• Ago : 11 : 2014 - Apelo ao boicote de alimentos com milho transgénico
  • Nov : 23 : 2011 - Petição pela salvaguarda das Sete Fontes
  • Jul : 6 : 2011 - Perigo para Paisagem Protegida Valongo
  • Jun : 17 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação – resposta da C.M. Porto
  • Jun : 15 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação

Caro Leitor do Boletim Diário PNED:

Se ainda não o é, e se concorda, ainda que apenas em parte, com o que
é e faz a Campo Aberto, e se julga útil apoiá-la, faça-se sócio.

Campo Aberto – associação de defesa do ambiente
www.campoaberto.pt
Apartado 5052
4018-001 Porto
telefax 22 975 9592

==========================
BOLETIM PORTO E NOROESTE EM DEBATE
resumo das notícias de ambiente e urbanismo em linha

Quarta-feira, 3 de Setembro de 2008

==========================
Para os textos integrais das notícias consultar as ligações indicadas.
==========================

1. Nacional: Barco ecológico ‘oferece toda a segurança ‘

http://www.oprimeirodejaneiro.pt/

Os primeiros testes de navegabilidade da primeira embarcação do País
movida a energia solar foram realizadas esta semana na Ria Formosa e
a segurança está garantida, disse ontem fonte oficial. O barco
ecológico que não precisa de combustível foi alvo de testes de
navegabilidade na segunda-feira durante duas horas na Ria Formosa,
junto a Faro. Segundo a Autoridade Marítima do Sul, ‘oferece toda a
segurança equivalente a uma outra qualquer embarcação’, ‘A não
emissão de gases poluentes torna o passeio da embarcação mais amigo
do ambiente e menos ruidoso’, revelou Reis Ágoas, comandante da
Capitania de Faro. O «Alvor Flor do Sol» tem 11 metros de
comprimento, lotação para 14 pessoas e está equipado com 15 painéis
solares e 12 baterias. O barco custou 140 mil euros e destina-se a
passeios turísticos a oito nós de velocidade (cerca de 15 quilómetros/
hora) entre Alvor, Portimão e Lagos.

==========================
2. Porto: Cidadãos gritam de novo “eu Importo-me”

http://jn.sapo.pt/paginainicial/pais/concelho.aspx?
Distrito=Porto&Concelho=Porto&Option=Interior&content_id=1008472

A celebração do 12º aniversário do Porto Património Mundial trará, de
novo, o grito de cidadania “eu Importo-me” às ruas da Invicta. O
movimento, nascido em 2007, deixa o desafio à participação no dia 4
de Dezembro.

Faltam quatro meses para a festa, mas, para o movimento Cidadãos do
Porto – Sociedade Aberta, é o momento certo para formular o convite.
A lembrança da noite fria do ano passado, em que cerca de 500 pessoas
foram protagonistas na festa do Centro Histórico do Porto que passou
pela Ribeira, pelo Infante, pela Cordoaria, pela Sé e pela Miragaia,
reaviva a vontade de promover o património histórico da cidade.

A mensagem, que corre pelas caixas de correio electrónico da região,
abre com a questão: “Onde estavas tu no 4 de Dezembro?”. Se a memória
atraiçoa o interlocutor e afigura-se nebulosa, não é preocupante,
pois, para o movimento de cidadãos do Porto, o mais importante é onde
estarás dentro de quatro meses. “Desafiamos as pessoas a assinalar o
próximo dia 4 de Dezembro, 12º aniversário do Porto Património
Mundial, de forma original”, como se lê no texto dos Cidadãos do
Porto, que preferem o nome colectivo, em vez da voz individual.

Então, a iniciativa, nascida no ano passado, da vontade de 11
cidadãos repetir-se-á este ano. “Este grito [eu Importo-me] foi
amplificado por várias centenas de pessoas, muitos voluntários,
alguns benfeitores até que, muitas vozes depois, se chegou à festa do
4 de Dezembro de 2007”, relembra o movimento, certo de que a “rede de
vontades” cresceu em 2008.

“Como não podemos nem queremos deixar cair o que foi conseguido,
lançamos um novo desafio à cidade e, em particular, às pessoas que de
alguma forma aceitaram e desejaram fazer parte deste movimento”,
continua.

Não há limites para a criatividade. Basta a vontade em participar. O
programa da festa começará a ser definido agora, somando os
contributos que surgirem. No ano passado, ao desfile pelas ruas da
cidade, seguiram-se as actuações do pianista Pedro Burmester e do
cantor Pedro Abrunhosa no Palácio da Bolsa, no Infante.

“Desafiamos as pessoas, as associações, as instituições, os grupos de
amigos, os estabelecimentos comerciais e de diversão, as empresas, os
clubes desportivos, políticos e religiosos, desafiamos todos os que
se interessem pelo património da cidade do Porto a saírem à rua”,
insiste no texto, divulgado através do e-mail.

Os interessados em aderir à “rede festiva” podem apresentar as
sugestões, por escrito, para 4.12.2008@gmail.com.

=========================

Para se desligar ou religar veja informações no rodapé da mensagem.

O arquivo desta lista desde o seu início é acessível através de
http://groups.yahoo.com/group/pned/

Se quiser consultar os boletins anteriores veja
http://campoaberto.pt/boletimPNED/

==========================
INFORMAÇÃO SOBRE O BOLETIM INFOPNED:

Acima apresentam-se sumários ou resumos de notícias de interesse
urbanístico ou ambiental publicadas na edição electrónica do Jornal
de Notícias e d’O Primeiro de Janeiro (e ocasionalmente de outros
jornais ou fontes de informação).

Esta lista foi criada e é animada pela associação Campo Aberto, e
está aberta a todos os interessados sócios ou não sócios. O seu
âmbito específico são as questões urbanísticas e ambientais do
Noroeste, basicamente entre o Vouga e o Minho.

Selecção hoje feita por José Carlos Marques

=============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============

Imprimir esta página Imprimir esta página

Categorias: Boletim

Deixar comentário