidos, se faz por vezes alguma negociação para mitigar
os efeitos, por vezes já então irremediáveis no essencial. Em última
análise, o poder discricionário que sempre pretende falar em nome do
“interesse público” e interpretá-lo à sua maneira, acabará sempre por
decidir sem dó nem piedade, por mais auscultação e concertação que pratique
ou venha a praticar. Mas apesar de tudo seria possível evitar o pior ou pelo
menos o obviável com mais alguma capacidade de auscultação e concertação.

Seguem-se os resumos de noticias de interesse urbanistico/ambiental
publicadas na edicao electronica do JN e Publico Norte em 24 de Janeiro de
2003. Para os textos integrais consultar as referidas paginas ou a
respectiva edicao em papel.

PNED = Porto e Noroeste em Debate

24 de Janeiro de 2003

JN

Coisas irrelevantes
Terrenos, PDM e metros quadrados

Vender um terreno no qual se pode construir é um acto normal de quem é dono
de um e não pode ou não pretende usar essa possibilidade. Ora porque não
quer, ora porque não sabe como fazê-lo, ora porque, querendo ou sabendo, não
tem paciência nem motivação. Por isso, passa para outrem essa possibilidade
e essa carga de trabalhos que é ter de fazer uma coisa contra a qual estará
toda a gente que não esteja directamente interessada nessa mesma coisa. Por
isso, esse outrem, ou seja, o comprador, sabe que tem de fazer, desde logo,
uma série de coisas que o vendedor não queria, não sabia ou não tinha, para
tanto, a devida paciência. Isto, partindo do princípio de que o comprador
não é parvo e não acabou de comprar o que não conhecia.

Edifício Transparente só abrirá no Outono

Presidente da Sociedade Casa da Música/Porto 2001 garante que vai ser um
espaço multiusos e que até 15 de Abril será concessionado Alice rios

“Este edifício não é para demolir nem para ser um barracão, mas para ter
gente e muita vitalidade”, afirmou, ontem, o presidente da Sociedade Casa da
Música/Porto 2001, Rui Amaral, referindo-se ao polémico Edifício
Transparente.

GNR quer ir para Bela Vista

Governador civil visitou instalações do Carmo, “exíguas e degradantes”
Alice Rios

O retorno da GNR ao quartel da Bela Vista é uma pretensão assumida pelo
comandante da Brigada Territorial nº 4 da Guarda Nacional Republicana (GNR),
major-general Oliveira Figueiredo, que ontem mostrou ao governador civil do
Porto as “instalações exíguas e degradantes” onde está alojado o Comando
daquela unidade.

Águas pluviais inundam o parque

“Da parte da Sociedade Casa da Música/Porto 2001 não resta fazer mais nada
no parque de estacionamento do Castelo do Queijo”, afirmou, ontem, o
presidente do Conselho de Administração da Sociedade, Rui Amaral, com base
nos resultados de uma vistoria efectuada, anteontem, e em que participaram
Rui Sá, vereador do Ambiente da Câmara do Porto e presidente do Conselho de
Administração dos SMAS, bem como o concessionário e representantes do
empreiteiro e do projectista.

Paralela à Boavista corta acesso a zona de Ramalde

Moradores querem intervenção urgente da Câmara Municipal

A construção da via paralela à Avenida da Boavista, incluída no sistema de
acessos ao Estádio do Bessa, tem outro foco de contestação.

Público

Associação de Empresas de Vinho do Porto Reúne-se Hoje com Menezes
Por ANDREA CUNHA FREITAS

A direcção da Associação de Empresas de Vinho do Porto (AEVP) vai reunir-se
hoje com Luís Filipe Menezes, presidente da Câmara Muncipal de Vila Nova de
Gaia, para discutir a candidatura a Património Mundial das caves, proposta
pela autarquia. O encontro foi agendado após a associação vinícola ter
manifestado publicamente algumas reservas relativas às implicações de uma
eventual classificação. TEXTO

“Edifício Transparente” Pouco Concorrido
Por JORGE MARMELO

O chamado “edifício transparente”, construído entre o Parque da Cidade e o
mar pela Porto 2001, é um “espaço magnífico”, com “uma localização
estratégica excelente”, e , por isso, vai mesmo ser um dos locais de grande
animação da cidade. TEXTO

Imprimir esta página Imprimir esta página

Categorias: Boletim

Deixar comentário