• Ago : 11 : 2014 - Apelo ao boicote de alimentos com milho transgénico
  • Nov : 23 : 2011 - Petição pela salvaguarda das Sete Fontes
  • Jul : 6 : 2011 - Perigo para Paisagem Protegida Valongo
  • Jun : 17 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação – resposta da C.M. Porto
  • Jun : 15 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação

A Campo Aberto convida-o a inscrever-se num percurso pedestre a efetuar num dos dois geoparques Portugueses – o Geopark Arouca – no Próximo dia 28 de Abril de 2012

Geopark AroucaGeoparque de Arouca O Geopark Arouca, correspondendo à área administrativa do Concelho de Arouca, é reconhecido pelo seu excecional Património Geológico de relevância internacional, com particular destaque para as Trilobites gigantes de Canelas, para as Pedras Parideiras da Castanheira e para os Icnofósseis do Vale do Paiva.
O valioso e singular Património Geológico inventariado, cobrindo um total de 41 geossítios, constitui a base do projeto Geoparque Arouca, aliados a uma estratégia de desenvolvimento territorial que assegurará a sua proteção, dinamização e uso. Em simultâneo e em complementaridade, associam-se outros importantes valores como os arqueológicos, ecológicos, históricos, desportivos e/ou culturais e ainda a promoção da etnografia, artesanato e gastronomia da região, tendo em vista a atracão de um turismo de elevada qualidade baseado nos valores da Natureza e da Cultura.
Muitos destes sítios de interesse encontram-se integrados na intensa Rede de Percursos Pedestres, num total de 13, numa perspetiva de valorização e divulgação e promoção deste inestimável património.

O que é um Geoparque?

Um Geoparque é um território com limites bem definidos que possui um notável Património Geológico aliado a toda uma estratégia de Desenvolvimento Sustentável.

Os três principais propósitos de um Geoparque são:
– Geoconservação
– Educação para o Desenvolvimento Sustentável
– Turismo

Estabelecem-se firmes ligações entre a geoconservação, a educação para o desenvolvimento sustentado e o turismo. Serão fomentadas a construção de novas infraestruturas que promovam a conservação do património geológico, a educação e o turismo, o desenvolvimento de novos produtos locais e serviços, o encorajamento do artesanato e do crescimento económico local e assim a criação de novas oportunidades de emprego.” (http://www.geoparquearouca.com)

Percurso a efetuar:
Nos caminhos da pré e da geo-história
Sinopse: O Arouca Geopark possui uma das maiores redes de percursos pedestres de pequena rota (PR) homologados pela Federação Portuguesa de Campismo e Montanhismo. Num percurso ao longo do planalto da Serra da Freita partimos em descoberta das relíquias da ocupação pré-histórica e romana do espaço serrano, bem como, da paisagem granítica que nos acolhe ao longo do percurso pedestre.

Agrupamento dos participantes na Praça Velasquez, junto ao Café Velasquez, no Porto às 7:30 para saída do Porto em minibus.

Duração do percurso: Manhã de sábado, com almoço partilhado no final do percurso.

Áreas preferenciais de conhecimento: Geologia, Geografia, Ambiente, Turismo, Educação Física, História
Ponto de partida / chegada (do percurso): Aldeia de Albergaria da Serra / Mamoas de Monte Calvo (Serra da Freita)
Extensão aproximada: 4000 m
Grau de dificuldade: Moderado
Geossítios a observar: Pedras Boroas do Junqueiro
Outros pontos de interesse: Paisagem granítica, planalto da Serra da Freita, inscrição romana de Albergaria-da-Serra, Mamoa da Portela da Anta, Mamoas de Monte Calvo

Inscrições
Faça a sua inscrição até ao dia 25 de Abril, através do formulário de inscrição em http://www.campoaberto.pt/contacte-nos/inscricoes-1/. Veja também as condições gerais dos passeios e visitas organizadas pela Campo Aberto (ao inscrever-se pressupõe-se que as conhece e aceita) em http://www.campoaberto.pt/contacte-nos/instrucoes-inscricoes/ .

Preço
A inscrição só é válida quando simultaneamente acompanhada de pagamento – 19,00 € para sócios (ou crianças até 12 anos) e 22,00 € para não sócios. É indispensável enviar comprovativo para contacto@campoaberto.pt.

Não deixe de ver também as informações seguintes:
1 – O passeio realiza-se num pequeno autocarro fretado pela Campo Aberto. Para ser viável, terá que ter no mínimo 15 inscrições com pagamento efetuado.
2 – Se esse mínimo não for atingido, o passeio mantém-se com aqueles que, na rubrica OBSERVAÇÕES do formulário de inscrição, tenham indicado pretender manter-se no passeio sob forma de boleias partilhadas. Indique aí se como condutor e com carro próprio e com quantos lugares livres, se como passageiro. O custo do combustível será nesse caso partilhado pelos ocupantes do carro sem interferência da organização, e o custo do passeio reduzido a5 euros (sócios) e 8 euros (não sócios), sendo o remanescente reembolsado pela organização nos dias úteis imediatos (em princípio, 10 dias no máximo).

Imprimir esta página Imprimir esta página

Categorias: Eventos & Visitas

Um comentário até agora.

  1. […] de Ar Livre e Ambiente (Cidade das Profissões) Visita/Passeio – 28/4/2012 – Geoparque de Arouca  (VISITA […]

Deixar comentário