• Set : 17 : 2020 - ALERTA AOS CIDADÃOS: TRÊS JARDINS DO PORTO E 503 SOBREIROS EM GAIA AMEAÇADOS DE MUTILAÇÃO E ABATE
  • Mai : 14 : 2020 - Por Amor da Árvore 2020
  • Abr : 24 : 2019 - Poluição Luminosa
  • Ago : 11 : 2014 - Apelo ao boicote de alimentos com milho transgénico
  • Nov : 23 : 2011 - Petição pela salvaguarda das Sete Fontes

[Esta lista tem actualmente 386 participantes inscritos.]
Veja o site e o blogue da Campo Aberto:
https://www.campoaberto.pt/
https://campo-aberto.blogspot.com/

Veja também o blogue:
https://avenida-dos-aliados-porto.blogspot.com

Comente, participe. Divulgue!
==========================
Caro Leitor do Boletim Diário PNED:

Se ainda não o é, e se concorda, ainda que apenas em parte, com o que é e faz
a Campo Aberto, e se julga útil apoiá-la, faça-se sócio!

Em alternativa assine a revista Ar Livre (que os sócios também recebem).

Peça informações:
campo_aberto@oninet.pt
==========================

BOLETIM PORTO E NOROESTE EM DEBATE
resumo das notícias de ambiente e urbanismo em linha

Domingo,18 de Dezembro de 2005
==========================

Para os textos integrais das notícias consultar as ligações indicadas.
==========================
1- PORTO
Um bispo que era o dono da mais bela rua do Porto
https://jn.sapo.pt/2005/12/18/grande_porto/um_bispo_era_o_dono_mais_bela_do_por.html

==========================
2-NORTE
Helena Gil, delegada regional da Cultura garante
“Rigor” nos apoios ao Norte
https://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=c20ad4d76fe97759aa27a0c99bff6710&subsec=&id=bebe85393f8db49204636ac95fa23c5d

==========================
3-PORTO
Guilherme Pinto, em entrevista ao JANEIRO
“Concessão dos SMAS vai avançar”
Em entrevista a O PRIMEIRO DE JANEIRO, Guilherme Pinto, presidente da câmara,
anunciou que até ao final de 2006, a concessão dos SMAS estará concluída. O
autarca falou, ainda, de alguns projectos e medidas que quer implantar durante
este mandato.
https://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=182be0c5cdcd5072bb1864cdee4d3d6e&subsec=&id=2c5cb3e4f5ac1e717e87f367366d81a5
==========================

4-Matosinhos é a cidade que representa o País no âmbito do Imaps
Medidas para prevenir catástrofes

A Câmara de Matosinhos promoveu, durante três dias, o primeiro encontro do
Imaps, um projecto europeu que pretende discutir e encontrar soluções para os
problemas ambientais das cidades portuárias. Maior ligação entre as entidades
públicas e os cidadãos é o desafio a que se propuseram.
https://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=eccbc87e4b5ce2fe28308fd9f2a7baf3&subsec=&id=f47d396cbf0fa15d22a8fc058c784074

==========================

5-Oliveira de Azeméis
“As obras de pedonização estão dentro do prazo”
A paciência dos oliveirenses está novamente a esgotar-se. As obras na cidade
arrancaram há, sensivelmente, um ano e parecem não ter fim. Contudo, Ápio
Assunção diz que é por uma “boa causa”, já que, depois de concluída, a
pedonização trará uma nova imagem ao coração da cidade. Esse dia está
marcado para o início de 2006.
(…)
Fundação La Salette. Muito se tem escrito e ouvido. Quais são as novidades?
A Fundação La Salette não poderia ter feito mais do que fez até aqui. É uma
estrutura de gestão do Parque que está a dar os primeiros passos e já
enfrentou um grande desafio, que foi a realização da festas de La Salette.
Penso que vamos no caminho certo, pois brevemente teremos novidades, isto é,
vamos mostrar aos oliveirenses aquilo que o Parque pode ser. Os oliveirenses
têm de decidir.
Quer concretizar?
Estamos a fazer um estudo muito aprofundado. Quando tivermos o estudo prévio,
este será posto à apreciação pública. Tudo o que se fizer no Parque de La
Salette terá de estar contemplado num plano estratégico. Vamos ter esses
documentos e levá-los ao debate público para vermos o que a Fundação fará
no futuro.
Está a falar-nos em termos ambientais e ecológicos apenas?
Não, em todos os aspectos. O estudo abrange tudo, desde equipamentos,
arborização, botânica, arruamentos, todas as estruturas…
Mantém-se a ideia da Escola de Hotelaria para a Estalagem e a conhecida como
«Casa do Mateiro» para sede da Fundação?
Exactamente. Esse estudo vai englobar, inclusivamente, a parte da Casa do
Mateiro.
https://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=e4da3b7fbbce2345d7772b0674a318d5&subsec=&id=53da1aaa72152b56c7bc73fe0845105a
==========================

6-BIODIVERSIDADE E CONSERVAÇÂO
SOCIEDADE- Ana Fernandes
A presença no planeta de quase oito centenas de animais e plantas pode ter os
dias contados. Para ajudar a estabelecer uma primeira linha de defesa global
contra a extinção, cientistas de várias organizações internacionais
identificaram os locais onde os esforços de conservação são mais urgentes

As extinções de animais e plantas são hoje entre 100 a mil vezes superior ao
que ocorria no passado devido à interferência do homem. (…) Cientistas –
entre os quais uma portuguesa – de diversas organizações publicam este semana
um artigo onde apontam para a urgência de se proteger 595 locais que albergam
794 espécies que correm o risco de “extinção iminente”.
O artigo, publicado na edição da próxima terça-feira da revista
norte-americana Proceedings of the National Academy of Sciences, faz o
levantamento dos animais e plantas cuja existência está reduzida a um único
espaço e analisa o grau de protecção destes espaços. A conclusão é que
apenas um terço está legalmente protegida.(…)
https://jornal.publico.clix.pt/noticias.asp?a=2005&m=12&d=18&uid=&id=54513&sid=6020

ANA SOFIA RODRIGUES Agora “vai tudo a eito”
Com apenas 32 anos, Ana Rodrigues acumula já uma importante experiência na
área a que se dedica. Bióloga licenciada (..) Ao PÚBLICO falou, por mail,
dos riscos que muitas espécies correm.
(…)
Em Portugal, quais são as situações mais graves e o que se pode fazer?
Entre os grupos analisados até ao momento, foram identificadas duas espécies
de aves em perigo iminente de extinção cuja população está restrita a um
único local.
Uma delas é o Priolo (Pyrrhula murina), do qual restam menos de 250 indivíduos
na zona oriental da ilha de São Miguel, nos Açores.(…)
A segunda espécie é a Freira da Madeira (Pterodroma madeira), uma ave marinha
cuja população de menos de 80 casais nidifica numa área de 12 quilómetros
quadrados nas montanhas da ilha da Madeira. Originalmente tinha uma área muito
mais extensa, mas agora ocupa apenas zonas muito remotas, onde escapa ao
pisoteio de gado doméstico. Mesmo nessas áreas, as aves estão vulneráveis a
predação por ratos e por gatos, que são espécies exóticas na Madeira, e
para as quais as Freiras não estão ecologicamente preparadas. Também neste
caso a área onde a espécie ocorre é protegida (Parque Natural da Madeira e
Zona de Protecção Especial ao abrigo da Rede Natura 2000) mas algumas das
ameaças persistem. (…)
https://jornal.publico.clix.pt/noticias.asp?a=2005&m=12&d=18&uid=&id=54514&sid=6020

SOCIEDADE
Portugal é rico em biodiversidade e são vários os projectos de conservação
de espécies em perigo que decorrem no país. Muitos são da responsabilidade
do Instituto da Conservação da Natureza mas outras entidades dão também o
seu contributo para tentar proteger ou recuperar este património. Eis alguns
exemplos.
Abetarda
Na Zona de Protecção Especial para as Aves de Castro Verde, a Liga para a
Protecção da Natureza pôs de pé um dos mais bem sucedidos projectos de
conservação da natureza do país. Depois de adquirir 1700 hectares para
garantir que se mantinham culturas essenciais às aves estepárias, como a
abetarda, uma ave considerada em perigo, os ambientalistas desenvolveram o seu
projecto, criando ali um programa de desenvolvimento sustentável que reúne
agricultores, autarcas, empresas e a população. A iniciativa foi largamente
recompensada: das 400 abetardas que existiam no início dos anos 90, na
Primavera deste ano foram contadas 1094. Além disso, outras espécies, como o
peneireiro-das-torres, estão também a beneficiar da iniciativa, estando
também a recuperar. Outros projectos, concretamente o da Sociedade Portuguesa
para o Estudo das Aves em parceria com o Instituto da Conservação da Natureza
e a Associação de Agricultores do Concelho de Mourão, estão também a
contribuir para a preservação da abetarda e do sisão, outra ave estepária
com estatuto de vulnerável.

Foca-monge
A foca-monge do Mediterrâneo conhecida por lobo-marinho na Madeira, é a única
espécie de foca que vive em território português, concretamente nas Ilhas
Desertas do Arquipélago da Madeira. É a foca mais rara do mundo e uma das
espécies animais mais ameaçadas de extinção. No mundo não existem mais do
que 500 animais, calculando-se que podem até não ultrapassar os 300. Em 1988,
a população madeirense estava reduzida a seis indivíduos. Em 1990, foi criada
a Reserva Natural das Ilhas Desertas e o Parque Natural da Madeira tem ali
desenvolvido vários projectos de conservação. O esforço está a ser
recompensado. Actualmente, a colónia está em recuperação, já contando com
mais de 20 lobos-marinhos. Verificou-se um aumento do número de nascimentos
que ocorrem por ano, de 1 para 3. (…)

Freira da Madeira
A Freira da Madeira é uma das 23 espécies de aves mais ameaçadas em todo o
mundo. Além disso, é a ave marinha mais ameaçada da Europa e, provavelmente,
de todo o mundo. É endémica da ilha da Madeira, onde nidifica na parte
oriental do maciço montanhoso central. O Parque Natural da Madeira, com apoio
dos fundos comunitários e em parceria com a Secretaria Regional do Ambiente e
dos Recursos Naturais e a associação Fauna & Flora International, desenvolveu
um projecto de conservação da espécie para recuperar a vegetação que
constitui o habitat desta ave de forma a fomentar o aumento da população.
(…) Uma distinção merecida – dos 30 a 40 casais que ali existiam
aumentou-se para cerca de 65 a 75, passando do estatuto de “criticamente em
perigo” para “em perigo”.

Lobo
Apesar de o lobo ibérico ter habitado todo o continente ainda há 30 anos,
actualmente encontra-se em apenas três núcleos estáveis: Peneda-Gerês,
Montesinho e Alvão. As causas do seu declínio são a perseguição pelo
homem, a destruição do seu habitat e o extermínio das suas presas selvagens:
o veado e o corço. Há oito anos, o Grupo Lobo, criado por elementos do
Departamento de Biologia Animal da Faculdade de Ciências de Lisboa – e que
mantém na Malveira um centro de recuperação e observação deste animal –
deu início a uma experiência diferente nas serras de Montemuro e Alvão:
começou a utilizar cães de gado na defesa do lobo. (…)

Plantago almogravensis
Esta pequena plantinha, que passa desapercebida a quem por ela passa, tem uma
capacidade extraordinária: consegue retirar do solo e acumular perigosos
metais pesados como o alumínio ou o ferro. Confinada a pequenos núcleos perto
de Almograve, no Sudoeste alentejano, não ocupa mais do que cinco hectares
contíguos. Está muito ameaçada pela expansão de núcleos urbanos, pela
agricultura, pela má qualidade da água e pela ocupação pela acácia dos
terrenos onde vive. Há menos de dois anos, o Jardim Botânico da Faculdade de
Ciências da Universidade de Lisboa, com o apoio do Instituto da Conservação
da Natureza, lançou um projecto para proteger e recuperar este endemismo.(…)

Priolo
O Priolo é uma espécie endémica da ilha de S. Miguel, nos Açores,
concretamente da zona montanhosa localizada a leste da ilha, que abrange os
concelhos da Povoação e Nordeste. A população ronda os 150 casais,
confinados a fragmentos da vegetação natural desta região, o que fez com que
a zona fosse classificada, no âmbito da directiva Aves, como Zona de
Protecção Especial Pico da Vara/Ribeira do Guilherme. Trata-se de uma das
aves mais raras e ameaçadas do mundo, tendo por isso o estatuto de
criticamente em perigo. (…)Os últimos censos, feitos durante a
Primavera-Verão de 2005, apontam já para resultados animadores. De pouco mais
de 240 indivíduos até há pouco tempo, a população poderá situar-se
actualmente nas 300 aves. A.F.
https://jornal.publico.clix.pt/noticias.asp?a=2005&m=12&d=18&uid=&id=54512&sid=6020

==========================
GERÊS-
Galo do monte e perdiz cinzenta voltam ao Parque da Peneda-Gerês
https://www.diariodominho.pt/index.php?pag=noticia_detalhes&recordID=25121
==========================
==========================

Para se desligar ou religar veja informações no rodapé da mensagem.

O arquivo desta lista desde o seu início é acessível através de
https://groups.yahoo.com/group/pned/

Se quiser consultar os boletins atrasados veja
https://campoaberto.pt/boletimPNED/

==========================
INFORMAÇÃO SOBRE O BOLETIM INFOPNED:

Acima apresentam-se sumários ou resumos de notícias de interesse urbanístico
ou ambiental publicadas na edição electrónica do Jornal de Notícias e d’O
Primeiro de Janeiro (e ocasionalmente de outros jornais ou fontes de
informação).

Esta lista foi criada e é animada pela associação Campo Aberto, e está
aberta a todos os interessados sócios ou não sócios. O seu âmbito
específico são as questões urbanísticas e ambientais do Noroeste,
basicamente entre o Vouga e o Minho.

Para mais informações e adesão à Associação Campo Aberto:
contacto@campoaberto.pt
telefax 229759592
Apartado 5052, 4018-001 Porto

Selecção hoje feita por Manuela D.L.Ramos

=============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============

___________________________________________________________________

O SAPO já está livre de vírus com a Panda Software, fique você também!
Clique em: https://antivirus.sapo.pt

=============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============

Para difundir mensagens escreva para: pned@yahoogrupos.com.br

Neste grupo não são permitidas mensagens com anexos.

Para assinar a lista envie mensagem sem assunto para: pned-subscribe@yahoogrupos.com.br e com o corpo da mensagem vazio.

Para cancelar a assinatura envie mensagem em que o único texto é “unsubscribe PNED” (sem assunto/subject) para: pned-unsubscribe@yahoogrupos.com.br

Para contactar directamente os coordenadores da lista envie mensagem a: pned-owner@yahoogrupos.com.br

Se quiser informar-se das várias possibilidades para a leitura das suas mensagens ou da forma de alterar os seus dados pessoais, pode consultar:

https://br.groups.yahoo.com/group/pned/

=============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============
Links do Yahoo! Grupos

<*> Para visitar o site do seu grupo na web, acesse:
https://br.groups.yahoo.com/group/pned/

<*> Para sair deste grupo, envie um e-mail para:
pned-unsubscribe@yahoogrupos.com.br

<*> O uso que você faz do Yahoo! Grupos está sujeito aos:
https://br.yahoo.com/info/utos.html

Imprimir esta página Imprimir esta página

Categorias: Boletim

Deixar comentário