• Abr : 24 : 2019 - Poluição Luminosa
  • Ago : 11 : 2014 - Apelo ao boicote de alimentos com milho transgénico
  • Nov : 23 : 2011 - Petição pela salvaguarda das Sete Fontes
  • Jul : 6 : 2011 - Perigo para Paisagem Protegida Valongo
  • Jun : 17 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação – resposta da C.M. Porto

[PNED] Boletim de 15/XII/2004

[Esta lista tem actualmente 293 participantes inscritos.]

==========================
BOLETIM PORTO E NOROESTE EM DEBATE
resumo das notícias de ambiente e urbanismo em linha

Quarta-feira, 15 de Dezembro de 2004

==========================
Para os textos integrais das notícias consulte as ligações indicadas.
==========================
Destaque: “Já há largos meses que as obras estão prontas. Não sei o
que aconteceu. Eu próprio me interroguei porque é que o (cinema)
Batalha ainda não está aberto. Penso que está pronto desde Janeiro.”
Paulo Morais, Vice-presidente da Câmara do Porto
Público – Local Porto

==========================
1. Os últimos quatro anos de encerramento do Cinema Batalha podem ter
custado à Câmara do Porto cerca de 240 mil euros, só no aluguer do
equipamento. Uma das empresas interessadas no espaço critica a “falta
de sustentabilidade” do projecto da Associação de Comerciantes. Das
contas não fazem parte as verbas investidas nas obras de
requalificação levadas a cabo no edifício, mas apenas o aluguer da
sala aos respectivos proprietários que pode estar a custar à
autarquia cinco mil euros mensais. A despesa poderia, no entanto, ser
bem menor se os prazos de conclusão da empreitada tivessem terminado
dentro dos prazos previstos.
Patrícia Gonçalves

http://www.oprimeirodejaneiro.pt/?
op=artigo&sec=eccbc87e4b5ce2fe28308fd9f2a7baf3&subsec=&id=f72edc124c9e
73b8fb56feeabc134703

==========================
2. Governo emenda “in extremis” diploma que limitaria multas por
poluição

Um decreto-lei ontem publicado em Diário da República limita a níveis
irrisórios as multas à poluição industrial por dióxido de carbono. A
vigorar, o diploma praticamente deitaria por terra a aplicação, em
Portugal, do sistema europeu do comércio de emissões, que arranca
dentro de 15 dias.

http://jornal.publico.pt/2004/12/15/Sociedade/S15.html

==========================
3. Sirius vai ligar a Casa da Música ao metro
Conceição Meirinho

Foi para comemorar o renascer do centro comercial Sirius, na
Boavista, que ontem se realizou um grande cortejo medieval na cidade
do Porto. Segundo Rosa Moreira, organizadora do desfile e
representante do Sirius, este centro ” encontrava-se moribundo”. Até
que, há dois anos, deu por si numa situação privilegiada “Se o Sirius
fosse uma pessoa, tocaria com uma mão a estação do metro e com a
outra a Casa da Música”, explica. Decidiu-se, então, aproveitar essa
posição, recorrendo ao apoio da Câmara Municipal do Porto e da Metro
do Porto, que investiram em projectos, possibilitando a revitalização
do centro comercial. Essa revitalização passou pela construção de uma
passagem que liga a estação do metro da Casa da Música ao Sirius –
localizado em frente à obra-símbolo do Porto 2001.

http://jn.sapo.pt/2004/12/15/grande_porto/sirius_ligar_a_casa_musica_m
etro.html

==========================
4. Rui Rio demarca-se de eventuais alterações ao PDM
Por Abel Coentrão

O presidente da Câmara do Porto explicou anteontem à noite na reunião
da assembleia municipal (AM) que caberá a este órgão, e não ao
executivo a que preside, analisar e propor eventuais alterações ao
Plano Director Municipal (PDM), documento que entra em discussão
pública na próxima semana.

http://jornal.publico.pt/2004/12/15/LocalPorto/LP07.html

Moradores do Bairro da Fábrica contra PDM

Os moradores do Bairro da Fábrica da Areosa, junto ao Hospital de S.
João, no Porto, vão apresentar uma reclamação no período de discussão
pública do Plano Director Municipal (PDM), que começa no dia 22.
Estão descontentes com a alteração feita na segunda revisão do
documento. O bairro, inicialmente classificado como de interesse
patrimonial, passou a ser considerado como área de habitação isolada
com prevalência de habitação colectiva. A mudança introduzida no PDM
aumentou o receio da destruição do bairro operário, edificado nos
anos 20, “para construção de um projecto habitacional de milhões”.

http://jn.sapo.pt/2004/12/15/grande_porto/moradores_bairro_fabrica_con
tra_pdm.html

==========================
5. Reacende-se a luta contra a fusão do Carolina Michaelis
Jennifer Mota

Foi de vela na mão que mais de três centenas de estudantes, pais e
professores da Escola Carolina Michaelis, no Porto, realizaram uma
vigília à porta do estabelecimento e, depois de duas voltas ao
quarteirão, seguiram para a Rotunda da Boavista. A unir os
manifestantes estava o desejo de permanência do “Carolina” – como é
conhecido – nas suas funções actuais.

http://www.ocomerciodoporto.pt/secciones/noticia.jsp?
pIdNoticia=20669&pIdSeccion=7&

==========================
6. Delinear operação financeira do Parque Oriental
Ana Cristina Gomes

O vereador da CDU, Rui Sá, apresentou uma proposta de “redistribuição
de verbas” que Rio se “comprometeu a analisar” e, eventualmente,
propor “em sede de revisão orçamental”. Sá pretende que o Parque
Oriental receba mais 100 mil euros, para além dos 100 já
orçamentados. O também vereador do Ambiente sublinha que, em 2005, a
prioridade, relativamente ao Parque Oriental é “delinear a operação
financeira para que o parque se faça quase a custo zero”. Sá defende
que a Câmara deve receber os terrenos privados existentes no interior
do Parque em troca de capacidade construtiva dos terrenos
circundantes. Rodrigo Oliveira, do PS, considerou “vexatória” a verba
destinada ao futuro parque, mas Sá não tem a mesma perspectiva. O
vereador diz que a verba “vai permitir fazer algumas coisas que
estavam previstas” e lembra que o Parque tem verbas cabimentadas
noutras rubricas, nomeadamente para o estudo que está a ser feito
pela Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto.

http://www.ocomerciodoporto.pt/secciones/noticia.jsp?
pIdNoticia=20656&pIdSeccion=7

==========================
7. Nova comissão regional da Ordem
Manuel Morato

Foi com o propósito de lutar por “uma arquitectura para todos”, no
sentido em que esta deve ser um bem disponível na sociedade, que João
Pedro Serôdio foi empossado, anteontem à noite, presidente da
Comissão Regional do Norte (CRN) da Ordem dos Arquitectos (OA).

http://www.ocomerciodoporto.pt/secciones/noticia.jsp?
pIdNoticia=20693&pIdSeccion=2

==========================
8. Novos preços da energia

Os clientes industriais de electricidade estão “em estado de choque”
com os aumentos decididos para o sector, a rondar em média os 9,6 por
cento. Alertam que está em causa a competitividade da indústria
nacional e já pediram uma reunião com carácter de urgência ao Governo.

http://www.oprimeirodejaneiro.pt/?
op=artigo&sec=45c48cce2e2d7fbdea1afc51c7c6ad26&subsec=&id=698933072f86
adda7c6a66e1430a9e3a

==========================
9. O ministro das Actividades Económicas inaugurou ontem o parque
eólico da Serra do Barroso. O parque eólico, com nove geradores de
dois mil kilowatts cada e uma produção média anual de 47 gigawatts,
exigiu um investimento de 20 milhões de euros, dos quais 4,8 milhões
provenientes de incentivos financeiros do Programa Energia do
POE/Prime. A sua construção resultou da colaboração entre a Enernova-
Novas Energias, a Câmara Municipal de Boticas e a EHATB.

http://www.oprimeirodejaneiro.pt/?
op=artigo&sec=e4da3b7fbbce2345d7772b0674a318d5&subsec=&id=1c0a5eeb16a5
dedaf18b3757d917f6c2

[Ministro inaugura parque eólico ao lado de casas sem luz.

O Ministro das Actividades Económicas, Álvaro Barreto, inaugurou
ontem o parque eólico da Serra das Alturas, em Boticas, ao lado de
uma localidade cujos habitantes vão continuar sem electricidade. A
energia anualmente produzida no parque transmontano equivalerá ao
consumo de um aglomerado populacional de 24 mil pessoas. Não poderá,
no entanto, ser utilizada pelos seis habitantes da população contígua
de Casas da Serra, que há anos esperam a chegada da electricidade. O
poder local justificou-se dizendo que não quiseram investir num local
onde previam que a população se viesse a reduzir a zero.]

==========================
==========================
INFORMAÇÃO SOBRE O BOLETIM INFOPNED:

Acima apresentam-se sumários ou resumos de notícias de interesse
urbanístico ou ambiental publicadas na edição electrónica do Jornal
de Notícias, de O Primeiro de Janeiro, de O Comércio do Porto e do
Público Local Porto e Minho (em um ou vários dos citados, não
necessariamente em todos).

Esta lista foi criada e é animada pela associação Campo Aberto, e
está aberta a todos os interessados sócios ou não sócios. O seu
âmbito específico são as questões urbanísticas e ambientais do
Noroeste, basicamente entre o Vouga e o Minho.

O arquivo desta lista desde o seu início é acessível através de
http://groups.yahoo.com/group/pned/

Para se desligar ou religar veja informações no rodapé da mensagem.

Para mais informações e adesão à Associação Campo Aberto:
campo_aberto@oninet.pt
telefax 229759592
Apartado 5052, 4018-001 Porto

Selecção hoje feita por Maria Carvalho

=============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============

Para difundir mensagens escreva para: pned@yahoogrupos.com.br

Neste grupo não são permitidas mensagens com anexos.

Para assinar a lista envie mensagem sem assunto para: pned-subscribe@yahoogrupos.com.br e com o corpo da mensagem vazio.

Para cancelar a assinatura envie mensagem em que o único texto é “unsubscribe PNED” (sem assunto/subject) para: pned-unsubscribe@yahoogrupos.com.br

Para contactar directamente os coordenadores da lista envie mensagem a: pned-owner@yahoogrupos.com.br

Se quiser informar-se das várias possibilidades para a leitura das suas mensagens ou da forma de alterar os seus dados pessoais, pode consultar:

http://br.groups.yahoo.com/group/pned/

=============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============
Links do Yahoo! Grupos

<*> Para visitar o site do seu grupo na web, acesse:
http://br.groups.yahoo.com/group/pned/

<*> Para sair deste grupo, envie um e-mail para:
pned-unsubscribe@yahoogrupos.com.br

<*> O uso que você faz do Yahoo! Grupos está sujeito aos:
http://br.yahoo.com/info/utos.html

Imprimir esta página Imprimir esta página

Categorias: Boletim

Deixar comentário