Veja o site da Campo Aberto:
    https://www.campoaberto.pt/

    Comente, participe. Divulgue!

    ==========================
    Caro Leitor do Boletim Diário PNED:

    Se ainda não o é, e se concorda, ainda que apenas em parte, com o que é e faz a Campo Aberto, e se julga útil apoiá-la, faça-se sócio!

    Em alternativa assine a revista Ar Livre (que os sócios também recebem).

    Peça informações:
    contacto@campoaberto.pt

    ==========================

    BOLETIM PORTO E NOROESTE EM DEBATE
    resumo das notícias de ambiente e urbanismo em linha

    Sábado, 03 de Novembro de 2007

    ==========================

    Para os textos integrais das notícias consultar as ligações indicadas.

    ==========================
    1. Colector despeja esgotos pela rua e indigna lojistas

    “A porcaria escorre pela rua abaixo de dia e de noite. Luta–se tanto para que haja saúde pública e permite-se que um equipamento da responsabilidade da Câmara esteja a jorrar esgotos há quatro dias?”. A frase dita por Manuel Gomes, dono de dois restaurantes na Rua do Comércio do Porto, no Porto, foi, ontem, cerca do meio-dia, quase abafada por som vindo de um colector de saneamento, mesmo no meio da via. Num rompante, esgotos começaram a jorrar rua abaixo, numa torrente malcheirosa.

    https://jn.sapo.pt/2007/11/03/porto/colector_despeja_esgotos_pela_ruae_i.html

    ==========================
    2. Queimadas sob suspeita

    O fumo voltou a manchar os céus do distrito de Braga. Nos últimos dois dias, registou-se um número de incêndios florestais fora do comum para a época e o som das sirenes voltou a ecoar nos quartéis. Fafe e Póvoa de Lanhoso foram os concelhos mais afectados e, até ao final do dia de ontem, homens e viaturas ainda se encontravam no terreno a combater os vários focos de incêndio activos. Os voluntários de Fafe foram chamados a nove incêndios, enquanto os congéneres da Póvoa de Lanhoso estiveram a contas com quatro fogos, dois dos quais de grandes dimensões.

    https://jn.sapo.pt/2007/11/02/norte/queimadas_suspeita.html

    ==========================
    3. Gás do aterro sanitário vai produzir energia

    O gás produzido pelos resíduos no aterro sanitário do Nordeste Transmontano garantiria electricidade a 750 habitações, um potencial energético que vai ser aproveitado no âmbito de um projecto apresentado em Bragança.

    A empresa intermunicipal responsável pela gestão e tratamento dos resíduos sólidos urbanos, a Resíduo do Nordeste, constituiu uma sociedade com uma empresa privada do sector, a Painhas, SA, para o aproveitamento energético do biogás do aterro. A nova sociedade vai chamar-se Nordeste Energia – Energias Renováveis e tem um capital social inicial de cinco mil euros, subscrito em 75% pela Painhas, SA e 25% pela Resíduos do Nordeste.

    O aterro recebe o lixo dos 12 concelhos do distrito de Bragança mais o de Vila Nova de Foz Côa, na Guarda, e foi, há dez anos, o primeiro a funcionar como uma solução conjunta para diversos municípios. Localizado na Terra Quente Transmontana, em Urjais, o aterro será também um dos primeiros do país a desenvolver um projecto de aproveitamento do biogás. A energia produzida neste sistema será vendida à rede eléctrica nacional.

    De acordo com o presidente do Conselho de Administração da Resíduos do Nordeste, Eugénio de Castro, a parceira privada assumirá o investimento de 1,15 milhões de euros para a construção da central de valorização energética. A empresa receberá, anualmente, uma receita de 50 mil euros, equivalente a cerca de um quarto da produção de energia estimada e facturada à EDP.

    Segundo as estimativas dos responsáveis, o biogás resultante das cerca de 55 mil toneladas de resíduos, depositadas anualmente no aterro, produzirá electricidade equivalente ao consumo de 750 habitações.

    A nova sociedade, que ainda vai ser oficializada, prevê que o novo sistema esteja a funcionar dentro de “alguns meses” e tem também como objectivo futuro a exploração de outras fontes de energias renováveis.

    https://jn.sapo.pt/2007/11/02/norte/gas_aterro_sanitario_produzir_energi.html

    ==========================

    Para se desligar ou religar veja informações no rodapé da mensagem.

    O arquivo desta lista desde o seu início é acessível através de
    https://groups.yahoo.com/group/pned/

    Se quiser consultar os boletins atrasados veja
    https://campoaberto.pt/boletimPNED/

    ==========================
    INFORMAÇÃO SOBRE O BOLETIM INFOPNED:

    Acima apresentam-se sumários ou resumos de notícias de interesse
    urbanístico ou ambiental publicadas na edição electrónica do Jornal de
    Notícias e d’O Primeiro de Janeiro (e ocasionalmente de outros jornais
    ou fontes de informação).

    Esta lista foi criada e é animada pela associação Campo Aberto, e está
    aberta a todos os interessados sócios ou não sócios. O seu âmbito
    específico são as questões urbanísticas e ambientais do Noroeste,
    basicamente entre o Vouga e o Minho.

    Para mais informações e adesão à associação Campo Aberto:

    Campo Aberto – associação de defesa do ambiente
    Apartado 5052
    4018-001 Porto
    telefax 22 975 9592
    contacto@campoaberto.pt
    www.campoaberto.pt

    Selecção hoje feita por Cristiane Carvalho

    ======================================

    Imprimir esta página Imprimir esta página

    Categorias: Boletim

    Deixar comentário