• Set : 17 : 2020 - ALERTA AOS CIDADÃOS: TRÊS JARDINS DO PORTO E 503 SOBREIROS EM GAIA AMEAÇADOS DE MUTILAÇÃO E ABATE
  • Mai : 14 : 2020 - Por Amor da Árvore 2020
  • Abr : 24 : 2019 - Poluição Luminosa
  • Ago : 11 : 2014 - Apelo ao boicote de alimentos com milho transgénico
  • Nov : 23 : 2011 - Petição pela salvaguarda das Sete Fontes

30 de Junho, 21:30 : próximo debate do ciclo

Reflectir o Porto e a região metropolitana do Porto

Na Casa da Cultura de Paranhos
(Largo do Campo Lindo, 7, junto à PSP, no Porto)

«Cidadania, Movimento Associativo e Democracia Participada e Transparente»
=================================
Abertura da Sede da Campo Aberto

quartas-feiras
das 14:30 às 20:00
das 21:30 às 23:00
segundas-feiras
das 14:30 às 17:30
Horários válidos em Junho. Para Julho e Agosto horários serão divulgados
oportunamente

=================================
Destaque: Ataque em regra ao POOC

Sabe-se que o litoral português foi profundamente desfigurado e comprometido
pelos “negócios”. Não se estranha assim que um autarca, o presidente da
CMGaia, venha agora fulminar um ataque em regra ao POOC (Plano de
Ordenamento da Orla Costeira), tentativa do poder central de pôr um pouco de
ordem no caos. Cumpre o seu papel…
JCM
=================================
[Esta lista tem actualmente 387 participantes inscritos.]

Veja o site e o blogue da Campo Aberto:
https://www.campoaberto.pt/
https://campo-aberto.blogspot.com/

Veja também o blogue:
https://avenida-dos-aliados-porto.blogspot.com

Comente, participe, divulgue.

=================================

Caro Leitor do Boletim Diário PNED:

Se ainda não o é, e se concorda, ainda que apenas em parte, com o que é e
faz a Campo Aberto, e se julga útil apoiá-la, faça-se sócio!

Em alternativa assine a revista Ar Livre (que os sócios também recebem).

Peça informações:
campo_aberto@oninet.pt

Para desligar-se/religar-se ou para ler as mensagens em modo página, net
veja informações no rodapé da mensagem.

O arquivo desta lista desde o seu início é acessível através de
https://groups.yahoo.com/group/pned/

=================================

BOLETIM PORTO E NOROESTE EM DEBATE
resumo das notícias de ambiente e urbanismo em linha

=================================

Quarta-feira, 14 de Junho de 2006
=================================

Títulos no Público sem acesso livre

– Se o turismo não se apoiar no comboio, a região do Douro pode estragar-se
– Distrito de Bragança perde este mês 225 escolas
Num total de 292 estabelecimentos de ensino, no próximo ano lectivo só 67
irão reabrir na região

=================================

1. Norte/Noroeste: CCDRN vai reivindicar a reactivação das ligações durante
o Festival Internacional «Vinus Duri 2006»
De comboio pelo Douro até Espanha

Restaurar a linha-de-ferro do Norte até terras galegas e criar uma estrutura
nacional com políticas de articulação entre as 21 autarquias do Douro serão
duas reivindicações a fazer durante o «Vinus Duri 2006». O festival de
vinhos arranca dia 21 e tem vários palcos.

https://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=e4da3b7fbbce2345d7772b0674a3
18d5&subsec=&id=15e324ed4d0d34fe6a1638c39cac3949

=================================

2. Matosinhos: Câmara coloca limitadores de velocidade
Mais segurança no trânsito da cidade

A Câmara de Matosinhos vai implementar, até ao Verão, algumas medidas para
melhorar a mobilidade no concelho. A aposta passa, entre outras, pela
colocação de controladores de velocidade com câmara de detecção de
velocidade em algumas artérias.

https://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=eccbc87e4b5ce2fe28308fd9f2a7
baf3&subsec=&id=cd4bd500a3bf68b1b78824461f74251f

=================================

3. Porto: Balanço da SRU para os vereadores

Depois das dúvidas levantadas sobre o esvaziamento do capital social da
Sociedade de Reabilitação Urbana, os administradores da Porto Vivo vão fazer
um balanço da actividade já feita em reunião da Câmara do Porto. Os membros
da oposição dizem que já é tempo de ver obra feita.

https://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=eccbc87e4b5ce2fe28308fd9f2a7
baf3&subsec=&id=bb51859fefa514ac41990e86acc1e1ab

=================================

4. Gaia: Menezes critica ³normas fundamentalistas² feitas por técnicos que
desconhecem o concelho ³Ninguém dá lições de moral²

A Câmara de Gaia não aceita ³lições² de técnicos que desconhecem a realidade
concelhia. Luís Filipe Menezes enviou ontem esta mensagem ao Governo durante
a cerimónia de entrega das 17 bandeiras azuis, que comprovam o zelo
ambiental praticado no município.

Luís Filipe Menezes classificou o Plano de Ordenamento de Orla Costeira
(POOC) do Norte como um ³péssimo instrumento que resulta na impossibilidade
dos empresários fazerem negócio devido a leis completamente irrealistas,
hipócritas e irresponsáveis que não têm qualquer aplicabilidade². Com a
³moral² de quem já deu provas que é bom zelador pelo ambiente, o presidente
da Câmara Municipal de Vila Nova de Gaia apelou ao fim dos ³instrumentos
fundamentalistas, bizarros e estranhos feitos por técnicos que não
representam nada nem ninguém².
³Deixem-nos trabalhar², disse Menezes, parafraseando um antigo
primeiro-ministro e actual Presidente da República, Aníbal Cavaco Silva. O
autarca que falava na cerimónia do hastear da bandeira azul no concelho,
aproveitou a presença da governadora civil do Porto, Isabel Oneto, para
³enviar esta mensagem ao Governo de Portugal, que vai de encontro à vontade
reformista e à atitude pragmática de José Sócrates em conciliar defesa do
ambiente e ordenamento².

=================================

5. Maia: Plano Municipal da Defesa da Floresta Contra Incêndios da Maia está
quase pronto A preparar a época de fogos

A época de incêndios está aí e a Câmara da Maia não quer ver reduzida a
cinzas a sua floresta. Por isso, nos próximos meses será conhecido o Plano
Municipal da Defesa da Floresta Contra Incêndios. Ontem foi tempo para uma
acção de sensibilização.

https://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=eccbc87e4b5ce2fe28308fd9f2a7
baf3&subsec=&id=0da28647d09b4ab3dfa402fb0410de73

=================================

6. Porto: Câmara deu ordem para fechar o River Caffé

A Câmara do Porto já deu ordem de encerramento do River Caffé. É um dos
quatro estabelecimentos de diversão nocturna que 200 moradores do Largo do
Ouro querem ver fechados. Os vizinhos queixam-se do ruído intenso e da falta
de paz que lhes perturba o descanso. Depois de ter ouvido as reclamações dos
moradores, o comunista Rui Sá foi, ontem na sessão municipal, porta-voz da
insatisfação. O vereador do Urbanismo, Lino Ferreira, deu conta que, no
passado dia 12 de Dezembro, assinou um despacho para o encerramento do River
Caffé.

https://jn.sapo.pt/2006/06/14/porto/camara_ordem_para_fechar_o_river_caf.html

=================================

7. Porto: PS critica a fraca dinâmica da reabilitação

O PS considera que a dinâmica de reabilitação do edificado, protagonizada
pela Porto Vivo – Sociedade de Reabilitação Urbana (SRU), é fraca e fica
aquém da acção do extinto CRUARB. O vereador socialista Matos Fernandes
lembra que a SRU procedeu à renovação de um edifício, enquanto o CRUARB
recuperava, em média, 10 prédios por ano.

https://jn.sapo.pt/2006/06/14/porto/ps_critica_a_fraca_dinamica_reabilit.html

=================================

8. Vila do Conde: Feira reúne cerca de 200 artesãos

Mais de 200 artesãos participam, de 21 de Julho a 06 de Agosto, na 29.ª
Feira Nacional de Artesanato de Vila do Conde, anunciou fonte da organização
do certame, o maior do género em Portugal.

Organizada em parceria pela autarquia local e pela Associação para Defesa do
Artesanato e Património de Vila do Conde, a feira decorre no seu habitual
espaço, os jardins da Avenida Júlio Graça, ocupando uma superfície total de
11 mil metros quadrados.

https://jn.sapo.pt/2006/06/14/porto/feira_reune_cerca_200_artesaos.html

=================================

9. Minho: Oito novos parques eólicos arrancam no próximo ano

Energia eólica deverá entrar na rede nacional logo que haja luz verde

O consórcio que ganhou o concurso para a instalação dos parques eólicos no
Vale do Minho está à espera que a Rede Eléctrica Nacional (REN) reforce as
ligações eléctricas à subestação de Pedralva, em Braga, e defina a potência
das mesmas redes para que se possa concluir toda a segunda fase do projecto.
Um dos responsáveis da “VentoMinho” fez, ontem, à margem da assinatura de um
protocolo com o grupo de teatro “Comédias do Minho”, o ponto da situação
“Estamos à espera de que a REN defina uma data para podermos avançar com a
construção das linhas e de todas as estruturas que ainda faltam”.

=================================

10. Braga: Inventariar para proteger

Igreja da Senhora da Oliveira, em Guimarães, integra o grupo inicial

A arquidiocese de Braga vai iniciar um ambicioso projecto de inventariação
do património, com dois objectivos protecção e divulgação dos bens móveis e
imóveis. Muito embora o furto de arte sacra esteja longe da “agressividade”
de outros tempos, todas as peças ficarão devidamente registadas numa espécie
de cadastro online, totalmente contrário ao secretismo que o tráfico de arte
impõe.

https://jn.sapo.pt/2006/06/13/minho/inventariar_para_proteger.html

=================================

INFORMAÇÃO SOBRE O BOLETIM INFOPNED:

Acima apresenta-se o sumário e/ou resumos de notícias de interesse
urbanístico/ambiental publicadas na edição electrónica do Jornal de
Notícias e de O Primeiro de Janeiro (e ocasionalmente de outros
jornais ou fontes de informação).

Esta lista foi criada e é animada pela associação Campo Aberto, e está
aberta a todos os interessados sócios ou não sócios. O seu âmbito específico
são as questões urbanísticas e ambientais do Noroeste, basicamente entre o
Vouga e o Minho.

Selecção hoje feita por José Carlos Marques

Para mais informações e adesão à associação Campo Aberto:

Campo Aberto – associação de defesa do ambiente

www.campoaberto.pt
campo-aberto.blogspot.com

Apartado 5052
4018-001 Porto
telefax 22 975 9592
contacto@campoaberto.pt
=================

Imprimir esta página Imprimir esta página

Categorias: Boletim

Deixar comentário