• Set : 17 : 2020 - ALERTA AOS CIDADÃOS: TRÊS JARDINS DO PORTO E 503 SOBREIROS EM GAIA AMEAÇADOS DE MUTILAÇÃO E ABATE
  • Mai : 14 : 2020 - Por Amor da Árvore 2020
  • Abr : 24 : 2019 - Poluição Luminosa
  • Ago : 11 : 2014 - Apelo ao boicote de alimentos com milho transgénico
  • Nov : 23 : 2011 - Petição pela salvaguarda das Sete Fontes

Para desligar-se/religar-se ou para ler as mensagens em modo página
net veja informações no rodapé da mensagem.

O arquivo desta lista desde o seu início é acessível através de
https://groups.yahoo.com/group/pned/

A estrutura deste Boletim INFOPNED tem vindo a variar por motivo de
experiências e tentativas de fixação de um modelo a seguir no futuro.
Agradecem-se sugestões e comentários.

Domingo, 7 de Setembro de 2003

1.
Cidade fabril feita em ruínas

Jornal de Notícias
Margarida Fonseca Textos José Mota Fotos
Porto
Arqueologia Industrial/Ambiente Urbano

Campanhã, Lordelo do Ouro e Circunvalação vivem entre restos de empresas que
deram pão a gerações de operários. Lixo e criminalidade tomaram conta de
edifícios gigantes que foram aba ndonados sem que ningu ém saiba dizer o que
se tornarão no futuro.

2.
O que ficou por fazer do projecto

Jornal de Notícias
Autor não indicado
Porto/Francos/avda Boavista
Ambiente Urbano/Viadutos/Mobilidade/Rodovias

Com uma planta demonstrativa nas mãos, Nuno Cardoso foi referindo as obras
que o actual executivo camarário deixou cair. E que pretendiam inicialmente,
garantiu, promover a melhoria das interligações entre a zona Ocidental da
cidade. “Tínhamos projectado umtúnel na Avenida da Boavista que iria
facilitar o trânsito a quem vem da Arrábida, chegando mais facilmente ao
Foco, sem pressionar o Nó de Francos”. Pois isso “caiu”. Por outro lado,
queria melhorar-se o trânsito entre a Foz e a Boavista, “à custa de um conj
unto de viadutos sobre a VCI”. Como o das Andresas e mesmo o alargamento do
viaduto na zona de Francos, “que deixasse fluir melhor o tráfego”.

3.
Arquitectos Propõem “Revolução” Ecológica no Parque da Cidade

Público
ANDREA CUNHA FREITAS
Porto
Parque da Cidade/Ecologia Urbana/Construção Ecológica/Alternativas
Energéticas

Não é a primeira vez que os finalistas do curso de Arquitectura da
Universidade do Porto se debruçam sobre áreas concretas da cidade e que,
além da capacidade crítica sobre o que existe, avançam com alternativas para
um amanhã melhor. A escolha do objecto de estudo acompanha o discurso da
actualidade.

Rui Sá Desafia Arquitectos “a Pensar a Cidade”

Jacinto Rodrigues, professor na Faculdade de Arquitectura da Universidade do
Porto (FAUP), já o tinha dito: “Rui Sá é o primeiro homem que mostra
abertura a esta problemática”. TEXTO

O Plano Verde Ignorado em 2001

Em Junho de 2000 o trabalho estava feito. Os alunos finalistas da Faculdade
de Arquitectura tinham reunido uma série de propostas para contrapor aos
“projectos de fachada” aprovados pela Sociedade Porto 2001. A experiência
aconteceu no âmbito da cadeira de História da Arquitectura Contemporânea,
orientada por Jacinto Rodrigues. TEXTO

4.
Esgoto gera polémica

Jornal de Notícias
Manuel Azevedo Natacha Palma
Espinho/Esmoriz/Cortegaça
Saneamento/Agricultura/ETAR

Cerca de 70 proprietários estão contra a passagem de um colector pelo meio
das terras. Já se teme pelas futuras plantações. Cerca de 70 proprietários
de terrenos situados nas proximidades da lagoa de Paramos vão ver os seus
campos atravessados ao meio por um colector de esgotos que irá ligar o
saneamento de Esmoriz e Cortegaça à Estação de Tratamento de Águas Residuais
(ETAR) de Espinho, obra a cargo da Simria ­ Saneamento Integrado dos
Municípios da Ria.

5.
Alerta para perigos do telemóvel

Jornal de Notícias
Autor não indicado
Geral
Telemóveis/Poluição electromagnética

O congresso de Vilar de Perdizes fez ontem eco do Apelo de Freiburgo
subscrito por mais de 1500 médicos europeus e 40 mil leigos alertando para
os perigos do uso indiscriminado de telemóveis. A divulgação coube a Maria
Feliz, da Albergaria Santa Hildegarda,em Vila Real, que promove, de acordo
com a Lusa, um estilo alternativo de vida enraizado na natureza. “O
telemóvel é uma pistola apontada ao cérebro, mas os emissores são muito mais
potentes e perigosos. Em ambos os casos devia haver regras restritas de
segurança”, defendeu esta alemã, radicada há 16 anos em Portugal, e que se
tornou a interlocutora nacional da organização que lançou o Apelo de
Freiburgo, documento que relaciona o aumento na Europa de um conjunto de
patologias com a expansão maciça da rede de emissores e do uso de
telemóveis.

6.
AMRia inaugura parque de lazer em Travassô

Jornal de Notícias
Autor não indicado
Águeda/Travassô
Lazer/Parque de Lazer

O parque de lazer da Senhora do Amparo, em Travassô, Águeda, é inaugurado ao
fim da manhã de hoje. Trata-se de um investimento de mais de 360 mil euros,
financiado por fundos comunitários, em 75% no âmbito do 3º Quadro de Apoio.

7.
Bares da Sé em aflição

Jornal de Notícias
Teresa Cardoso
Viseu
Automóvel/Comércio/Ruas Pedonais

Condicionamento do trânsito está a preocupar restauração Câmara vai analisar
abaixo-assinado a pedir a suspensão daquela medida. Apesar da entrada em
vigor da proibição de circular no centro histórico de Viseu nas noites de
fim-de-semana, os carros entraram, anteontem, livremente na zona de
circulação condicionada.

8.
Contestação de regresso às portagens no IC1/A28

Jornal de Notícias
Elmano Madail
Vila Nova de Cerveira
Rodovias/Impactos Ambientais

Possibilidade de abandono do sistema SCUT na Via Litoral Norte preocupa
autarcas do Alto Minho Consulta pública a impacto da extensão a norte
termina amanhã. A perspectiva de o Itinerário Complementar n.º 1 (IC1),
ligando Porto a Valença, e o Itinerário Principal Viana/Ponte de Lima (IP 9)
virem a ter portagens, abandonando o sistema SCUT introduzido pelo Governo
de António Guterres, em que o Estado paga aos concessionários a utilização
da via, começa a consolidar, depois do primeiro-ministro, Durão Barroso, ter
afirmado recentemente a necessidade de retomar o conceito utilizador-pagador
sob pena de não haver dinheiro disponível para financiar projectos de novas
infra-estruturas

9.
Maioria vota e aprova PDM

Jornal de Notícias
Raquel de Melo
Ponte de Lima
PDM/Reserva Ecológica Nacional/Construção/Parques Industriais

Documento atribui quase metade da área do município a Reserva Ecológica
Nacional Aumenta área de construção e permitirá ainda criar dez novos
parques industriais. O Plano Director Municipal (PDM) de Ponte de Lima foi,
ontem, aprovado em Assembleia Municipal, com 65 votos favoráveis, 19 contra
e quatro abstenções.

Pirotecnia deflagra polémica. Um dos motivos que mais fez aguardar a
aprovação do PDM foi a consequente permissão (ao nível do ordenamento) para
instalação de armazéns de pirotecnia numa “zona de REN”, considera
Montenegro Fiúza, do PS, salientando que “foram abertas excepções
injustificadas”. A autarquia garante que a instalação em Labruja é “a ideal
e mais segura para a população”. “A polémica em torno da instalação é uma
estratégia caprichosa de alguns, usando como arma de arremesso o adequado
ordenamento do território, que não deve ser partidarizado”, defendeu Daniel
Campelo. Por sua vez, a Comissão Técnica de Acompanhamento (CTA) garante que
“a iniciativa de destacar aquele espaço da REN para armazenamento de
explosivos foi louvada por todas as entidades ouvidas”.

10.
Praça Marquês do Pombal ganhou estacionamento

Jornal de Notícias
Jesus Zing
Aveiro
Ambiente Urbano/Automóvel/Estacionamento

A próxima Feira do Livro já tem local de realização. Uma obra que vai marcar
Aveiro nos próximos tempos, foi como qualificou o presidente da Câmara a
abertura da praça Marquês de Pombal ao público, na manhã de ontem, numa
cerimónia que contou com a presença do governador civil, José Manuel Leão.

11.
Um método para evitar pesticidas

Jornal de Notícias
Autor não indicado
Bairrada
Agricultura Integrada/Pësticidas/Luta Biológica

Na Bairrada, além das caves Messias, são poucos os que usam a “confusão
sexual” para controlar a praga da traça. O sistema consiste na difusão de um
cheiro igual ao da fêmea na fase da borboleta. O macho não copula, logo, não
há postura nem geração seguinte.

12.
A Iniciativa

Público
Autor não indicado
Aguda/Vila Nova de Gaia
Dunas/Litoral/Conservação da Natureza

O Parque de Dunas da Aguda, em Vila Nova de Gaia, inaugura hoje, às 15h00, a
actividade “Adaptações à vida no litoral: a água aqui tão perto”. O
objectivo da iniciativa, que resulta da associação do Parque Biológico de
Gaia ao Programa “Ciência Viva no Verão”, é mostrar aos participantes como
as plantas sofreram modicações para contornar a falta do líquido mais
precioso do planeta.

13.
S. Victor Discute Impacte da Variante de Gualtar nas Sete Fontes

Público
ISABEL FREIRE
Gualtar/Braga
Rodovias/Impacto Ambiental

Uma sessão pública para recolher sugestões sobre a construção da variante à
EN 103 em Gualtar, Braga, está marcada para segunda-feira, à noite, na sede
da junta de freguesia de S. Victor. TEXTO

14.
Vida Selvagem

Público
ISABEL FREIRE
Geral/Universidade do Minho
Vida Selvagem/Biólogos

A União Internacional dos Biólogos da Vida Selvagem (IUGB), uma organização
que já tem cinco dezenas de anos de existência informal – foi oficializada,
no decurso do seu XXVI congresso internacional que decorreu durante a
passada semana, na UM. A gestão da representação portuguesa na IUGB é feita
através da Sociedade Portuguesa da Vida Selvagem, sediada na Universidade do
Minho (UM).

OPINIÃO.Mostrar Serviço. PEDRO GOMES BIÓLOGO. Durante a última semana, a
cidade de Braga foi o palco do XV Congresso Mundial da União Internacional
dos Biólogos da Vida Selvagem. Tratando-se de um evento que reúne, de dois
em dois anos, especialistas na gestão dos recursos cinegéticos de todo o
mundo (biólogos, engenheiros agrónomos, veterinários…), é um local de
encontro de conhecimentos feitos noutras ocasiões.

FORA DO NOROESTE

15.
Um motor alimentado a baterias

Jornal de Notícias
Autor não indicado
Coimbra
Transportes Alternativos/Transportes Não Poluentes

O “Gulliver”, é este o nome técnico do “Pantufinhas”, foi escolhido por ser
adequado a uma utilização nos centros urbanos e pela sua fiabilidade e baixo
custo de exploração. Actualmente, circula em Itália (20 cidades), em França
(Bordéus), em Inglaterra (Liverpool e Bristol) e, em breve, na Espanha
(Valência). O motor eléctrico é alimentado unicamente a partir das baterias.
A autonomia em circuíto urbano é de 4 a 6 horas , sendo as baterias
trocadas, em poucos minutos. O “Gulliver” tem 5,3 m de comprimento e 2,07 m
de largura. Transporta 22 passageiros, dos quais 8 sentados. Tem instalação
para segurar uma cadeira de rodas e atinge uma velocidade máxima de 33 km/h.

INFORMAÇÃO SOBRE O BOLETIM INFOPNED:

Acima apresentou-se o sumário e/ou resumos de notícias de interesse
urbanístico/ambiental publicadas na edição electrónica do Jornal de Notícias
e do Público Local Porto e Minho, em 7 de Setembro de 2003.

Esta lista foi criada e é animada pela associação Campo Aberto, e está
aberta a todos os interessados sócios ou não sócios. O seu âmbito específico
são as questões urbanísticas e ambientais do Noroeste, basicamente entre o
Vouga e o Minho. Em «Fora do Noroeste» (só ocasionalmente), podem inserir-se
notícias de outras regiões que possam apresentar interesse como exemplo
negativo ou positivo para situações equivalentes no Noroeste.

Selecção hoje feita por José Carlos Marques

Para os textos integrais consultar:

https://jn.sapo.pt/eddia/eddia1.asp

https://jornal.publico.pt/publico/2003/09/07/indice.html

ou as respectivas edições em papel.

Imprimir esta página Imprimir esta página

Categorias: Boletim

Deixar comentário