İzmir escort » İzmir eskort bayan » Vip Escorts beydağ escort bornova escort buca escort çeşme escort seferihisar escort beylikdüzü escort avrupa yakası escort mecidiyeköy escort beşiktaş escort Escort Paris porn tube porno porn porno amateur

    infoPNED 26 Mai 2003
    (pned=Porto e Noroeste em Debate)

    Segunda, 26 de Maio de 2003

    NO PUBLICO:

    1. Governo Admite Autorizar Construções na Reserva Ecológica Natural

    O presidente do Instituto da Conservação da Natureza (ICN), João Silva
    Costa, adianta que a reserva vai ser dividida em duas partes: uma
    “intocável”, outra onde se possa admitir algum tipo de construção.

    Os ambientalistas temem que a intenção do Governo possa abrir a porta a
    interesses imobiliários, mas concordam que aquela zona classificada
    necessita de reformulação. ”

    NO JN:

    1.Mindelo ainda é terra de ninguém

    Salva da urbanização maciça, Reserva Ornitológica continua abandonada
    No litoral português, há um naco de 300 hectares de dunas, matos e
    pinhal eleito paradigma da utilidade prática de figuras de ordenamento
    como a Reserva Ecológica Nacional (REN) e a Reserva Agrícola Nacional (RAN):

    2. Porto – “Espaço transparente vai ser referência no Porto” (entrevista)

    Portuense de gema, o jovem empresário Marco Godinho de Almeida é o
    director da empresa que venceu o concurso para explorar o polémico
    Edifício Transparente, projectado pelo arquitecto Solà-Morales.

    3. Porto – Estação do Metro enterrada a 26 metros de profundidade

    Épreciso descer a 26 metros de profundidade para se conseguir perceber a
    dimensão das obras do Metro na Praça do Marquês de Pombal. No fundo do
    poço, com 40 metros de diâmetro, imagina-se um cais, com 70 metros, e
    espreita-se as duas saídas do túnel que fará a ligação ao Hospital de S.
    João e à Ponte de Luís I.

    4. Gondomar – Areal de Zebreiros está cheio de detritos

    Vizinhos contra o campismo selvagem, o estacionamento abusivo e a
    invasão dos aceleras

    5. Portugal – Imobiliário, outra vez (opiniao)

    Agora, para se fazer uma obra no país, nada como um projecto imobiliário
    para o pagar…

    Imprimir esta página Imprimir esta página

    Categorias: Boletim

    Deixar comentário