• Ago : 11 : 2014 - Apelo ao boicote de alimentos com milho transgénico
  • Nov : 23 : 2011 - Petição pela salvaguarda das Sete Fontes
  • Jul : 6 : 2011 - Perigo para Paisagem Protegida Valongo
  • Jun : 17 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação – resposta da C.M. Porto
  • Jun : 15 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação

SONY DSCSó 15 pessoas. Prioridade aos sócios da Campo Aberto até segunda 5 de maio.

Quando e onde?

Sexta 24 de maio às 21:15. Na sede da Campo Aberto (Rua de Sta Catarina, 730, 2.º andar, no Porto).

Inscrições

Até terça 21 de maio.

Indicar nome, email e telefone, e se inscritas várias pessoas por uma delas, de cada uma das pessoas inscritas, sem o que a inscrição não estará completa. Enviar estes dados para: contacto@campoaberto.pt tendo como assunto: ecogastronomia.

Quanto custa?

Sócios da Campo Aberto: €2,00, pagos à entrada da sessão.

Não sócios: €4,00, por transferência bancária ou cheque/vale de correio. Caso adira simultaneamente como sócio, beneficia de imediato do preço de sócio.

Enviar comprovativo ou do pagamento da tertúlia ou da adesão como sócio simultaneamente à inscrição. Se o pagamento for por cheque ou vale, dar essa informação na inscrição e enviar por correio em simultâneo o pagamento.

Em caso de transferência, e para facilitar a identificação do pagamento, preferir transferência em linha ou depósito numa agência da CGD ao multibanco (use-o no entanto se lhe for mais conveniente). Se puder incluir  um descritivo, indicar um nome mais usado e a data, exemplo: mota24maio.

O quê?

Alimentação na crise

Esta oficina demonstrará em termos práticos (e com degustação) como se preparam algumas iguarias ecogastronómicas: flor de sabugueiro, maionese de linhaça e revolto de urtigas, eventualmente de outras ervas em substituição, ou em alternativa pataniscas de chícharo; a plateia poderá ainda degustar pão de lêveda natural e bolachas de bolota.

A alimentação é uma necessidade básica, e por isso um direito de todos os seres vivos. Mas os hábitos de consumo atuais dos países mais desenvolvidos, onde se inclui Portugal, são um dos principais responsáveis pelos problemas ambientais, sociais e económicos, quer ao nível local/nacional, quer ao nível global. Por outro lado, a má alimentação, a par da inatividade física, é a principal causa de doenças crónicas não transmissíveis (obesidade, diabetes, cancro, e também problemas cardiovasculares).  É possível comer bem poupando dinheiro, e embora nem todos possam ser bons cozinheiros, todos podemos cozinhar!

Com quem?

Alexandra Azevedo

Nasceu em Vilar (concelho de Cadaval, distrito de Lisboa) em 1967. É médica veterinária e ativista na área da defesa do ambiente e do desenvolvimento sustentável. Escreve regularmente artigos de divulgação e de opinião e organiza várias atividades práticas com destaque para o tema da alimentação (oficinas de fabrico tradicional de pão, oficinas de ervas comestíveis e oficinas de cozinha sustentável) e dinamiza eco-tasquinhas para angariação de fundos para projetos das associações. É sócia da QUERCUS – Associação Nacional de Conservação da Natureza, desde 1993, membro da Direção Nacional desde 2005, sendo atualmente vogal, e da equipa de coordenação do CRASM – Centro de Recuperação de Animais Selvagens de Montejunto. É sócia fundadora, e atualmente presidente da direção, do MPI – Movimento Pró-Informação para a Cidadania e Ambiente, oficializado em 2003. É representante do MPI e da Quercus na Plataforma Transgénicos Fora e no CREIAS Oeste (Centro de Excelência Regional – criado em 2007 no âmbito da década para o Desenvolvimento Sustentável 2005-2014) e representante do MPI na Campanha pelas Sementes Livres. É ainda sócia da Colher para Semear – Rede Portuguesa de Variedades Tradicionais e, recentemente, também do Movimento Slow Food.

 

 

 

 

 

Imprimir esta página Imprimir esta página

Categorias: Notícias

2 comentários até agora.

  1. Maria Júlia Macedo Ferreira diz:

    1 inscrição na oficina ecogastronomia

    sou sócia da Campo aberto

    933262877

  2. Rute Pereira diz:

    Gostaria de inscrever 2 pessoas para a oficina de ecogastronomia

    Rute Pereira
    Sandra Pereira

    Como efetuo o pagamento?

    Abraço

Deixar comentário