• Abr : 24 : 2019 - Poluição Luminosa
  • Ago : 11 : 2014 - Apelo ao boicote de alimentos com milho transgénico
  • Nov : 23 : 2011 - Petição pela salvaguarda das Sete Fontes
  • Jul : 6 : 2011 - Perigo para Paisagem Protegida Valongo
  • Jun : 17 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação – resposta da C.M. Porto

Destaques

HÁ POLUIÇÕES NA MODA E OUTRAS FORA DE MODA?
Colocado em 22 de setembro de 2019

Começámos há algum tempo a tentar abordar formas de poluição a que chamámos silenciadas, porque raramente se fala (ou falava) nelas e porque têm sido objetivamente alvo de tentativas de silenciamento quando alguns tentam fazê-las sair da obscuridade por forma a tentar que, não só se fale delas, como, sobretudo, se deem passos decididos para as erradicar.

Começámos pela poluição luminosa, prosseguimos recentemente com a poluição associada à mineração, e temos algumas outras em carteira, á espera de que haja tempo [...ler mais]

SÉRIE AS POLUIÇõES SILENCIADAS
Colocado em 9 de setembro de 2019

Em série iniciada em 25-04-2019, As Poluições Silenciadas, que começa com uma rubrica sobre Poluição Luminosa, abrimos uma reflexão sobre contaminações e agressões do ambiente pouco conhecidas do grande público.

Hoje colocamos um primeiro elemento de uma nova rubrica da série, desta vez sobre mineração.

Outras formas de poluição mal conhecidas do grande público, como a poluição eletromagnética, a radiatividade emitida por fontes de baixa intensidade ou por centrais nucleares em funcionamento dito normal, os perturbadores [...ler mais]

MEIO SÉCULO EM DEFESA DOS POVOS NO ECOSSISTEMA!
CONTRA O GENOCÍDIO E O ECOCÍDIO
Colocado em 23 de julho de 2019

Meio século!
Eis algo de que não falam os jornais, nem as televisões, nem as redes sociais. Alguém já deu conta de alguma que o referisse?

Em 2019 cumprem-se 50 anos sobre a fundação de Survival International, criada por um grupo de voluntários horrorizados pelo genocídio dos Índios da Amazónia. E essa organização muito contribuiu  para impedir o que geralmente se considerava então inevitável: a total aniquilação dos índios do Brasil aí pelo ano 2000. Embora continuem ameaçados (e agora [...ler mais]

Colocado em 29 de agosto de 2019

Unindo os dois textos desta rubrica em 2019, até agora: os mais de um milhão de pessoas que ao longo de 25 anos já participaram no EuroBirdwatch (texto mais recente) gostarão de saber que o município de Vila Nova de Gaia vai ao que parece cumprir a sua palavra e abandonar a utilização dos espaços próximos e contíguos à Reserva Natural Local do Estuário do Douro – RNLED para atividades ruidosas e de multidões em massa, abandonando assim o que isso representa de agressivo para a riquíssima avifauna que reside e transita pelo Cabedelo (texto mais abaixo).

 

OBSERVAR [...ler mais]

O HOMEM QUE PLANTAVA ÁRVORES
UM LIVRO PARA CRIANÇAS E ADULTOS LEREM JUNTOS

 

Circularam já e circulam ainda em português algumas edições deste conto publicado em França em 1953, que se tornou em todo o mundo símbolo e incentivo do gosto de plantar árvores e reconstruir florestas nativas.

Esta nova tradução (de Abílio Santos) e nova edição (a Campo Aberto é o editor) distingue-se das anteriores (que continuam a ser úteis pois têm o fundamental, que é o texto do conto de Jean Giono, o autor) pelas ilustrações a cores em quase todas as páginas, de uma artista várias vezes premiada, Teresa Lima, e por dois [...ler mais]