Caro Leitor do Boletim Diário PNED:
    Se ainda não o é, e se concorda, ainda que apenas em parte, com o que é e faz
    a Campo Aberto, e se julga útil apoiá-la, faça-se sócio!

    Em alternativa assine a revista Ar Livre (que os sócios também recebem).

    Peça informações:
    campo_aberto@oninet.pt
    Consulte o blogue:
    https://campo-aberto.blogspot.com/
    Nota: o arquivo do boletim PNED já pode ser consulado no site da Campo Aberto,
    www.campoaberto.pt
    =================================

    BOLETIM PORTO E NOROESTE EM DEBATE
    resumo das notícias de ambiente e urbanismo em linha

    Domingo, 9 de OUtubro
    =================================
    =================================
    1-PORTO
    Cafés que ficaram na história da boémia cultural portuense
    «Dois cafés houve no Porto, já nos começos do século XX, que foram, se
    assim se pode dizer, os últimos bastiões da época áurea que a cidade viveu
    no último quartel do século XIX. Foram eles o Primavera, que já existia em
    1908 para as bandas do desaparecido Laranjal; e o Monumental, já dos anos
    trinta, que deu brado na Avenida dos Aliados.»
    https://jn.sapo.pt/2005/10/09/grande_porto/cafes_ficaram_historia_boemia_cultur.html
    =================================

    2-PORTO
    Jóias da cidade do Porto

    É digna de nota a Igreja da Misericórdia na rua das Flores e a famosa Torre
    dos Clérigos situada ao fundo da Igreja com o mesmo nome e faceando a
    Cordoaria, verdadeiro ex – líbris da cidade, ambas obras de Nicolau Nasoni.
    Com 75 metros de altura, em granito, é adornada, á medida que cresce, por
    varandins caprichados não só na forma como no lavrado. Considerada o
    monumento mais bonito da Europa, Igreja e Torre são o orgulho da cidade
    https://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=9bf31c7ff062936a96d3c8bd1f8f2ff3&subsec=&id=47322944c74228ec240e57ddb587afe8
    =================================

    3- PORTO
    ARQUITECTOS RECUPERAM INTERIOR DE EDIFÍCIO HISTÓRICO NO PORTO
    A exposição Atmospheres/Attitude foi o pretexto para requalificar, a baixo
    custo, quatro pisos do edifício antigo da Perfumaria Castilho. Doze
    arquitectos portugueses são os autores das intervenções. A organização
    promete tornar o evento anual
    https://jornal.publico.clix.pt/noticias.asp?a=2005&m=10&d=09&uid=&id=42891&sid=4792
    =================================
    Antiga Castilho recebe design e arte contemporânea
    Tradição e inovação-É num edifício histórico, visto de fora, que as mais
    originais novidades em tratamentos de interiores se encontram. Síntese do que
    se passa, desde ontem, no velho prédio da Castilho, transformado em
    mostruário de conceitos inovadores de “loft” na mostra “Atmospheres”.
    https://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=eccbc87e4b5ce2fe28308fd9f2a7baf3&subsec=&id=7bd4470fcac5a44d61c3d8c2131491df

    =================================
    4- VILA DO CONDE
    Plano da ROM até ao fim do ano Apresentado estudo prévio
    Até ao final deste ano deverá ficar concluído o Plano Estratégico com vista
    ao ordenamento e gestão da Reserva Ornitológica do Mindelo e área envolvente
    do concelho de Vila do Conde. Mário Almeida, presidente da edilidade
    vila-condense, apresentou esta semana o estudo prévio realizado por
    professores da Universidade do Porto.
    https://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=eccbc87e4b5ce2fe28308fd9f2a7baf3&subsec=&id=64e94253c62955012b1e709e4476501b

    =================================
    5-ESPINHO
    Linha férrea enterrada põe cidade em polvorosa
    Impacto Utentes da CP, peões e automobilistas são surpreendidos quase
    diariamente com mudanças provocadas pela obra Casas antigas situadas junto à
    linha começam a sofrer danos
    https://jn.sapo.pt/2005/10/09/grande_porto/linha_ferrea_enterrada_cidade_polvor.html

    =================================
    6- VIANA
    DA “INEVITABILIDADE” DO FACTO CONSUMADO
    “Prédio Coutinho” Viana do Castelo Bernardo Barbosa
    Tem o PÚBLICO publicado inúmeros artigos de opinião sobre a polémica gerada
    à volta do “Prédio Coutinho”, em Viana do Castelo. De todos os que tenho
    lido, e julgo nenhum me ter escapado, por ser natural de Viana – para além de
    o tema ser, naturalmente, apelativo -, não me recordo de que, em alguns deles,
    se vislumbrasse qualquer proximidade em defesa da ideia da demolição daquele
    prédio. Foi, então, com alguma curiosidade que acolhi o último artigo,
    assinado pelo professor-escultor Manuel Rocha, suportado na sua “inquietação
    sobre Viana, das suas gentes e dos seus problemas”, com que ele próprio inicia
    o seu escrito a pretexto de um outro publicado, nesse diário, a 29 de Agosto,
    da autoria do advogado Manuel M. Costa. E isto porque o PÚBLICO até poderia
    também correr o “risco” de ser acusado de imparcialidade em apressada e
    simplista análise provinciana, como acontece relativamente à imprensa local,
    que se tem manifestado declaradamente contra a destruição daquele edifício.
    https://jornal.publico.clix.pt/noticias.asp?a=2005&m=10&d=09&uid=&id=42888&sid=4792
    =================================

    7-PAÍS-
    Postos de vigia para fogos ineficazes em 60% do País Rede Nacional de Postos de
    Vigia não funciona ou mostra-se insuficiente em cerca de 60% do território
    nacional. É o sistema oficial mais importante na detecção de fogos, mas a
    primeira análise técnica a que foi sujeito – realizada por investigadores do
    Instituto Su- perior de Agronomia (ISA) e do INESC, financiado no âmbito da
    Iniciativa Cotec – revela uma eficácia “muito abaixo do óptimo”, uma má
    distribuição das unidades pelo País, localização deficiente e obstruções
    à visibilidade.

    Em Portugal, existem 236 postos de vigia e o primeiro foi construído entre 1928
    e 1931, em Manteigas.
    https://dn.sapo.pt/2005/10/09/sociedade/postos_vigia_para_fogos_ineficazes_6.html
    =================================
    8-PAÍS
    Tranquilidade e nostalgia -PÃO & ROSAS ana sá lopes
    https://jornal.publico.clix.pt/noticias.asp?a=2005&m=10&d=09&uid=&id=42857&sid=4789
    =================================

    9-PAÍS
    Património construído e destruído- crónica de Miguel RAmalho
    https://online.expresso.clix.pt/cronica/artigo.asp?id=24754073
    =================================
    =================================

    Para desligar-se/religar-se ou para ler as mensagens em modo página, net veja
    informações no rodapé da mensagem.

    O arquivo desta lista desde o seu início é acessível através de
    https://groups.yahoo.com/group/pned/

    =================================

    INFORMAÇÃO SOBRE O BOLETIM INFOPNED:

    Acima apresenta-se o sumário e/ou resumos de notícias de interesse
    urbanístico/ambiental publicadas na edição electrónica do Jornal de
    Notícias, de O Primeiro de Janeiro, Comércio do Porto e do Público Local
    Porto e Minho (em um ou vários dos citados, não necessariamente em todos).

    Esta lista foi criada e é animada pela associação Campo Aberto, e está
    aberta a todos os interessados sócios ou não sócios. O seu âmbito
    específico são as questões urbanísticas e ambientais do Noroeste,
    basicamente entre o Vouga e o Minho.

    Selecção hoje feita por Manuela D.L. Ramos

    Para mais informações e adesão à associação Campo Aberto:
    campo_aberto@oninet.pt
    telefax 229759592
    Apartado 5052, 4018-001 Porto
    https://campo-aberto.blogspot.com/

    =================================

    ___________________________________________________________________

    O SAPO já está livre de vírus com a Panda Software, fique você também!
    Clique em: https://antivirus.sapo.pt

    =============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============

    Para difundir mensagens escreva para: pned@yahoogrupos.com.br

    Neste grupo não são permitidas mensagens com anexos.

    Para assinar a lista envie mensagem sem assunto para: pned-subscribe@yahoogrupos.com.br e com o corpo da mensagem vazio.

    Para cancelar a assinatura envie mensagem em que o único texto é “unsubscribe PNED” (sem assunto/subject) para: pned-unsubscribe@yahoogrupos.com.br

    Para contactar directamente os coordenadores da lista envie mensagem a: pned-owner@yahoogrupos.com.br

    Se quiser informar-se das várias possibilidades para a leitura das suas mensagens ou da forma de alterar os seus dados pessoais, pode consultar:

    https://br.groups.yahoo.com/group/pned/

    =============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============
    Links do Yahoo! Grupos

    <*> Para visitar o site do seu grupo na web, acesse:
    https://br.groups.yahoo.com/group/pned/

    <*> Para sair deste grupo, envie um e-mail para:
    pned-unsubscribe@yahoogrupos.com.br

    <*> O uso que você faz do Yahoo! Grupos está sujeito aos:
    https://br.yahoo.com/info/utos.html

    Imprimir esta página Imprimir esta página

    Categorias: Boletim

    Deixar comentário