[PNED] Boletim 25.12.04

    [Esta lista tem actualmente 293 participantes inscritos.]

    BOLETIM PORTO E NOROESTE EM DEBATE
    resumo das notícias on-line de ambiente e urbanismo
    =================================

    Instruções e informações complementares no rodapé da mensagem.
    Para os textos integrais das notícias consultar as ligações indicadas.

    =================================
    Sábado, 25 de Dezembro de 2004
    =================================

    1. Tratamento mecânico e biológico em vez de unidade de queima

    O ministro do Ambiente, Luis Nobre Guedes, anunciou ontem que vai
    avançar com uma solução de tratamento mecânico e biológico dos resíduos
    sólidos urbanos da região Centro, recusando a construção de uma unidade
    de queima.
    Em conferência de imprensa, Nobre Guedes esclareceu que nunca ponderou a
    demissão por divergências com o primeiro-ministro a propósito desta
    política para o ambiente como foi noticiado. “Esta solução [tratamento
    mecânico e biológico] tem todo o apoio do primeiro-ministro, que apenas
    pediu alguns esclarecimentos sobre o projecto”.

    https://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=b6d767d2f8ed5d21a44b0e5886680cb9&subsec=&id=63de9cd60adb1c8390d22dc5017250fe

    Tratamento biológico satisfaz ambientalistas

    Helena Freitas, provedora do Ambiente de Coimbra, manifestou-se “muito
    contente” com esta decisão, que considera “muito importante para a
    região”. Na sua opinião, Luís Nobre Guedes “dá um exemplo ao resto do
    País”, ao promover “uma boa notícia para o ambiente hoje e no futuro”.
    Por seu turno, João Gabriel Silva, dirigente da Quercus, também se
    mostrou “absolutamente satisfeito” com esta decisão, salientando que se
    trata da “melhor solução do ponto de vista ambiental, social e
    económico”.

    https://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=b6d767d2f8ed5d21a44b0e5886680cb9&subsec=&id=b8d74bcb6c451d4e3efaccbe12a27127

    Co-incineração tolerada para resíduos sem solução
    https://jn.sapo.pt/2004/12/25/sociedade/coincineracao_tolerada_para_residuos.html

    Governo Chumba Incinerador para o Centro
    https://jornal.publico.pt/publico/2004/12/24/Sociedade/S01.html

    O Que É o Tratamento Mecânico e Biológico

    O tratamento mecânico e biológico (TMB) implica que os resíduos sejam
    objecto de recolha selectiva, isto é, que sejam separados pelo cidadão
    em diferentes recipientes conforme se trata de lixo orgânico (restos da
    cozinha, por exemplo), plásticos, vidro, metais ou papel e cartão. De
    qualquer forma, chegando à instalação de tratamento, terão também de
    passar pela unidade de triagem, onde se procede a uma separação mais
    cuidada. Para um lado segue a matéria orgânica, destinada à compostagem
    ou digestão anaeróbia – deterioração do lixo por acção de bactérias, de
    que resulta um material que pode ser usado no solo agrícola e, no caso
    do último processo, gera-se biogás, uma forma de energia renovável. Para
    outro circuito seguem os materiais recicláveis, como o plástico, os
    metais, o vidro, o papel e o cartão. Por fim, sobram os rejeitados, ou
    seja, lixo que não se consegue reciclar, como restos de plástico muito
    sujos – ou vão para aterro, ou para valorização energética em
    indústrias, que os usam em caldeiras como combustível.

    https://jornal.publico.pt/publico/2004/12/24/Sociedade/S01CX01.html

    ===============================

    2. Um em cada quatro prédios do Porto fora da rede de esgotos

    Um em cada quatro prédios do Porto não têm ligação à rede pública de
    drenagem de esgotos, segundo um documento dos Serviços Municipalizados
    de Água e Saneamento (SMAS). A cobertura mais baixa situa-se na zona
    oriental da cidade.

    https://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=b6d767d2f8ed5d21a44b0e5886680cb9&subsec=&id=b74db34ce7286be03fa4b2f123485245

    ===============================

    3. Marina de Leça da Palmeira continua poluída

    Cinco meses depois do incêndio no oleoduto que originou uma maré negra
    na Marina de Leça da Palmeira, em Matosinhos, a infra-estrutura continua
    condicionada, pois ainda decorrem os trabalhos de limpeza de crude.

    https://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=eccbc87e4b5ce2fe28308fd9f2a7baf3&subsec=&id=ad5e00178ad63a04d5658f936bc8d961

    ===============================

    4. Polis pode parar no tribunal

    Manuel Martins, presidente da Câmara de Vila Real, reitera a intenção de
    colocar o Estado em tribunal caso as obras do Polis não obtenham
    financiamento. O respon-sável já disse que a Câmara de Vila Real não vai
    “ceder nem um cêntimo” das verbas definidas para o Polis.

    https://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=e4da3b7fbbce2345d7772b0674a318d5&subsec=&id=ce29ab17413907ca15f2d60e38a65bd4

    ===============================

    5. Aterro de Taveiro sem condições

    A concelhia do PS de Condeixa-a-Nova denunciou ontem as “condições
    vergonhosas” em que se encontra o aterro sanitário de Taveiro. Os
    socialistas exortam a Câmara Municipal de Coimbra a resolver o problema,
    mas a autarquia nega responsabilidades na matéria.

    https://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=e4da3b7fbbce2345d7772b0674a318d5&subsec=&id=bc49b1d171927615464be1e25147fd2a

    ===============================

    6. Nova descarga poluente no rio Alviela

    O presidente da Junta de Freguesia de Vaqueiros, Santarém, alertou ontem
    para a existência de mais uma descarga poluente no rio Alviela, que
    causou a morte de várias dezenas de peixes, junto à foz, perto de Vale
    Figueira. De acordo com o autarca, já foram encontrados muitos peixes
    mortos e muitos outros estão junto da superfície da água em busca de
    oxigénio, um “sinal evidente” da contaminação da água. A zona de Vale de
    Figueira localiza-se a montante de Vaqueiros, numa zona onde confluem
    descargas de unidades pecuárias e industriais bem como os “despejos
    químicos” da Estação de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) de
    Alcanena, que é considerada a responsável de vários atentados ambientais
    no rio durante o último Verão.

    https://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=e4da3b7fbbce2345d7772b0674a318d5&subsec=&id=8002f96a6cc94bdb916028cac219ceeb

    ===============================

    7. Edifício da Alfândega motiva críticas de Carlos Brito à administração
    central

    Qual o “devir” do edifício da Alfandega do Porto, foi o tema que dominou
    os Serões da Bonjóia. Carlos Brito, presidente do Conselho de
    Administração da Associação para o Museu dos Transportes e Comunicações,
    fez duras críticas ao Estado por se desresponsabilizar em relação a um
    edifício que é património nacional: “Todos esperamos que o Estado se
    assuma, mas o Estado só vê até Marvila”. Pensado em 1850, o edifício
    nunca seria terminado, um exemplo típico do que se passa na cidade, na
    opinião de Carlos Brito: “No Porto, as coisas do Estado ficam sempre
    incompletas. Como é no Porto é preciso que fique imperfeito”.

    https://www.ocomerciodoporto.pt/secciones/noticia.jsp?pIdNoticia=21722&pIdSeccion=7

    ===============================

    8. Obras no viaduto Maia-Sul condicionarão o trânsito na Via Norte
    durante um mês

    Durante a próxima semana a Metro do Porto (MP) inicia uma nova fase na
    construção do viaduto Maia-Sul (Linha da Trofa), com a colocação das
    vigas metálicas da estrutura sobre a EN14. A obra deverá provocar,
    durante 30 dias, alguns constrangimentos no trânsito na Via Norte.

    https://www.ocomerciodoporto.pt/secciones/noticia.jsp?pIdNoticia=21723&pIdSeccion=7

    ================================

    9. Atletismo e obras alteram trânsito na Baixa do Porto

    Devido à realização da já muito clássica corrida de atletismo de S.
    Silvestre no Porto – na sua 11º edição -, e por razões de segurança,
    torna-se necessário impedir o estacionamento na Rua Dr. António Luís
    Gomes e impedir o trânsito no arruamento Sul da Praça Humberto Delgado,
    amanhã, conforme sinalização a estabelecer no local.

    Noutro caso, os serviços da Câmara informam que, devido a obras,
    torna-se necessário impedir o trânsito na Rua do Loureiro, no dia 27 de
    Dezembro, por um período previsto de 150 dias, conforme sinalização a
    estabelecer no local.

    https://www.ocomerciodoporto.pt/secciones/noticia.jsp?pIdNoticia=21724&pIdSeccion=7

    =================================

    10. Terceira discussão pública do PDM do Porto termina no dia 20 de
    Janeiro

    Depois das alterações introduzidas pela Assembleia Municipal (AM) no
    passado dia 18 de Outubro, começou esta semana a terceira discussão
    pública do Plano Director Municipal (PDM) do Porto. O debate, que conta
    com 22 dias úteis, prolonga-se até 20 de Janeiro de 2005. Os munícipes
    podem consultar as cartas e os regulamentos através do site da Câmara ou
    no Gabinete do Munícipe.
    O PDM está em revisão desde 1999 e arrisca-se a bater recordes no que
    toca a atrasos.

    https://www.ocomerciodoporto.pt/secciones/noticia.jsp?pIdNoticia=21689&pIdSeccion=7

    =================================

    11. Inaugurada nova rotunda em Valongo para ajudar a combater a elevada
    sinistralidade perto da Câmara

    De prenda de Natal, Valongo ganhou uma rotunda.. Nova em folha, fica na
    confluência da Avenida 5 de Outubro com a Avenida Emídio Navarro, mesmo
    em frente à Câmara Municipal. Não foi, por isso, grande a distância
    efectuada pelo presidente da autarquia, Fernando Melo, no momento de
    inaugurar a rotunda, anteontem. A zona, onde se situa o novo
    equipamento, é conhecida como área de alguma sinistralidade, pelo que se
    espera que a rotunda possa diminuir o número de acidentes, além de
    regularizar o trânsito.

    https://www.ocomerciodoporto.pt/secciones/noticia.jsp?pIdNoticia=21690&pIdSeccion=7

    =================================

    12. Requalificação das Termas do Peso já começou

    Tal como tinha sido prometido pelo Grupo Unicer, já se iniciaram os
    trabalhos de requalificação das Termas do Peso, em Melgaço. Os trabalhos
    iniciaram-se um mês depois de dois responsáveis da empresa que integra o
    grupo proprietário do imóvel, a “Vidago, Melgaço e Pedras Salgadas”,
    terem reunido com o autarca de Melgaço.

    https://www.ocomerciodoporto.pt/secciones/noticia.jsp?pIdNoticia=21704&pIdSeccion=9

    =================================

    13. Orçamento para 2005 privilegia obras estruturantes

    São vários os investimentos previstos para 2005, dentre os quais se
    destaca a primeira fase da requalificação do Centro Histórico, já a
    decorrer, estando previsto que no início do próximo verão a Coroada
    esteja completamente renovada. As restantes fases de intervenção estão
    já a ser programadas e, paralelamente, a Câmara Municipal está a avançar
    com projecto de candidatura do Centro Histórico a Património de
    Interesse Cultural para a Humanidade, junto da UNESCO.

    https://www.ocomerciodoporto.pt/secciones/noticia.jsp?pIdNoticia=21703&pIdSeccion=9

    =================================

    14. Novo parque eólico no Minho integra três freguesia do concelho

    Ponte de Lima vai ser o próximo concelho do Alto Minho a lançar o
    projecto de instalação de um parque eólico, entre as freguesias de
    Labrujó, Refoios do Lima e Vilar do Monte.
    O parque deverá dispor de 18 torres com capacidade para produção de 1
    mega watt cada uma ou, em alternativa, nove ventoinhas com capacidade de
    produção de 2 mega watts cada, perfazendo um total de 18 mega watts, ou
    seja, energia suficiente para abastecer o concelho de Ponte de Lima.

    https://www.ocomerciodoporto.pt/secciones/noticia.jsp?pIdNoticia=21706&pIdSeccion=9

    =================================

    15. Alameda já em construção

    A polémica Alameda de Azevedo já está em construção na zona de Campanhã,
    no Porto. A poucos metros da Estrada da Circunvalação, os operários
    executam os pilares de betão do viaduto sobre o rio Tinto. Mais adiante,
    rasga-se a via entre o actual nó das Areias e o futuro nó do Casal.
    Os trabalhos de construção do IC29 – Via Rápida de Gondomar começaram em
    Junho com a indicação de que a alameda seria feita mais tarde, dada a
    controvérsia sobre o traçado.
    No entanto, as obras já tiveram início apesar das negociações com o
    Instituto das Estradas de Portugal (IEP) ainda não estarem encerradas. A
    empreitada arrancou pelo viaduto de ligação da Alameda de Cartes (que se
    estende da Circunvalação até ao nó do Mercado Abastecedor) à futura
    Alameda de Azevedo. Com duas faixas de rodagem que só servirão os
    transportes públicos, o viaduto não sofrerá alterações.

    https://jn.sapo.pt/2004/12/25/grande_porto/alameda_em_construcao.html

    =================================

    16. Agricultura biológica dá os primeiros passos

    Um projecto piloto para a conversão de agricultura tradicional em modo
    de produção biológica está a ser desenvolvido no concelho de Terras de
    Bouro, co-financiado pelo Programa Operacional Norte e que se propõe
    constituir até Setembro de 2005 uma ou mais zonas agrícolas dedicadas
    exclusivamente a este tipo de produção.
    Segundo os responsáveis pelo projecto, “a peculiaridade da cultura
    comunitária, da economia e da paisagem rural; a necessidade de se
    encontrar novos modos de produção agrícola, que possam contribuir para o
    aumento da rentabilidade das explorações agrícolas, e rentabilizar as
    potencialidades turísticas da região, nomeadamente do Parque da Peneda
    Gerês”, estão entre alguns dos aspectos que levaram a autarquia a
    desenvolver todo este processo.

    https://jn.sapo.pt/2004/12/25/minho/agricultura_biologica_os_primeiros_p.html

    =================================

    17. Trânsito fora do centro histórico só em 2006

    A retirada do trânsito do Centro Histórico de Guimarães, classificado
    pela Unesco, não será uma realidade antes de 2006. E mesmo assim, só no
    caso de não surgirem imprevistos. O projecto assumido pelo PS, que
    lidera a Câmara desde 1989, conhece um recuo por causa dos previsíveis
    protestos dos comerciantes da zona. Num período de dificuldades, avançar
    com uma medida destas só agravaria as dificuldades, justifica o
    presidente da Câmara.

    https://jn.sapo.pt/2004/12/25/minho/transito_fora_centro_historico_em_20.html

    =================================

    18. Câmara de Viana Vai Levar PDM a Inquérito Público

    O presidente da Câmara de Viana do Castelo garante que a nova proposta
    do Plano Director Municipal (PDM), cujo processo de revisão foi iniciado
    em Março de 1998, deverá ser submetida a inquérito público “no início do
    próximo ano”.

    https://jornal.publico.pt/publico/2004/12/24/LocalPorto/LP36.html

    =================================

    FIM DA PARTE NOTICIOSA/SEGUEM-SE INSTRUCÕES EM RODAPÉ

    =================================

    Para desligar-se/religar-se ou para ler as mensagens em modo página, net
    veja informações no rodapé da mensagem.

    O arquivo desta lista desde o seu início é acessível através de
    https://groups.yahoo.com/group/pned/

    =================================
    INFORMAÇÃO SOBRE O BOLETIM INFOPNED:

    Abaixo apresenta-se o sumário e/ou resumos de notícias de interesse
    urbanístico/ambiental publicadas na edição electrónica do Jornal de
    Notícias, de O Primeiro de Janeiro, de O Comércio do Porto e do Público
    Local Porto e Minho.

    Esta lista foi criada e é animada pela associação Campo Aberto, e está
    aberta a todos os interessados sócios ou não sócios. O seu âmbito
    específico são as questões urbanísticas e ambientais do Noroeste,
    basicamente entre o Vouga e o Minho.

    Selecção hoje feita por Cristiane Carvalho

    Para mais informações e adesão à associação Campo Aberto:
    campo_aberto@oninet.pt
    telefax 229759592
    Apartado 5052, 4018-001 Porto

    =================================

    =============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============

    Para difundir mensagens escreva para: pned@yahoogrupos.com.br

    Neste grupo não são permitidas mensagens com anexos.

    Para assinar a lista envie mensagem sem assunto para: pned-subscribe@yahoogrupos.com.br e com o corpo da mensagem vazio.

    Para cancelar a assinatura envie mensagem em que o único texto é “unsubscribe PNED” (sem assunto/subject) para: pned-unsubscribe@yahoogrupos.com.br

    Para contactar directamente os coordenadores da lista envie mensagem a: pned-owner@yahoogrupos.com.br

    Se quiser informar-se das várias possibilidades para a leitura das suas mensagens ou da forma de alterar os seus dados pessoais, pode consultar:

    https://br.groups.yahoo.com/group/pned/

    =============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============
    Links do Yahoo! Grupos

    <*> Para visitar o site do seu grupo na web, acesse:
    https://br.groups.yahoo.com/group/pned/

    <*> Para sair deste grupo, envie um e-mail para:
    pned-unsubscribe@yahoogrupos.com.br

    <*> O uso que você faz do Yahoo! Grupos está sujeito aos:
    https://br.yahoo.com/info/utos.html

    Imprimir esta página Imprimir esta página

    Categorias: Boletim

    Deixar comentário