• Ago : 11 : 2014 - Apelo ao boicote de alimentos com milho transgénico
  • Nov : 23 : 2011 - Petição pela salvaguarda das Sete Fontes
  • Jul : 6 : 2011 - Perigo para Paisagem Protegida Valongo
  • Jun : 17 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação – resposta da C.M. Porto
  • Jun : 15 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação

[PNED] Boletim de 21/VIII/2005
[Esta lista tem actualmente cerca de 380 participantes inscritos.]

==========================
Caro Leitor do Boletim Diário PNED:

Se ainda não o é, e se concorda, ainda que apenas em parte, com o
que é e faz a
Campo Aberto, e se julga útil apoiá-la, faça-se sócio!

Em alternativa assine a revista Ar Livre (que os sócios também
recebem).

Peça informações: campo_aberto@oninet.pt
Consulte: http://campo-aberto.blogspot.com/
==========================

BOLETIM PORTO E NOROESTE EM DEBATE
resumo das notícias de ambiente e urbanismo em linha

Domingo, 21 de Agosto de 2005
==========================

Para os textos integrais das notícias consultar as ligações
indicadas.

==========================
1. Comerciantes pedem vistoria

A Câmara Municipal do Porto terminou na sexta-feira as obras de
escoramento de alguns pilares do Mercado de Bolhão que ameaçam
ruína. Agora, os comerciantes pedem ao LNEC que seja lesto a fazer a
vistoria para que possam regressar.

http://www.oprimeirodejaneiro.pt/?
op=artigo&sec=eccbc87e4b5ce2fe28308fd9f2a7baf3&subsec=&id=3c923252d3c
decbe02037251dbe8f996

==========================
2. Viagem contra o esquecimento

Promover o convívio, conhecer o país, e não deixar o Ramal da Lousã
cair no esquecimento são alguns dos motivos que levaram um antigo
chefe de comboio daquele ramal a promover excursões rodoviárias. A
viagem de hoje leva 650 pessoas da Lousã ao Pocinho.

http://www.oprimeirodejaneiro.pt/?
op=artigo&sec=e4da3b7fbbce2345d7772b0674a318d5&subsec=&id=a9ed9d28e03
b63d8973c2b847f4d3a83

==========================
3. Nova passagem

O IC1 (ou A28) vai ter uma nova passagem para peões, junto ao nó de
Leça da Palmeira. As obras deverão estar concluídas até Novembro.
Até lá as duas faixas de rodagem ficam reduzidas de três para duas
vias em cada sentido. Uma melhoria há muito reclamada pelas
populações que vivem nas duas margens da auto-estrada.

http://jn.sapo.pt/2005/08/21/grande_porto/a_figura.html

==========================
4. Inaugurado Parque da Cidade de Gaia

O Parque da Lavandeira, em Vila Nova de Gaia, foi ontem aberto ao
público. O investimento de 700 mil euros na primeira fase do
equipamento permitiu o arranjo total do espaço que tem 11 hectares,
dois quilómetros de trilhos, perto de quatro mil árvores e dois
lagos.

http://www.oprimeirodejaneiro.pt/?
op=artigo&sec=eccbc87e4b5ce2fe28308fd9f2a7baf3&subsec=&id=83424bf45d0
570a09649ac394b40e118

http://jn.sapo.pt/2005/08/21/grande_porto/a_figura.html

http://jn.sapo.pt/2005/08/21/grande_porto/socialista_que_ha_politica_
espacos_v.html

==========================
5. Deixa arder

A pior sensação que os incêndios florestais até agora criaram neste
país foi aquela de um sentimento bem português, deixa andar. O que,
no caso, significa, deixa arder. Não levem a mal esta expressão
aqueles que, arriscando a própria vida e outros até colhendo a
morte, têm lutado contra este estado de sítio de um país em
labaredas. Mas ouvindo os cidadãos comuns deste país e aqueles que
olham para os incêndios nas repetitivas imagens das televisões, a
constatação geral que se ouve é esta já ninguém faz nada por isto.
Não é o discurso da Oposição que transmite esta sensação. Esse terá
de ser sempre incendiário para o Governo. É o do povo da rua que,
quer se queira quer não, é aquele que, em última análise, faz o
escrutínio de quem governa. E se o primeiro pode ser entendido como
demagógico, injusto e politiqueiro, o segundo é a razão de ser do
sistema democrático em que vivemos. (…)

Só anteontem vieram a público as promessas das ajudas. As
declarações dos senhores governadores civis, um cargo que parece
cada vez mais injustificado e à espera da grande reforma
administrativa, francamente “cheiravam” a propaganda fácil e
até “ateavam” algumas fagulhas.

Não estão em causa a coragem e o esforço abnegado dos bombeiros e
dos próprios civis, à força das circunstâncias, feitos bombeiros. O
que está em dúvida é a premonição de uma formação técnica adequada
para travar essa luta contra um inimigo tão traiçoeiro como é o
fogo. No terreno, pode ser que seja diferente, mas as imagens que se
vêem através das televisões transmitem uma descoordenação arrepiante.

Igualmente, e não obstante a PJ já ter indiciado 91 eventuais
pirómanos, as provas tornam-se quase sempre inconsistentes, e as
acusações falem. Não basta pedir, e muito menos contar com o “bom
comportamento” das televisões para não acicatarem os pirómanos.
Esta “guerra” ao fogo das nossas florestas parece “condenada” ao
mesmo sucesso das campanhas de alfabetização de adultos. Os melhores
resultados eram registados com a morte das gerações não
alfabetizadas. Quanto mais floresta arder (morrer), agora, menos
haverá para arder no futuro. Hoje compreendo melhor as palavras de
um amigo, engenheiro silvicultor “Estamos a matar a nossa floresta”.
Pelo tipo de florestação escolhido, pela falta de ordenamento das
estradas e caminhos de serra, pelo abandono das terras.

Paquete de Oliveira

http://jn.sapo.pt/2005/08/20/opiniao/deixa_arder.html

==========================
==========================

Para se desligar ou religar veja informações no rodapé da mensagem.

O arquivo desta lista desde o seu início é acessível através de
http://groups.yahoo.com/group/pned/

==========================
INFORMAÇÃO SOBRE O BOLETIM INFOPNED:

Acima apresentam-se sumários ou resumos de notícias de interesse
urbanístico ou ambiental publicadas na edição electrónica do Jornal
de Notícias, de O Primeiro de Janeiro (em um ou vários dos citados,
não necessariamente em todos).

Esta lista foi criada e é animada pela associação Campo Aberto, e
está aberta a todos os interessados sócios ou não sócios. O seu
âmbito específico são as questões urbanísticas e ambientais do
Noroeste, basicamente entre o Vouga e o Minho.

Para mais informações e adesão à Associação Campo Aberto:
campo_aberto@oninet.pt
telefax 229759592
Apartado 5052, 4018-001 Porto

Selecção hoje feita por Maria Carvalho

=============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============

Para difundir mensagens escreva para: pned@yahoogrupos.com.br

Neste grupo não são permitidas mensagens com anexos.

Para assinar a lista envie mensagem sem assunto para: pned-subscribe@yahoogrupos.com.br e com o corpo da mensagem vazio.

Para cancelar a assinatura envie mensagem em que o único texto é “unsubscribe PNED” (sem assunto/subject) para: pned-unsubscribe@yahoogrupos.com.br

Para contactar directamente os coordenadores da lista envie mensagem a: pned-owner@yahoogrupos.com.br

Se quiser informar-se das várias possibilidades para a leitura das suas mensagens ou da forma de alterar os seus dados pessoais, pode consultar:

http://br.groups.yahoo.com/group/pned/

=============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============
Links do Yahoo! Grupos

<*> Para visitar o site do seu grupo na web, acesse:
http://br.groups.yahoo.com/group/pned/

<*> Para sair deste grupo, envie um e-mail para:
pned-unsubscribe@yahoogrupos.com.br

<*> O uso que você faz do Yahoo! Grupos está sujeito aos:
http://br.yahoo.com/info/utos.html

Imprimir esta página Imprimir esta página

Categorias: Boletim

Deixar comentário