Arquivo para 2016

    APOIO ATRAVÉS DE COMPRA DE 20 EXEMPLARES
    A PARTIR DA DATA DE IMPRESSÃO DO LIVRO (SETEMBRO 2017)

    Colocado em 4 de fevereiro de 2019

    A Freguesia de Campanhã, no Porto, requereu-nos a encomenda e compra de 20 exemplares alguns dias antes da apresentação do livro que decorreu no auditório da Freguesia no sábado, 2 de fevereiro de 2019 (mais abaixo, pormenores sobre essa apresentação), associando-se assim à divulgação do ideário que o livro exprime: um futuro assente na revalorização, recuperação, regeneração dos valores naturais, ecológicos e  paisagísticos no território da AMP.


    Colocado
    [...ler mais]

    DE VEZ EM QUANDO
    … UMA FRASE INSPIRADORA

    Tecnologia e natureza – qual cresce, qual mingua?

    A tecnologia cresce e mingua (quantas crianças de hoje sabem o que é um relógio de corda?) mas a natureza está sempre connosco.

    Louise Fabiani
    in «Nature is a language», Times Literary Supplement, 28-04-2017

    Importar alimentos… ou produzi-los?

    Os países importadores de alimentos energéticos, quando prezam a sua independência política e segurança, tomam precauções para evitar que a concorrência desses géneros importados aniquile o seu próprio aparelho produtivo, ou a capacidade [...ler mais]

    Para ver de imediato o texto
    O Palácio de Cristal e o fim da jardinagem pública no Porto
    clique no título na linha anterior

    Clique também, para saltar de imediato para cada texto abaixo, o respetivo título:
    Que jardins? Que espaços verdes?
    Parecer da Campo Aberto sobre o regulamento de espaços verdes no Porto
    Comparação entre o Parecer de 2004 e as normas em vigor
    Propostas da Campo Aberto sobre espaços verdes em 2002 ainda atuais
    Porto em Transição… para uma cidade mais convivial, rumo à época pós-petróleo
    Conselho Municipal de Ambiente finalmente convocado, 13 de fevereiro de 2015
    Um [...ler mais]

    Na véspera da realização deste encontro, de que daremos aqui mesmo notícias depois de ocorrido, recebemos duas observações sobre o assunto que desde já partilhamos com os nossos leitores. No final delas encontra-se um texto de enquadramento proposto aos participantes do encontro.

    CONTRIBUTOS E PROPOSTAS

    Maria de Lourdes Alcobia
    Lamento não poder estar presente por razões alheias à minha vontade! Contudo lembro que é necessário fazer uma petição ao Parlamento para rever a lei do ordenamento do território e da floresta e acabar com a lei publicada na Legislatura de Passos Coelho que permite [...ler mais]

    Veja aqui tomadas de posição sobre a questão dos pavilhões de venda do Bolhão tomadas por associações nacionais e internacionais e a resposta a uma delas recebida da Câmara Municipal do Porto. Mais abaixo, veja outras informações sobre o Bolhão e sobre outras questões de urbanismo, com destaque para questões de mobilidade e para o conceito de «cidade regeneradora».

    [Fotos a preto e branco: Antero Leite]

    Colocado em abril de 2017, 14

    TOMADA DE POSIÇÃO DA ORGANIZAÇÃO INTERNACIONAL INTBAU

    Carta enviada a Rui Moreira, Presidente da Câmara Municipal do Porto,
    pelo Presidente da Secção de Cuba [...ler mais]