• Ago : 11 : 2014 - Apelo ao boicote de alimentos com milho transgénico
  • Nov : 23 : 2011 - Petição pela salvaguarda das Sete Fontes
  • Jul : 6 : 2011 - Perigo para Paisagem Protegida Valongo
  • Jun : 17 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação – resposta da C.M. Porto
  • Jun : 15 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação

Veja o site da Campo Aberto:
http://www.campoaberto.pt/

Comente, participe. Divulgue!

==========================
Caro Leitor do Boletim Diário PNED:

Se ainda não o é, e se concorda, ainda que apenas em parte, com o que é e faz a Campo Aberto, e se julga útil apoiá-la, faça-se sócio!

Em alternativa assine a revista Ar Livre (que os sócios também recebem).

Peça informações:
contacto@campoaberto.pt

==========================

BOLETIM PORTO E NOROESTE EM DEBATE
resumo das notícias de ambiente e urbanismo em linha

Sábado, 23 de Agosto de 2008

==========================

Para os textos integrais das notícias consultar as ligações indicadas.

==========================
1. Mergulho na Natureza na Serra da Lousã

http://jn.sapo.pt/multimedia/galeria.aspx?content_id=981362

==========================
2. Verão tem sido mais seco e com temperaturas baixas

A média das temperaturas mínimas entre 1 de Junho e 19 de Agosto indica que este período registou uma diminuição desses valores. A precipitação esteve abaixo dos valores médios. Em termos de temperaturas máximas, o mês de Junho esteve sempre acima dos valores de referência, enquanto Julho trouxe um ligeiro arrefecimento face ao mesmo mês de anos anteriores.

http://jn.sapo.pt/PaginaInicial/Sociedade/Interior.aspx?content_id=983470

==========================
3. Tampinhas representam mais cadeiras de rodas

As tampas de plástico de garrafas de água e de refrigerantes continuam a dar material ortopédico, mas é preciso continuar a colaborar para responder a todos os pedidos de cidadãos carenciados.

A campanha desenvolvida pelo “met’Água”, clube recreativo da Águas do Ave, já permitiu entregar variado material ortopédico, nomeadamente cadeiras de rodas, camas articuladas com guardas laterais e camas eléctricas, colchões antiescaras e assentos de banho.

Até ao momento, foram recolhidas sete mil toneladas de tampinhas e o valor atingido ascende a perto de 4 mil euros, verba da qual beneficiaram algumas das instituições de solidariedade social da região e também, a título individual, alguns cidadãos mais carenciados.

“Face a uma vasta lista de espera, fica o apelo para não deitar fora todo o tipo de tampas de plástico que utiliza, pois ao guardá-las e entregá-las na sede da empresa está a contribuir para uma causa nobre. Poder ajudar alguém a receber material ortopédico de que necessita mostra que a solidariedade não é apenas uma palavra vã”, desafiam os promotores.

As tampas devem ser entregues na Águas do Ave, sediada no Estádio D. Afonso Henriques. Todo o material recolhido é posteriormente enviado para a Empresa Intermunicipal de Tratamento e Gestão de Resíduos Sólidos do Vale do Sousa para reciclagem.

O Clube met’ÁGUA é constituído pelos colaboradores da empresa Águas do Ave e começou a trabalhar na recolha de tampas de plástico em 2006. Desde então, a campanha para a aquisição de material ortopédico tem mobilizado estabelecimentos de ensino, unidades de hotelaria, centros comerciais, empresas e particulares de todo o concelho. Denominada “Tampinhas Mágicas”, a campanha nasceu da iniciativa da enfermeira Guadalupe Simões.

http://jn.sapo.pt/paginainicial/pais/concelho.aspx?Distrito=Braga&Concelho=Guimar%E3es&Option=Interior&content_id=983446

==========================
4. Circuito histórico sinalizado

Passear nos cinco concelhos abrangidos pela Comunidade Intermunicipal do Vale do Minho tornou-se agora muito mais fácil com a colocação de 180 placas identificativas do património histórico e cultural.

Trata-se do “Plano de Sinalização e Interpretação dos Recursos Turísticos do Vale do Minho”, cuja implementação ficou recentemente praticamente concluída nos concelhos de Melgaço, Monção, Paredes de Coura, Valença e Vila Nova de Cerveira.

http://jn.sapo.pt/paginainicial/pais/concelho.aspx?Distrito=Viana%20do%20Castelo&Concelho=Valen%E7a&Option=Interior&content_id=983441

==========================
5. Soure: Centenas de árvores abatidas junto ao rio

A associação ambientalista Quercus denunciou, esta sexta-feira, o abate de “centenas de árvores e arbustos” ao longo de três quilómetros numa das margens do rio Arunca, afluente do rio Mondego, no concelho de Soure.

Esta situação, de acordo com fonte da Quercus, terá sido verificada durante uma visita de técnicos da associação ambientalista ao local, os quais se terão deparado com um “corte total da vegetação, composta principalmente por freixos e salgueiros com recurso a forte mobilização de terras em áreas do domínio hídrico que estão protegidas por lei”.

http://jn.sapo.pt/paginainicial/pais/concelho.aspx?Distrito=Coimbra&Concelho=Soure&Option=Interior&content_id=983393

==========================
6. Moradores da Foz recusam saneamento

Mais de meio milhar de moradores na Foz, em Nevogilde e em Aldoar, no Porto, possuem a rede de saneamento a passar-lhes à porta de casa, mas resistem em pagar essa ligação. Esses esgotos acabam por poluir as praias.

A Empresa Municipal Águas do Porto contabiliza a existência de 2748 prédios em toda a cidade com colectores e ramais à porta, mas que continuam sem ligação ao saneamento. “Só não se ligam, porque não querem. A maioria está indevidamente ligada à rede das águas pluviais [que colhe a água da chuva]”, sustenta, ao JN, Poças Martins. O presidente da comissão de estruturação da empresa municipal ficou surpreendido por encontrar tantas habitações da Foz, de Nevogilde e de Aldoar, consideradas as zonas ricas da Invicta – onde o preço dos terrenos e das habitações por metro quadrado é mais caro.

Os 2748 edifícios em causa encontram-se nas referidas freguesias, em Campanhã e em áreas exteriores à VCI do Porto. Na Foz, em Nevogilde e em Aldoar, contam-se 640 edifícios nessa situação de incumprimento. O regulamento municipal obriga os portuenses a efectuarem a ligação à rede de saneamento, porém os funcionários da Águas do Porto, que estão a contactar os moradores com ramais à porta, estão a encontrar muita resistência.

http://jn.sapo.pt/paginainicial/pais/concelho.aspx?Distrito=Porto&Concelho=Porto&Option=Interior&content_id=983387

==========================

Para se desligar ou religar veja informações no rodapé da mensagem.

O arquivo desta lista desde o seu início é acessível através de
http://groups.yahoo.com/group/pned/

Se quiser consultar os boletins atrasados veja
http://campoaberto.pt/boletimPNED/

==========================
INFORMAÇÃO SOBRE O BOLETIM INFOPNED:

Acima apresentam-se sumários ou resumos de notícias de interesse
urbanístico ou ambiental publicadas na edição electrónica do Jornal de
Notícias e d’O Primeiro de Janeiro (e ocasionalmente de outros jornais
ou fontes de informação).

Esta lista foi criada e é animada pela associação Campo Aberto, e está
aberta a todos os interessados sócios ou não sócios. O seu âmbito
específico são as questões urbanísticas e ambientais do Noroeste,
basicamente entre o Vouga e o Minho.

Para mais informações e adesão à associação Campo Aberto:

Campo Aberto – associação de defesa do ambiente
Apartado 5052
4018-001 Porto
telefax 22 975 9592
contacto@campoaberto.pt
www.campoaberto.pt

Selecção hoje feita por Cristiane Carvalho

======================================

Imprimir esta página Imprimir esta página

Categorias: Boletim

Deixar comentário