• Ago : 11 : 2014 - Apelo ao boicote de alimentos com milho transgénico
  • Nov : 23 : 2011 - Petição pela salvaguarda das Sete Fontes
  • Jul : 6 : 2011 - Perigo para Paisagem Protegida Valongo
  • Jun : 17 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação – resposta da C.M. Porto
  • Jun : 15 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação

Destaque: Veja as três notícias em O Primeiro de Janeiro sobre o plano PORTO
FUTURO SUSTENTÁVEL (n.º 12 do boletim de hoje), elaborado pelo Grupo de
Estudos Ambientais da Escola Superior de Biotecnologia para a Lipor. O GEA é
coordenado por Margarida Silva, e o plano referido é realizado por uma
equipa em que participam Marta Pinto, Nuno Quental, Pedro Macedo, Pedro
Santos e diversos outros colaboradores.

JCM

====

[Esta lista tem actualmente cerca de 380 participantes inscritos.]

Veja também os blogues:
http://campo-aberto.blogspot.com/
http://avenida-dos-aliados-porto.blogspot.com/

E ainda:
http://www.campoaberto.pt/

Comente, participe. Divulgue!
====
Caro Leitor do Boletim Diário PNED:

Se ainda não o é, e se concorda, ainda que apenas em parte, com o que é e
faz a Campo Aberto, e se julga útil apoiá-la, faça-se sócio!

Em alternativa assine a revista Ar Livre (que os sócios também recebem).

Peça informações:
campo_aberto@oninet.pt

====

BOLETIM PORTO E NOROESTE EM DEBATE
resumo das notícias de ambiente e urbanismo em linha

====
Segunda-feira, 21 de Novembro de 2005

====
Títulos no Público sem acesso livre

– “Quero trazer para Gaia a vivência das praças maiores espanholas”
Linha Amarela do metro com restrições à noite
Nuno Amaral

– Exposição de homenagem às vítimas do IP4 transferida devido ao mau tempo

– Concurso para a cobertura da Baixa de Coimbra lançado até Dezembro

– Barco do Parque Natural Tejo Internacional volta a navegar em 2006

– Contestadas bombas de gasolina em Vale de Cambra

– Lenta recuperação do centro histórico

====

1. PAÍS. Caça livre vai acabar até 2009

O Governo português promete acabar com todas as zonas de caça livre até ao
final da legislatura, em 2009. O anúncio, feito, ontem, pelo secretário de
Estado do Desenvolvimento Rural e Florestas numa visita à Zona de Caça
Associativa de Monte Galo, Mértola, mereceu o repúdio dos caçadores livres.
Vêem no anúncio apressado de uma data a intenção velada de “afastar
simplesmente as pessoas”. O governante Rui Nobre Gonçalves justificou, ao
JN, a ordenação dos 25 a 30% de território cinegético ainda livre como
condição para garantir a caça. “É já um recurso limitado, precisa de ser
gerido”. Um problema que acredita resolver-se generalizando as zonas de caça
associativa (ZCA), turísticas ou municipais (ZCM) porque, “no terreno
ordenado, quem gere é responsável pelo controlo da actividade, para não pôr
em causa a continuidade das espécies”. Como na ZCA de Monte “Este ano, dada
a seca, resolveram ter só sete jornadas de caça em vez dos dias todos
permitidos por lei”. No território não ordenado, “ao fim de dois dias, já
não há caça”.

http://jn.sapo.pt/2005/11/21/ultima/caca_livre_acabar_2009.html
====

2. ESPINHO. “Ia mais vezes ao Brasil antes de vir para a Câmara”

No início do 13.º ano à frente dos destinos do concelho de Espinho, o
socialista José Mota fala das obras que tem para concluir e das que quer ver
arrancar. Fala da necessidade de fazer chegar o metro do Porto ao município
e das razões que o levarão a continuar a levar idosos ao Brasil. (Š)

http://jn.sapo.pt/2005/11/21/grande_porto/ia_mais_vezes_brasil_antes_vir_par
a_.html

====

3. Area Metropolitana do Porto. Adesão ao metro cresce e já superou previsão
para 2008 Mobilidade Maior afluência à hora de ponta da manhã, entre Senhora
da Hora e Trindade, Até 15 de Novembro, contam-se mais de 14 milhões de
validações, nas quatro linhas da rede

http://jn.sapo.pt/2005/11/21/grande_porto/adesao_metro_cresce_e_superou_prev
is.html

====

4. MAIA. Metro lança concurso para interface no ISMAI

Actualmente, a linha Verde tem o término no centro da Maia
A Metro lançou, anteontem, o concurso público para a concepção e a execução
do futuro interface da estação do ISMAI (ficará próxima do Instituto
Superior da Maia), que funcionará como término da linha Verde. O
investimento estimado será de 1,6 milhões de euros.

http://jn.sapo.pt/2005/11/21/grande_porto/metro_lanca_concurso_para_interfac
e_.html

====

5. ESPINHO. Praia de Paramos isolada:
Sem acesso Obra na ponte sobre a ribeira de Rio Maior cortou a única via até
ao centro da localidade Empreitada pretende atenuar risco de inundações,
mas não deverá ser suficiente

http://jn.sapo.pt/2005/11/21/grande_porto/praia_paramos_isolada.html

====

6. PORTO.”Pular a Cerca” para ter mais saúde e abrir o bairro à cidade

integração Feira temática no Cerco, aberta a toda a população, prolonga-se
até amanhã Coordenadora do projecto lembra que políticos não devem ir aos
bairros só quando há eleições

http://jn.sapo.pt/2005/11/21/grande_porto/pular_a_cerca_para_mais_saude_e_ab
ri.html

====

7. BRAGA.500 anos do refundador do urbanismo

comemorações D. Diogo de Sousa evocado pelos bracarenses Foi o ideólogo do
património da cidade

http://jn.sapo.pt/2005/11/21/minho/500_anos_refundador_urbanismo.html

====

8. VIANA DO CASTELO. Ciclovia reabre atalho

Passamano Antigo caminho público estava fechado há mais de um século
Utentes terão ligação directa ao elevador de Santa Luzia

http://jn.sapo.pt/2005/11/21/minho/ciclovia_reabre_atalho.html

====

9. ESPOSENDE. Percurso pelo Cávado em busca da lampreia

A lampreia percorre os rios de água fria para desovar

trilho Passeio da Valimar em terra de marinheiros

Percorrer os caminhos do Cávado, no próximo dia 26, conhecendo Esposende e
aproveitando para degustar o tradicional prato de lampreia é a proposta de
mais um passeio da Valimar, comunidade urbana que reúne os municípios de
Viana do Castelo, Caminha, Arcos de Valdevez, Ponte da Barca e Ponte de
Lima, para além do esposendense.

“O trilho proposto percorrerá os caminhos entre o Cávado e o Atlântico, por
locais privilegiados da costa litoral norte”, revelou fonte da Comunidade
Urbana.

“Conhecido pelas suas extensas praias, onde desaguam o rio Cávado e Neiva, o
concelho de Esposende ganhou importância no século XVI pelo seu reconhecido
valor naval e piscatório. Mas Esposende não é só terra de marinheiros, é
também antiga fortaleza marítima, terra voltada para o oceano e possuidora
de praias, cada vez mais procuradas pelos turistas”, argumentos que
justificam a organização do passeio.

Outros atractivos para aqueles que irão participar na iniciativa da Valimar
passam pelo “casco histórico recuperado, espaços para a prática de desportos
náuticos, golfe, piscinas”.

http://jn.sapo.pt/2005/11/21/minho/percurso_pelo_cavado_busca_lampreia.html

====

10. RIA DE AVEIRO. Ria o último parque natural
por António M. de Almeida Martins biólogo

O projecto BIORIA já demonstrou que é possível usar a Ria de Aveiro de uma
forma sustentável
nuno alegria

A Ria vai integrar o sistema europeu de conservação da natureza, conhecido
como Rede Natura

A conservação da natureza na sua vertente institucional é tão jovem quanto a
democracia em Portugal. Em 30 anos, num país sem hábitos de planeamento
territorial e onde o solo se ocupou com ímpetos de uma liberdade
questionável, foi possível classificar majestosas montanhas, grandes rios,
estuários e zonas húmidas e até ancorámos à rede nacional de áreas
protegidas porções do mar português. Foram três décadas onde o trilho
talhado foi difícil, sinuoso, muitas vezes politicamente desamparado e
financeiramente esgotante.

http://jn.sapo.pt/2005/11/21/centro/ria_o_ultimo_parque_natural.html
====

11. ÁGUEDA. Crise na ceia serrana

tradiçÃo Chegaram a ser 700 comensais, mas este fim-de-semana não eram
sequer 200 Recessão e fecho de fábricas obrigam a fazer sacrifícios
pedro fontes da costa

As tarefas culinárias são repartidas entre todos os que comem

A ceia serrana, que se realiza, anualmente, nas aldeias mais serranas do
concelho de Águeda, já foi partilhada por 700 pessoas. Agora, apenas 150
sobem à serra para provar os sabores e paladares genuínos das aldeias
viradas para as colinas do rio Alfusqueiro.

http://jn.sapo.pt/2005/11/21/centro/crise_ceia_serrana.html

====

12. GRANDE PORTO. Desenvolvimento e qualidade de vida

Como a falta de uma perna põe em xeque o equilíbrio de uma cadeira, a
negligência em matéria ambiental ameaça a sustentabilidade do mundo.
Investigadores da Escola Superior de Biotecnologia da Universidade Católica
trabalham há anos na inversão da degradação ambiental.
Carla Teixeira

Uma cadeira equilibra-se graças ao equilíbrio perfeito entre as suas pernas,
sem o qual a nossa dificuldade em manter-nos sentados aumenta grandemente.
Tal como a cadeira, a própria vida apoia-se em quatro dimensões – social,
económica, ambiental e individual -, que devem estar em equilíbrio
harmonioso. Manter as quatro pernas da cadeira do mesmo tamanho é caminhar
em direcção ao desenvolvimento sustentável, que passa por integrar as várias
dimensões da vida humana, de forma a garantir uma vida sã e equilibrada no
presente e no futuro. Uma analogia que visa explicar o papel desenvolvido
pelo Grupo de Estudos Ambientais da Escola Superior de Biotecnologia da
Universidade Católica, que faz do desenvolvimento sustentável objectivo
primeiro de todos os seus projectos.

http://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=c74d97b01eae257e44aa9d5bade9
7baf&subsec=&id=44962abdea421bd1036465e5c1e02857

Plano estratégico de acção ambiental deverá ser apresentado em Março de 2006
³Cenário dramático no Porto²

O Grupo de Estudos Ambientais apresenta, em Março, um plano estratégico de
acção ambiental para o Grande Porto. Na fase de diagnóstico, o «Futuro
Sustentável» aferiu uma realidade preocupante, a que só uma actuação
imediata, consciente e integrada poderá pôr termo.
Carla Teixeira

A região do Grande Porto – que integra os concelhos do Porto, Póvoa de
Varzim, Vila do Conde, Maia, Matosinhos, Valongo, Gondomar, Gaia e Espinho –
é, a nível nacional, a que experimenta uma realidade ambiental mais
dramática, de acordo com os primeiros dados apurados pelo programa «Futuro
Sustentável», que auscultou aproximadamente quatro mil pessoas daquela área
geográfica, através de inquéritos, fóruns e reuniões participadas com
entidades oficiais, especialistas, técnicos, políticos e população.

http://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=c74d97b01eae257e44aa9d5bade9
7baf&subsec=&id=2864d1f522e8e01ee2bf13a53d0fc73c

Programa inédito visa criar redes de trabalho
Em busca do futuro sustentável

Ouvido um Grande Porto saturado de automóveis e a braços com lacunas graves
do ponto de vista ambiental, que resultam do ³desencontro² entre poderes e
cidadãos, surge o projecto «Futuro sustentável».
Numa primeira fase, os investigadores foram ao encontro de especialistas e
técnicos, políticos, organizações não-governamentais e populações, ouvindo
mais de quatro mil pessoas em sondagens, inquéritos, reuniões técnicas e
abertas, num trabalho inédito de recolha de dados com vista à criação de
redes de trabalho e à definição das prioridades a elencar no «Futuro
sustentável – Plano Estratégico de Ambiente do Grande Porto», a ³menina dos
olhos² do Grupo de Estudos Ambientais da Escola Superior de Biotecnologia da
Universidade Católica.

http://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=c74d97b01eae257e44aa9d5bade9
7baf&subsec=&id=1fb6fbbba7285c6aac3f969383b0880e

====

13. Memória da Judiaria da cidade

No número 9 da Rua de S. Miguel, freguesia da Vitória, a história da
Judiaria do Olival ganhou novos contornos. A descoberta de um Ehal confirmou
a existência de uma sinagoga e o Ippar garante que o achado será preservado.
Porém, vários são os que defendem a globalidade da habitação como
património.

http://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=eccbc87e4b5ce2fe28308fd9f2a7
baf3&subsec=&id=5f825369d1ed3e2a93d5b3633ffd539b

====

14. BRAGA. Autarquia previne problemas na Quinta Pedagógica

Combate à gripe das aves

A Câmara de Braga está a reforçar as suas medidas de prevenção relativas à
eventual propagação da gripe das aves, tendo dado instruções aos técnicos da
Quinta Pedagógica de Braga para evitar o contacto das espécies autóctones
ali existentes com aves selvagens.
Ver Noticia»»

http://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=e4da3b7fbbce2345d7772b0674a3
18d5&subsec=&id=d8fd09a3b93dec4450ea5436f6bc46a7

====

15. MONSANTO. Situada na aldeia de Monsanto vai passar a emitir na internet
Rádio ³mais portuguesa² para todo o mundo

Uma rádio situada na aldeia mais portuguesa de Portugal, Monsanto, e que se
orgulha de passar 85 por cento de música portuguesa, vai passar a emitir
para o mundo inteiro através da Internet.

http://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=e4da3b7fbbce2345d7772b0674a3
18d5&subsec=&id=a37b0a6bc8e31c71b166baf8fa321a2b

====

Para desligar-se/religar-se ou para ler as mensagens em modo página, net
veja informações no rodapé da mensagem.

O arquivo desta lista desde o seu início é acessível através de
http://groups.yahoo.com/group/pned/

====

INFORMAÇÃO SOBRE O BOLETIM INFOPNED:

Acima apresenta-se o sumário e/ou resumos de notícias de interesse
urbanístico/ambiental publicadas na edição electrónica do Jornal de
Notícias e de O Primeiro de Janeiro (e ocasionalmente de outros
jornais ou fontes de informação).

Esta lista foi criada e é animada pela associação Campo Aberto, e está
aberta a todos os interessados sócios ou não sócios. O seu âmbito específico
são as questões urbanísticas e ambientais do Noroeste, basicamente entre o
Vouga e o Minho.

Selecção hoje feita por José Carlos Marques

Para mais informações e adesão à associação Campo Aberto:
campo_aberto@oninet.pt
telefax 229759592
Apartado 5052, 4018-001 Porto

=================================

[As partes desta mensagem que não continham texto foram removidas]

=============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============

Para difundir mensagens escreva para: pned@yahoogrupos.com.br

Neste grupo não são permitidas mensagens com anexos.

Para assinar a lista envie mensagem sem assunto para: pned-subscribe@yahoogrupos.com.br e com o corpo da mensagem vazio.

Para cancelar a assinatura envie mensagem em que o único texto é “unsubscribe PNED” (sem assunto/subject) para: pned-unsubscribe@yahoogrupos.com.br

Para contactar directamente os coordenadores da lista envie mensagem a: pned-owner@yahoogrupos.com.br

Se quiser informar-se das várias possibilidades para a leitura das suas mensagens ou da forma de alterar os seus dados pessoais, pode consultar:

http://br.groups.yahoo.com/group/pned/

=============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============
Links do Yahoo! Grupos

<*> Para visitar o site do seu grupo na web, acesse:
http://br.groups.yahoo.com/group/pned/

<*> Para sair deste grupo, envie um e-mail para:
pned-unsubscribe@yahoogrupos.com.br

<*> O uso que você faz do Yahoo! Grupos está sujeito aos:
http://br.yahoo.com/info/utos.html

Imprimir esta página Imprimir esta página

Categorias: Boletim

Deixar comentário