İzmir escort » İzmir eskort bayan » Vip Escorts beydağ escort bornova escort buca escort çeşme escort seferihisar escort beylikdüzü escort avrupa yakası escort mecidiyeköy escort beşiktaş escort Escort Paris porn tube porno porn porno amateur

    [PNED] Hélder Pacheco no JN/Boletim 12 Fevereiro 2004
    Para desligar-se/religar-se ou para ler as mensagens em modo pagina, net
    veja informacoes no rodape da mensagem.

    O arquivo desta lista desde o seu inicio e acessivel atraves de
    https://groups.yahoo.com/group/pned/

    Destaque: Hélder Pacheco no JN de Hoje: “Até ouvi palmas!”

    Leiam sem falta a crónica de hoje (12 de Fevereiro) de HP no JN e a carta de
    um portuense emigrado no Canadá que ele transcreve! E depois este comentário
    de HP:

    “Ao estabelecer-se que a Baixa pertencia à Banca e escritórios, não estava a
    assinar-se a certidão de óbito do centro do Porto? E quem se lhe opôs? Ao
    dividir-se, com a VCI, a cidade em duas, trucidando parte considerável de
    Paranhos, Ramalde, Campanhã, não estava a assinar-se nova certidão de óbito
    das zonas de expansão onde a modernização teria sentido? E quem se lhe opôs
    (até ouvi baterem palmas à ideia)?”

    Pensemos agora no Parque Oriental, na Rotunda, etc. Fraca consolação caso
    aquilo que combatemos se venha a fazer, mas resta que os HP do futuro não
    poderão dizer “ninguém se opôs”. É pouco, mas é importante, se não se puder
    ir mais longe…

    Também vale a pena ler o texto integral sobre o Ave Park. Os princípios do
    arquitecto autor do projecto são inabituais entre nós. Aplicados ao Parque
    Orientaml, obrigariam a estrada a seguir o relevo e não a esmagá-lo… o que
    é a tese do Vereador do Ambiente a que o Vereador do Urbanismo chama “uma
    ruazinha”…

    Cordialmente,
    JCMarques

    1. Hidrogénio Apresentada Ontem no Porto
    Porto/Transportes/Energia/Hidrogénio

    Parece uma bomba de combustível comum mas, no entanto, é caso único em
    Portugal.
    A estação de abastecimento apresentada ontem, nas instalações dos Serviços
    de Transportes Colectivos do Porto (STCP), serve para aquele que já é
    anunciado por muitos como o “combustível do futuro”: o Hidrogénio (H2).

    https://jornal.publico.pt/2004/02/12/LocalPorto/LP21.html

    2. “Autocarro das Profissões” Vai Circular em Rio Tinto
    Rio Tinto/Economia Tradicional/Economia Inovadora

    Por NUNO CORVACHO
    A recriação de alguns ofícios é uma das muitas valências oferecidas por um
    veículo especial que, a partir do próximo dia 16, vai percorrer algumas
    zonas do concelho de Gondomar.

    https://jornal.publico.pt/2004/02/12/LocalPorto/LP22.html

    3. PCP Diz Que Adesão da Feira à AMP É Precipitada
    AMP/Feira/Organização Territorial

    Por LUSA
    Um dia após a Câmara da Feira ter aprovado, com os votos favoráveis do PSD e
    do PS, a adesão do concelho à Área Metropolitana do Porto (AMP), o PCP
    divulgou uma nota considerando que “a decisão é precipitada”.

    https://jornal.publico.pt/2004/02/12/LocalPorto/LP41.html

    4. Central de Compostagem da Lipor Pode Arrancar em Setembro
    AMP/Lipor/Resíduos/Compostagem

    Por ÂNGELO TEIXEIRA MARQUES
    A central de compostagem em Baguim do Monte (junto à central de triagem) da
    Lipor (Serviço Intermunicipalizado de Gestão de Resíduos do Grande Porto)
    pode entrar em laboração em Setembro deste ano.

    https://jornal.publico.pt/2004/02/12/LocalPorto/index.html

    5. Autarquias exigem ajudas do Governo, Lisboa não lhes garante financimento
    Incineradora do Centro em risco
    Centro/Incineradora/Resíduos

    Está no papel, é tida como um grande projecto mas pode não passar disso
    mesmo.
    A incineradora que serviria 36 municípios do Centro está encravada entre as
    exigências da autarquia e as negas do Governo. Há quem diga que as lixeiras
    a céu aberto podem voltar…

    O projecto de uma incineradora no litoral Centro poderá não passar do papel
    se não for rapidamente resolvido o “braço de ferro” entre o Governo e as
    autarquias acerca do seu financiamento.

    https://www.oprimeirodejaneiro.
    pt/?op=artigo&sec=e4da3b7fbbce2345d7772b0674a318d5&subsec=&id=4a513c70675e41
    ff78
    f271ea9efc482b

    6. A cidade invisível por hélder pacheco historiador
    Porto/Baixa/Ambiente Urbano/VCI

    Não houve uma conspiração contra o Porto: a cidade é que não soube responder
    aos desafios Aactividade de cronista do JN tem vantagens e, de quando em
    vez, oferece-nos inesperadas surpresas. Como se não existisse o tempo e o
    espaço não contasse, abatem-se as distâncias da geografia e a memória serve
    de ponte para a aproximação entre a cidade e osportuenses ausentes (mas não
    desmemoriados). E, nesta ponte, o jornal chega, de facto, longe.

    https://jn.sapo.pt/textos/out5031.asp

    7. Cividade de Terroso fica concluída em Abril
    Póvoa de Varzim/Cividade de Terroso/Património Histórico

    José Azevedo O projecto de requalificação da Cividade de Terroso, na Póvoa
    de Varzim, continua a avançar. E já começaram as obras de alteração das
    muralhas e de construção de um edifício para apoio à realização dos
    trabalhos arqueológicos. Um imóvel que será equipado com um bar, loja de
    lembranças e um pequeno auditório para palestras e projecção de filmes. As
    obras deverão ficar concluídas em Abril.

    https://jn.sapo.pt/textos/out5036.asp

    8. Comunicado dá processo
    Oliveira do Bairro/Cidadania/Urbanismo/Planos de Pormenor/Ruralidade

    Pedro Fontes da Costa Texto integral

    Um professor universitário, de 56 anos, começou, ontem, a ser julgado, no
    Tribunal de Oliveira do Bairro, por um crime de injúrias ao presidente da
    Junta de Freguesia de Bustos, através de um documento em que criticava um
    plano de pormenor (PP) que a Câmara Municipal de Oliveira do Bairro
    encomendou para a zona do Sobreiro, naquela fregusia.
    Segundo Milton C., que o presidente da Junta, Manuel Pereira levou a
    tribunal, o PP era desequilibrado e transformava a pequena aldeia do
    Sobreiro num aglomerado habitacional como a Amadora.
    Milton C. distribuiu o comunicado, em 2002, antes de uma reunião para a
    explicação do PP, e dizia que havia duas pessoas que iriam ganhar com a sua
    aprovação. Uma delas seria, supostamente, o presidente da junta de Bustos.
    O autor do documento disse ao juiz que todos os habitantes iriam perder com
    a aprovação do plano, uma vez que “a ruralidade do local iria desaparecer”.
    E argumentou que só pretendeu que o presidente da Junta desse explicações
    sobre o seu envolvimento na elaboração do plano. Já o queixoso, que pretende
    uma indemnização de 25 mil euros, disse ter ficado “extremamente ofendido e
    magoado”.
    Manuel Pereira afirmou que a aprovação do PP não lhe traz benefícios. Antes
    pelo contrário, disse. Mas acabou por reconhecer, perante o juiz, que é dos
    habitantes menos lesados.

    https://jn.sapo.pt/textos/out5059.asp

    9. Corema contra projecto de dragagens
    Caminha/Rio Minho/Dragagens/Conservação

    Ambientalistas vão apresentar queixa em Bruxelas. Consideram estudo de
    impacto ambiental incompleto Luís Almeida A Corema, juntamente com
    associações ambientalistas espanholas, vai enviar uma queixa para Bruxelas à
    forma como foi desenvolvido o processo de lançamento da obra de limpeza de
    60 mil metros cúbicos de areia, que deverá iniciar-se no final do Verão, no
    canal de acesso ao cais e estaleiro dos pescadores de Caminha.

    https://jn.sapo.pt/textos/out50510.asp

    10. Projecto concebido para zona industrial singular (Ave Park)
    Guimarães/Urbanismo/Indústria/Planeamento/Montanha/Florestação

    Concepção de loteamento respeita a orografia do terreno e cria vasta área
    verde envolvendo lotes Já existem doze empresas à espera

    https://jn.sapo.pt/textos/out50519.asp

    11. Supremo anula acordo entre Câmara e empresa
    Viana do Castelo/Gestão Urbana/Tribunais

    Autarquia condenada à restituição da Quinta de S. Francisco ou ao pagamento
    do imóvel Espaço acolhe hoje parte do estádio municipal e parque de manobras
    da DGV Luís Henrique Oliveira OSupremo Tribunal de Justiça (STJ) anulou um
    acordo firmado, há 13 anos, entre a Câmara de Viana do Castelo e uma empresa
    local de construção civil. Comunicada, ontem, à vereação, pelo presidente da
    Câmara, Defensor Moura, a decisão poderá implicar a restituição, por parte
    da autarquia, da Quinta de S. Francisco, situada na Meadela, ou ao pagamento
    do terreno onde foram, entretanto, edificados o parque de manobras da
    Direcção-Geral de Viação e a bancada do Estádio Municipal Manuel Machado.

    https://jn.sapo.pt/textos/out50522.asp

    INFORMACAO SOBRE O BOLETIM INFOPNED:

    Acima apresentou-se o sumario e/ou resumos de noticias de interesse
    urbanistico/ambiental publicadas na edicao electronica do Jornal de
    Noticias, de O Primeiro de Janeiro e do Publico Local Porto e Minho, em 12
    de Fevereiro de 2004.

    Esta lista foi criada e e animada pela associa

    Imprimir esta página Imprimir esta página

    Categorias: Boletim

    Deixar comentário