[PNED] 22 Outubro INFO
    Para desligar-se/religar-se ou para ler as mensagens em modo página
    net veja informações no rodapé da mensagem.

    O arquivo desta lista desde o seu início é acessível através de
    https://groups.yahoo.com/group/pned/

    Quarta-feira, 22 de Outubro de 2003

    ÍNDICE

    1. Porto mostra renovação da Baixa em Barcelona
    Centro da cidade em festa durante três dias (Porto)
    Galerias de arte isentas de taxa (Porto)
    2. Mais de 1,4 milhões passam a receber uma água melhor (Grande Porto)
    3. Ambiente Diz Que Há Um “Aumento Ligeiro” da Poluição no Vale do Ave
    Mão pesada para poluidores (Vale do Ave)
    Aumento das tarifas é inevitável para a população (Vale do Ave)
    4. Deputado do PSD Diz Que Mibal Não Pode Explorar Caulino em Barqueiros
    (Barcelos)
    5. Defesa da Natureza (Viana do Castelo) Cinquenta jovens criam hoje um
    grupo de voluntários
    6. Lindoso utiliza castelo para promover turismo (Ponte da Barca)
    7. Plano define ao pormenor novo centro para Avanca (Estarreja)
    8. Recuperação de 32 casas (Famalicão)
    9. Rio Pelhe transformado em esgoto (Vila Nova de Famalicão)

    RESUMOS

    1. Porto mostra renovação da Baixa em Barcelona

    Jornal de Notícias
    Carla Sofia Luz
    Baixa Portuense

    Rio exibe “projecto político central”no Meeting Point e garante que há
    investidores interessados. A renovação da Baixa do Porto viajou até
    Barcelona e o presidente da Câmara, Rui Rio, garante que o seu “projecto
    político central” gerou entusiasmo e curiosidade em alguns investidores.

    Centro da cidade em festa durante três dias (Porto)

    Jornal de Notícias
    Inês Schreck
    Baixa Portuense

    Programa de animação pretende atrair “novos olhares” para revitalizar e
    animar a degradada Baixa. Visitas, exposições, música, tertúlias em cafés,
    espectáculos de teatro, dança e ilusionismo. Durante três dias, a Baixa do
    Porto vai ser animada por uma série de eventos culturais, inseridos na
    iniciativa”Festa na Baixa”, promovida pela Culturporto. O objectivo é
    revitalizar e animar o “abandonado” centro, permitindo um “novo olhar” sobre
    a diversidade dos espaços daquela área urbana. A festa começa amanhã e
    prolonga-se até sábado, mas, independentemente da adesão, voltará a
    repetir-se nos próximos anos, na Primavera e no Outono.

    Galerias de arte isentas de taxa (Porto)

    Jornal de Notícias
    Inês Schreck
    Miguel Bombarda/Centro do Porto

    As galerias de arte da Rua Miguel Bombarda e zona adjacente vão ficar
    isentas, durante um ano, do pagamento da taxa de afixação de anúncios
    relativos às exposições, tanto em telas como nas montras dos
    estabelecimentos. Em contrapartida, a “publicidade” tem de incluir o
    logótipo da Câmara do Porto. A proposta foi aprovada por maioria (com cinco
    votos contra), anteontem, na reunião semanal da Assembleia Municipal, ainda
    que tenha levantado muitas dúvidas entre os deputados da oposição. O Partido
    Socialista e a CDU criticaram fundamentalmente o não alargamento da medida a
    todas as galerias da cidade.

    2. Mais de 1,4 milhões passam a receber uma água melhor (Grande Porto)

    Jornal de Notícias
    Autor Não Indicado
    Água

    Águas do Douro e Paiva inaugura conduta. A empresa Águas do Douro e Paiva
    inaugurou, ontem, uma conduta adutora entre os complexos de Lagoa (Gaia) e
    Jovim (Gondomar). A conduta adutora entre os dois complexos, que atravessa
    em túnel o rio Douro, garantirá fundamentalmente uma maior fiabilidade de
    abastecimento e um reforço dos 13 municípios do Norte do Grande Porto,
    abrangendo mais de 1,4 milhões de consumidores.

    3. Ambiente Diz Que Há Um “Aumento Ligeiro” da Poluição no Vale do Ave

    Público
    VICTOR FERREIRA
    Poluição

    Os índices de poluição no Vale do Ave estão a aumentar, alertou ontem em
    Guimarães o ministro das Cidades, Ordenamento do Território e Ambiente,
    Amílcar Theias, poucos minutos depois de ter assinado o contrato de
    concessão do sistema multimunicipal de água e saneamento do Vale do Ave à
    empresa Águas do Ave, SA.

    Mão pesada para poluidores (Vale do Ave)

    Jornal de Notícias
    Joaquim Forte
    Poluição/Rios/Água

    Ministro Amílcar Theias anuncia reforço de meios da Inspecção do Ambiente.
    Águas do Ave prevê investir 250 milhões de euros no abastecimento. O
    ministro das Cidades, Ordenamento do Território e Ambiente, Amílcar Theias,
    disse ontem, em Guimarães, que vai ser feito um reforço na fiscalização
    ambiental e garantiu “mão pesada” para os prevaricadores. Falando no final
    da assinatura do contrato de concessão (por 30 anos) do sistema
    multimunicipal de água e saneamento do Vale do Ave à empresa Águas do Ave,
    SA, o governante anunciou o reforço de meios da Inspecção do Ambiente para
    atacar, na região e no país, o “uso abusivo dos recursos naturais”.

    Aumento das tarifas é inevitável para a população (Vale do Ave)

    Jornal de Notícias
    Autor Não Indicado
    Água

    Numa região como o Vale do Ave, caracterizada pelo seu povoamento disperso,
    a implementação de redes de abastecimento de água e saneamento básico
    torna-se mais onerosa. A factura final acabará por atingir as populações.
    “Penso que é inevitável”, admitiu o presidente da Câmara de Guimarães.
    António Magalhães entende que é necessário “estar atento” a esta matéria,
    que acabará por ter consequências directas numa população que já vive com
    dificuldades por força da prática de salários baixos no sector dominante do
    têxtil e vestuário. “Temos de estar atentos. Já hoje as pessoas se queixam e
    sabemos que no futuro essas queixas poderão ser maiores, em função das
    responsabilidades que teremos de assumir. A qualidade ambiental reflecte-se
    na qualidade de vida e sem infra-estruturas isso não é possível”, adiantou.

    4. Deputado do PSD Diz Que Mibal Não Pode Explorar Caulino em Barqueiros
    (Barcelos)

    Público
    FRANCISCO FONSECA
    Poluição

    Fernando Pereira, deputado social-democrata eleito pelo círculo de Braga
    para a Assembleia da República, garante que a Mibal, a empresa que explora o
    caulino em Barqueiros, no concelho de Barcelos, não tem direito de extrair o
    mineral no centro da freguesia.

    5. Defesa da Natureza (Viana do Castelo) Cinquenta jovens criam hoje um
    grupo de voluntários

    Jornal de Notícias
    Miguel Rodrigues
    Defesa da Natureza/Voluntários

    É criado hoje em Viana do Castelo o Corpo de Voluntários pela Protecção e
    Preservação da Natureza, o qual será constituído por jovens de todo o
    concelho. A iniciativa assinala a adesão dos jovens de Viana do Castelo ao
    projecto internacional “Somos Um Todo”, que anualmente será celebrado neste
    dia em todo o Mundo. Nesta primeira edição, a cidade vianense é a única do
    país a aderir ao movimento.

    6. Lindoso utiliza castelo para promover turismo (Ponte da Barca)

    Jornal de Notícias
    Luís Henrique Oliveira
    Peneda-Gerês/ Turismo de Natureza

    Estudo do Politécnico de Viana aponta para a criação de circuitos na área do
    Parque da Peneda-Gerês Proposta avaliada em 700 mil euros. Visitar o Parque
    Nacional da Peneda-Gerês a partir do castelo de Lindoso é uma das propostas
    de um estudo dinamizado pelo Instituto Politécnico de Viana do Castelo
    (IPVC), com o objectivo de desenvolver turisticamente o espaço natural.

    7. Plano define ao pormenor novo centro para Avanca (Estarreja)

    Jornal de Notícias
    Autor Não Indicado
    Urbanismo

    O Plano de Pormenor da Quinta do Outeiro, em Avanca, já foi ratificado em
    Conselho de Ministros, devendo entrar em vigor depois da publicação em
    Diário da República, dentro de três semanas, anunciou, ontem, a Câmara de
    Estarreja. O plano estava num impasse desde 2001, ano em que foi aprovado
    pela Assembleia Municipal. Além de requalificar uma zona de 8,4 hectares,
    situada entre os complexos desportivo e escolar de Avanca, vai permitir
    rasgar “uma nova centralidade” na freguesia.

    8. Recuperação de 32 casas (Famalicão)

    Jornal de Notícias
    Sónia Paiva
    Urbanismo/Habitação

    A Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão vai canalizar um investimento
    de 186 mil euros para a recuperação de 32 habitações sociais no centro da
    cidade, na urbanização do Poído e na urbanização da extinta Fundação
    Oliveira Salazar, cuja degradação duravahá vários anos.

    9. Rio Pelhe transformado em esgoto (Vila Nova de Famalicão)

    Jornal de Notícias
    Sónia Paiva
    Poluição/Rios

    Falta de saneamento básico e hábitos antigos são desespero de Calendário.
    O rio Pelhe, em Famalicão, está transformado num autêntico esgoto a céu
    aberto. Os peixes do rio foram substituídos por latas, plásticos e sacos com
    lixo, que alguns moradores, menos civilizados, insistem em atirar para o
    rio. Isto, para além de algumas fábricas da freguesia de Calendário
    confundirem o rio Pelhe com a rede pública de saneamento básico.
    Desagradados com esta situação, que se prolonga há já muitos anos, estão os
    moradores de Ribainho, freguesia de Calendário. “É impossível estar em casa
    com as janelas abertas devido ao mau cheiro”, diz Maria Fernanda Faria.

    INFORMACAO SOBRE O BOLETIM INFOPNED:

    Acima apresentou-se o sumario e/ou resumos de noticias de interesse
    urbanistico/ambiental publicadas na edicao electronica do Jornal de Noticias
    e do Publico Local Porto e Minho, em 22 de Outubro de 2003.

    Esta lista foi criada e é animada pela associação Campo Aberto, e está
    aberta a todos os interessados sócios ou não sócios. O seu âmbito especifico
    são as questões urbanísticas e ambientais do Noroeste, basicamente entre o
    Vouga e o Minho. Em «Fora do Noroeste» (só ocasionalmente), podem inserir-se
    notícias de outras regiões que possam apresentar interesse como exemplo
    negativo ou positivo para situações equivalentes no Noroeste.

    Selecção hoje feita por José Carlos Marques

    Para os textos integrais consultar:

    https://jn.sapo.pt/eddia/eddia4.asp

    https://jornal.publico.pt/publico/2003/10/15/indice.html

    ou as respectivas edicoes em papel.

    =============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============

    Para difundir mensagens escreva para: pned@egroups.com

    Para assinar a lista envie mensagem sem assunto para: pned-subscribe@yahoogroups.com e com o corpo da mensagem vazio.

    Para cancelar a assinatura envie mensagem em que o único texto é “unsubscribe PNED” (sem assunto/subject) para: pned-unsubscribe@egroups.com

    Para contactar directamente os coordenadores da lista envie mensagem a: pned-owner@egroups.com

    Se quiser informar-se das várias possibilidades para a leitura das suas mensagens ou da forma de alterar os seus dados pessoais, pode consultar:

    https://www.egroups.com/group/pned

    Neste grupo não são permitidas mensagens com anexos.

    =============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============

    Seu uso do Yahoo! Grupos é sujeito às regras descritas em: https://br.yahoo.com/info/utos.html

    Imprimir esta página Imprimir esta página

    Categorias: Boletim

    Deixar comentário