• Abr : 24 : 2019 - Poluição Luminosa
  • Ago : 11 : 2014 - Apelo ao boicote de alimentos com milho transgénico
  • Nov : 23 : 2011 - Petição pela salvaguarda das Sete Fontes
  • Jul : 6 : 2011 - Perigo para Paisagem Protegida Valongo
  • Jun : 17 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação – resposta da C.M. Porto

[PNED] 4 Agosto INFO

(Para qualquer problema com esta lista, ver informações no final do
texto e instruções no rodapé da mensagem)

Selecção hoje feita por Alexandre Bahia

Segunda-feira, 4 de Agosto de 2003

JN

1. Portugal a arder

em foco telefone de apoio
As populações afectadas por fogos têm à disposição um número de apoio –
214167111 -anunciaram o Serviço Nacional de Bombeiros e a Protecção Civil.

2. Helicópteros ligeiros Aviões fazem o trabalho pesado
Quatro helicópteros pesados e vários de média capacidade estão a operar
em Portugal. No primeiro caso, tratam-se de “Mil MI-8”, aeronaves de
fabrico russo, e com capacidade para três mil litros de água ou calda
retardante. Os Bell 212, de média capacidade, asseguram uma capacidade
de 1200 litros.

3. Prejuízos muito elevados e difíceis de contabilizar

PROPOSTA Ambientalistas querem prevenção durante todo o ano
Alfredo Maia
Os incêndios já consumiram o equivalente a um quarto da área ardida em
Portugal no ano pasado (120 mil hectares), o que representa um grave
prejuízo económico, ambiental e social em perda de diversidade natural,
recursos e emissões de dióxido de carbono.

4. Energia eólica vai duplicar potência instalada até 2004

ambiente Dos modestos 101 MW de potência instalada em 2001, já passou
para os 200 MW Em 2010, Portugal deverá ter asseguradas as metas de
produção de energias renováveis
Alfredo Maia
Aprodução de energia eléctrica a partir do vento duplicou em Portugal
nos últimos dois anos e vai duplicar novamente até ao final do próximo
ano. Três dezenas de parques eólicos são responsáveis por uma potência
instalada de cerca de 200 megawatts (MW), mas a Direcção-Geral da
Energia prevê que em 2010 a potência instalada no nosso país atinja os 3
750 MW.

5. Prevenção

Edgar Correia, engenheiro

Com extensas regiões do país literalmente a arder e as imagens da
tragédia humana a entrarem dramaticamente pela casa de todos os
portugueses, não é “completamente estéril e contraproducente” debater as
causas dos incêndios, ao contrário do que afirmou ontem o primeiro-ministro.

6. Beber café e navegar na Net numa esplanada da Ribeira

Gaia Tecnologia Visitantes poderão levar, ainda este ano, os
computadores para zona ribeirinha e aceder a informações, através de
rede de Internet sem fios Basta comprar um cartão de utente
Carla Sofia Luz
A experiência das Docas de Lisboa, que desenvolve um projecto semelhante
ao que está a ser montado na Ribeira de Gaia, é muito positiva. A
apreciação parte de Francisco Fernandes, sócio-gerente da Quick Acess,
que promove a iniciativa. “Ao princípio, não era frequente ver-se
pessoas com o computador portátil nas esplanadas, mas começaram a aparecer.

7.Maravilhas fatais…

por JORGE VILAS JORNALISTA Grandes projectos e magníficos planos podem,
50 anos mais tarde, ser fonte de muitos problemas

Machado Vaz, presidente da Câmara do Porto durante nove anos (1953/1962)
foi, sem dúvida, um dos grandes líderes do município, tendo a cidade
ficado a dever-lhe excelentes empreendimentos que, hoje em dia, marcam a
fisionomia da cidade.

8. Bombeiros de bicicleta prestam apoio na praia

figueira da foz prevenção Iniciativa está a aproximar meios de socorro
dos acidentes Nos primeiros dias, as brigadas já resolveram vários
problemas na rua

9. Cruz Vermelha abre concurso para voluntários

braga socorrismo Candidaturas podem ser apresentadas na sede da CVP ou
pela Internet Há quatro anos que não é realizado qualquer recrutamento
Pedro Vila-Chã
A unidade de Socorro da Delegação de Braga da Cruz Vermelha Portuguesa
(CVP)abriu as inscrições para voluntários. Com cerca de 60 elementos no
activo, a CVP pretende renovar os efectivos, pois há quatro anos que não
se efectuava qualquer recrutamento.

10. “Foi muito grave o que aconteceu”

Tavares Meireles Comandante do porto do douro
“Foi muito grave o que aconteceu. Considero que, no mínimo, houve
negligência por parte doagente poluidor. Agora, resta-nos continuar com
as investigações e apurar as responsabilidades. Vai ter de ser tomada
uma série de medidas, no sentido de estancar o alastramento da nafta nas
águas do rio Cávado. De qualquer forma, nesta altura, a situação está
perfeitamente controlada. Os absorventes e as barreiras destinadas a
conter a nafta estão a dar resultados satisfatórios. A nafta está a ser
absorvida, mas o material ainda ficará instalado durante mais três dias,
com o objectivo de proteger as captações de abastecimento de água. A
situação está sob controlo e quero crer que a nafta não alastrou para
junto da foz do rio.

11. Internautas voltaram para casa

viana do castelo campus party Participantes desligaram computadores ao
fim de 112 horas quase ininterruptas ligados à Internet
Raquel de Melo
“Um êxito”. A organização da Minho Campus Party, cuja terceira edição
terminou ontem, em Viana do Castelo, considera que as expectativas da
rave informática deste ano foram “superadas, de longe”.

12. Pontapé de saída das sociedades no início de 2004

Aval Só em Setembro chega a autorização legislativa do Parlamento para
passar o regime a lei Porto e Lisboa terão empresas com capitais do Estado
Carla Sofia Luz
As primeiras Sociedades de Reabilitação Urbana (SRU) das zonas
históricas do país surgirão apenas no início do próximo ano. O Governo
necessita da autorização legislativa da Assembleia da República para
converter, em letra de lei, o regime excepcional, aprovado, na passada
quinta-feira, pelo Conselho de Ministros, no Porto. Só em Setembro terá
o aval do Parlamento

13. Projecto do Baixo Vouga desbloqueado em Bruxelas
aveiro LuZ Verde Queixa de ambientalistas que paralisou o programa de
desenvolvimento durante oito anos foi finalmente arquivada Técnicos
aceleram preparação de candidaturas ao III QCA

14. Proprietários de terrenos contra expropriações

viana do castelo

Os proprietários dos terrenos por onde vai passar o ramal industrial de
gasoduto de Viana do Castelo garantiram, ontem, que vão lutar até às
últimas consequências para obrigar a Transgás a pagar-lhes as
indemnizações que consideram “justas”. “O valor que nos querem pagar é
ridículo, chega a não atingir um décimo dos prejuízos causados”, referiu
José Maciel Campos, da autodenominada Comissão de Reclamantes, no
decorrer de uma reunião pública em Carvoeiro, Viana do Castelo, que
contou com mais de uma centena de proprietários.

15. Rio com nafta não impede banhistas de mergulharem

barcelos crime ambiental Ministério do Ambiente já sabe qual foi a
empresa que lançou carga poluidora para o Cávado Assegurada a qualidade
do abastecimento aos oito municípios
Liliana Rodrigues

16. Electrónica Fracasso de bilheteira põe futuro do CBT em risco

mConcerto de The Matthew Herbert Big Band foi o grande momento do
Festival de Celorico de Basto mEspectáculos realizaram-se em tendas
insufláveis, com um calor insuportável e pouca segurança
josé manuel bacelar Gil Diniz
Mais uma vez, a mesma história. O CBT Dance Festival apresentava um
cartaz excelente, mas não teve público. Nem foi uma rave no maravilhoso
mundo rural minhoto, mas em três tenda insufláveis, com um calor
insuportável. A organização contava vender 10 mil bilhetes, mas,
anteontem, a Celorico de Basto nem metade foram. O prejuízo financeiro
pelo terceiro ano consecutivo poderá ditar o fim do CBT. A empresa
organizadora estuda a hipótese de transferir este formato de
festivalpara outro local, ainda não definido.

17. Folk Festival Intercéltico de Sendim superou expectativas

Francisco Pinto
O Festival Intercéltico de Sendim superou novamente as expectativas. A
edição deste ano teve uma presença em massa dos espanhóis, que alegraram
com o seu ritmo os espectáculos da primeira noite. Os Leilía, da Galiza,
com as vozes das suas cinco componentes a trazerem ao palco um
sentimento único, dado o timbre das suas vozes e a movimentação que
conseguiam fazer com os seus próprios conterrâneos, são um exemplo. Com
a noite a aquecer, foram os Tejedor que tiveram a coragem de oferecer a
música do futuro, sem esquecer o passado. No segundo dia da festa, já no
recinto principal, mais três nomes marcaram a noite. Balbarda, uma banda
com horizontes renovados, não perdoou e disse mesmo que a noite lhe
pertencia.

PUBLICO

1. Descarga Poluidora no Cávado Ameaçou Abastecimento de Água a 600 Mil
Pessoas
Por ÂNGELO TEIXEIRA MARQUES E NUNO PASSOS

Uma descarga de nafta, ocorrida anteontem no rio Cávado e cujos
responsáveis foram já identificados pela GNR, colocou em estado de
alerta a empresa “Águas do Cávado”, concessionária do sistema
multimunicipal de Abastecimento à área norte do Grande Porto e que
abastece as redes públicas dos concelhos de Barcelos, Póvoa de Varzim,
Vila do Conde, Santo Tirso, Maia (parte norte), Vila Nova de Famalicão,
Trofa e Esposende.

2. População de Quintiães, Barcelos, Cortou Ontem a Linha do Minho
Por ÂNGELO TEIXEIRA MARQUES

Os habitantes de Quintiães, Barcelos, voltaram ontem a interromper a
passagem de comboios na Linha do Minho, como forma de protesto para o
perigo de uma passagem de nível junto à Igreja da localidade.

3. Donos de Terrenos em Viana Garantem Que Gasoduto Só Passa com “Justas
Indemnizações”
Por LUSA

Os proprietários dos terrenos por onde vai passar o ramal industrial de
gasoduto de Viana do Castelo garantiram ontem que vão lutar até às
últimas consequências para obrigar a Trangás a pagar-lhes as
indemnizações que consideram “justas”.

4. Papel em Vez de Flores na Batalha das Gualterianas
Por NATASHA NAHARI

De rua em rua, de janela em janela, muitos foram os vimaranenses e
“gentes de fora” que não perderam a oportunidade de assistir, anteontem
à noite, pelas ruas da cidade, à centenária Batalha das Flores. A
organização das Festas Gualterianas deste ano teve êxito redobrado. Isto
porque a crise económica tornou a organização mais complicada,
nomeadamente em termos de escolha de material.

5.Vikings Atacaram o Castro de S. Lourenço, em Esposende
Por ÂNGELO TEIXEIRA MARQUES

Centenas de pessoas assistiram ontem no Castro de S. Lourenço, em Vila
Chã, Esposende à encenação do que poderia ter sido, no século IX D.C.,
um desembarque de terríveis “Vikings” e posterior assalto à comunidade
local. A representação teatral espalhou-se por diversos pontos do castro
o que envolveu o público no enredo.

Para os textos integrais consultar:
https://jn.sapo.pt/eddia/eddia2.asp

https://jornal.publico.pt/publico/2003/08/04/indice.html

ou as respectivas edições em papel.

PNED = Porto e Noroeste em Debate

=============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============

Para difundir mensagens escreva para: pned@egroups.com

Para assinar a lista envie mensagem sem assunto para: pned-subscribe@yahoogroups.com e com o corpo da mensagem vazio.

Para cancelar a assinatura envie mensagem em que o único texto é “unsubscribe PNED” (sem assunto/subject) para: pned-unsubscribe@egroups.com

Para contactar directamente os coordenadores da lista envie mensagem a: pned-owner@egroups.com

Se quiser informar-se das várias possibilidades para a leitura das suas mensagens ou da forma de alterar os seus dados pessoais, pode consultar:

https://www.egroups.com/group/pned

Neste grupo não são permitidas mensagens com anexos.

=============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============

Seu uso do Yahoo! Grupos é sujeito às regras descritas em: https://br.yahoo.com/info/utos.html

Imprimir esta página Imprimir esta página

Categorias: Boletim

Deixar comentário