• Abr : 24 : 2019 - Poluição Luminosa
  • Ago : 11 : 2014 - Apelo ao boicote de alimentos com milho transgénico
  • Nov : 23 : 2011 - Petição pela salvaguarda das Sete Fontes
  • Jul : 6 : 2011 - Perigo para Paisagem Protegida Valongo
  • Jun : 17 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação – resposta da C.M. Porto

[PNED] Boletim 27.11.04

[Esta lista tem actualmente 293 participantes inscritos.]

BOLETIM PORTO E NOROESTE EM DEBATE
resumo das notícias on-line de ambiente e urbanismo
=================================

Instruções e informações complementares no rodapé da mensagem.
Para os textos integrais das notícias consultar as ligações indicadas.

=================================
Sábado, 27 de Novembro de 2004
=================================

1. Câmara Vianense Desafiada a Acabar com Estacionamento Pago

A Comissão Política Concelhia (CPC) de Viana do Castelo do PSD desafiou
ontem a câmara liderada por Defensor Moura (PS) a acabar com o
estacionamento pago na cidade “enquanto não existirem alternativas” para
o parqueamento gratuito de viaturas.

http://jornal.publico.pt/publico/2004/11/27/LocalPorto/LP36.html

===============================

2. Casas Reabilitadas na Baixa do Porto “Não Terão Preços Especulativos”

Unidades residenciais para assegurar o realojamento temporário dos
inquilinos da Baixa, novos usos para o Mercado do Bolhão, criação da
figura do gestor urbano. Eis alguns projectos que estão à beira de sair
do papel, no âmbito da reabilitação da Baixa portuense.

http://jornal.publico.pt/publico/2004/11/27/LocalPorto/LP01.html

“Porto Vivo Vai Ter ‘Site’ na Internet”
http://jornal.publico.pt/publico/2004/11/27/LocalPorto/LP01CX03.html

===============================

3. “A Baixa Tem Que Ter Gestores do Centro Urbano”

Até que ponto a liberalização dos horários do comércio de rua pode
impulsionar a dinamização da Baixa?

É um ponto essencial. Se fixarmos mais residentes na Baixa e se vamos
levar milhares de turistas para a Baixa, o comércio vai ter que ter
horários compatíveis.

http://jornal.publico.pt/publico/2004/11/27/LocalPorto/LP01CX01.html

===============================

4. “Não Me Choca Ver Habitação no Mercado do Bolhão”

Está delineada alguma estratégia de animação cultural da Baixa?

O nosso propósito é criar uma rede de animação, que aproveite os
equipamentos públicos e privados que existem e que incentive a abertura
de novos. O projecto das Camélias, que vai nascer ao lado do Via
Catarina (com salas de cinema, discoteca…), merece o nosso apoio.

Estou a pensar no Águia d’Ouro.

Uma das nossas próximas tarefas é pegar nesse equipamento, que é da
Solverde. Mas teremos que definir com o proprietário o que queremos ali.
O Mercado do Bolhão é outro equipamento-âncora que tem que ser
aproveitado.
Não me choca que aquilo continue como mercado, nem que venha a ter
habitação ou espaços que possam ser usufruídos à noite. Não faz sentido
que um equipamento daqueles feche às cinco da tarde. Porque não criar um
espaço para espectáculos ou lançamento de livros? Sei que qualquer
intervenção no mercado vai ser muito polémica, porque vai mobilizar
desde os fundamentalistas que pensam que aquilo deve ser só para vender
sardinhas até aos que defendem que devia ser só um equipamento cultural.

http://jornal.publico.pt/publico/2004/11/27/LocalPorto/LP01CX02.html

===============================

5. Cadastro Rústico Avança

Cuidar da floresta é uma responsabilidade colectiva que não pode ficar
apenas nas mãos dos donos dos terrenos. Muitos deles nem sabem onde
ficam as propriedades, nem quais os seus limites. Esta foi a mensagem
deixada ontem pelo Presidente da República, Jorge Sampaio, no alto da
serra do Caldeirão, uma das áreas mais fustigadas pelos incêndios no
Verão passado. O secretário de Estado das Florestas, Luís Pinheiro,
respondeu anunciando que vai avançar com a elaboração do cadastro
rústico no próximo ano.
Para recuperar as áreas ardidas (só no Caldeirão arderam 31 mil hectares
de sobreiral), Luís Pinheiro prometeu apoios, mas, em troca, pediu
colaboração aos agricultores para desenvolver uma política de
emparcelamento.

http://jornal.publico.pt/publico/2004/11/27/Sociedade/S10.html

===============================

6. Instituto de Conservação da Natureza Tem Novos Dirigentes

João Menezes, professor de Gestão no Instituto Superior de Ciências do
Trabalho e da Empresa (ISCTE), Sofia Castel-Branco, agrónoma e directora
do Parque Natural do Tejo Internacional, e João Alves, biólogo e chefe
de Divisão das Espécies Protegidas, constituem a nova equipa dirigente
do Instituto de Conservação da Natureza (ICN), anunciou Jorge Moreira da
Silva, secretário de Estado do Ambiente.

http://jornal.publico.pt/publico/2004/11/27/Sociedade/S11.html

===============================

7. Ponte desmontada

As obras do metro obrigam a mais uma alteração do trânsito na Baixa. Até
às 7 da manhã da próxima terça-feira, será proibido circular na Avenida
de D. Afonso Henriques (Avenida da Ponte), obrigando os automobilistas a
percorrer circuitos alternativos. Prevêem-se dificuldades, com a
circulação em ruas estreitas.

http://jn.sapo.pt/2004/11/27/grande_porto/ponte_desmontada.html

===============================

8. Comboios novos estão a deixar a linha de Guimarães

A CP está a substituir os novos comboios que operam na linha de
Guimarães por composições dos anos 70. Os “amarelos” ao serviço da
Unidade de Suburbanos do Grande Porto (USGP) estão a ser retirados de
circulação da linha, ao que tudo indica por questões relacionadas com o
elevado desgaste provocado pela sinuosidade do traçado. A inauguração da
remodelada linha de Guimarães, que esteve inactiva durante dois anos,
ocorreu em Janeiro deste ano. Na festa, todos, do ministro aos
responsáveis da REFER e da CP, salientaram a excelência das novas
composições, um esforço financeiro de superior a 150 milhões de euros.

http://jn.sapo.pt/2004/11/27/minho/comboios_novos_estao_a_deixar_a_linh.html

================================

9. Comboios regionais em risco no Alto Minho

Em análise pela CP está a eventual extinção do serviço regional entre
Viana do Castelo e Valença, medida que levaria ao fecho de elevado
número de estações e apeadeiros. Segundo fonte da transportadora, das
cerca de uma dezena de ligações diárias feitas entre as duas
localidades, seriam apenas mantidas três os dois comboios
internacionais, que ligam o Porto a Vigo, e um serviço inter-regional.
Refira-se que, segundo a proposta, esses três comboios seriam as únicas
ligações directas entre Viana do Castelo e o Porto, terminando as
restantes composições a sua marcha em Nine, onde os passageiros seriam
obrigados a transbordo para outro comboio.

http://jn.sapo.pt/2004/11/27/minho/comboios_regionais_risco_alto_minho.html

=================================

10. PSD defende criação de roteiro patrimonial

O PSD de Braga defende o contínuo investimento público (estatal e
camarário) na preservação do património histórico e monumental do
concelho e apela ao reforço da delegação de competências nas juntas de
freguesia urbanas, acabando com “a actual discriminação”, para que a
manutenção dos vestígios seja mais eficaz.
Em termos de monumentos, o PSD quer a criação de um circuito
turístico-monumental, recorrendo às palavras do presidente da Câmara de
Braga, que garantiu que, com “a abertura da Fonte do Ídolo, das Termas e
de outros vestígios arqueológicos espalhados pela cidade, será possível
criar um circuito arqueológico integrado”.

http://jn.sapo.pt/2004/11/27/minho/psd_defende_criacao_roteiro_patrimon.html

=================================

11. Espinho vai ter mais dois parques de estacionamento

Estes parques de estacionamento surgem da falta de estacionamento no
coração da cidade, sedo que um será construído na Rua 23 junto ao Centro
Multimeios e o outro no largo em frente à Igreja Matriz. A obra foi
adjudicada à empresa Irmãos Cavaco/Civibral S.A.., na reunião do
executivo que decorreu na tarde de ontem. Todavia contou com a abstenção
dos vereadores social-democratas Luís Montenegro, Correia de Araújo e
Paulo Leite.

http://www.ocomerciodoporto.pt/secciones/noticia.jsp?pIdNoticia=18814&pIdSeccion=7

=================================

12. Grande referência do novo PDM “estará na vertente turística

Uma das “maiores vertentes” que deverá ser contemplada na revisão do
Plano Director Municipal de Amares centrar-se-á na necessidade da
promoção e da valorização turística do concelho. Essa é, aliás, “uma das
grandes apostas por nós já assumida neste mandato e que continuará a
sê-lo daqui para a frente”, disse ao COMÉRCIO o presidente da Câmara
Municipal, José Barbosa.
Outra das grandes preocupações manifestadas ao COMÉRCIO por José Barbosa
diz respeito ao despovoamento. O autarca sublinha que “é preciso atenuar
– já não digo eliminar, porque isso é para já impossível – o
despovoamento nas freguesias periféricas” e, por outro lado, “criar em
algumas freguesias aglomerados urbanos”, enquanto “em outras onde esses
aglomerados já existem torna-se imprescindível consolidá-los”. É que,
frisa ainda José Barbosa, “nomeadamente nas freguesias urbanas sentimos
grandes dificuldades para a fixação da população”.
Desenha-se, assim, “um novo ordenamento do território, de uma forma
sustentável, que permita o desenvolvimento harmonioso do concelho de
Amares”, concluiu José Barbosa.

“http://www.ocomerciodoporto.pt/secciones/noticia.jsp?pIdNoticia=18788&pIdSeccion=9

=================================

13. Edifício da antiga “Fábrica do Teles” doado pelo BCP à Câmara
Municipal

O Banco Comercial Português (BCP) doou ontem à Câmara de Santo Tirso o
edifício da antiga Fábrica de Fiação e Tecidos, conhecida por “Fábrica
do Teles”, através da assinatura de uma escritura de doação. A antiga
fábrica tem uma área construída de cerca de 40 mil metros quadrados e
uma área de terreno na ordem dos 60 mil metros quadrados, constituíndo
um valor patrimonial de superior a quatro milhões de euros. Segundo uma
informação da Câmara Municipal de Santo Tirso, a autarquia aprovou já um
Plano de Urbanização para o local. Nesse ãmbito está prevista a
construção de equipamentos e serviços empresariais (públicos e
privados), destinados a actividades culturais, de investigação, formação
e divulgação de conhecimentos científicos e tecnológicos, desportivas,
de lazer e recreio e de segurança e solidariedade social.

http://www.ocomerciodoporto.pt/secciones/noticia.jsp?pIdNoticia=18793&pIdSeccion=9

=================================

14. Portugueses distinguem-se no mundo da reciclagem

“Se pensa que o seu tinteiro ou toner é apenas um entre milhares…
pense que existem milhares a pensar assim”, este é um dos avisos da
Llecoprinter. José Andrade começou sozinho a sua actividade, com a
constituição desta empresa, em 1999. Hoje trabalha com 23 pessoas, a
partir da sede no Montijo. Ao longo destes quatro anos criou com três
sócios a portuguesa Iberlaser (empresa que se destina ao abastecimento
de matérias primas a recicladores) tornou-se distribuidor da tinta alemã
OCP para Portugal e para as ex-colónias portuguesas, sendo representante
em Portugal do produtor de toner Akici. Para além disto, constituiu
ainda Canaltinta em Madrid, com o intuito de estender a actividade a
toda a Espanha.

http://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=artigo&sec=a1d0c6e83f027327d8461063f4ac58a6&subsec=c7af0926b294e47e52e46cfebe173f20&id=038d0deb45c09e79deecb43633095dc4

===============================

FIM DA PARTE NOTICIOSA/SEGUEM-SE INSTRUCÕES EM RODAPÉ

=================================

Para desligar-se/religar-se ou para ler as mensagens em modo página, net
veja informações no rodapé da mensagem.

O arquivo desta lista desde o seu início é acessível através de
http://groups.yahoo.com/group/pned/

=================================
INFORMAÇÃO SOBRE O BOLETIM INFOPNED:

Abaixo apresenta-se o sumário e/ou resumos de notícias de interesse
urbanístico/ambiental publicadas na edição electrónica do Jornal de
Notícias, de O Primeiro de Janeiro, de O Comércio do Porto e do Público
Local Porto e Minho.

Esta lista foi criada e é animada pela associação Campo Aberto, e está
aberta a todos os interessados sócios ou não sócios. O seu âmbito
específico são as questões urbanísticas e ambientais do Noroeste,
basicamente entre o Vouga e o Minho.

Selecção hoje feita por Cristiane Carvalho

Para mais informações e adesão à associação Campo Aberto:
campo_aberto@oninet.pt
telefax 229759592
Apartado 5052, 4018-001 Porto

=================================

=============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============

Para difundir mensagens escreva para: pned@yahoogrupos.com.br

Neste grupo não são permitidas mensagens com anexos.

Para assinar a lista envie mensagem sem assunto para: pned-subscribe@yahoogrupos.com.br e com o corpo da mensagem vazio.

Para cancelar a assinatura envie mensagem em que o único texto é “unsubscribe PNED” (sem assunto/subject) para: pned-unsubscribe@yahoogrupos.com.br

Para contactar directamente os coordenadores da lista envie mensagem a: pned-owner@yahoogrupos.com.br

Se quiser informar-se das várias possibilidades para a leitura das suas mensagens ou da forma de alterar os seus dados pessoais, pode consultar:

http://br.groups.yahoo.com/group/pned/

=============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============
Links do Yahoo! Grupos

<*> Para visitar o site do seu grupo na web, acesse:
http://br.groups.yahoo.com/group/pned/

<*> Para sair deste grupo, envie um e-mail para:
pned-unsubscribe@yahoogrupos.com.br

<*> O uso que você faz do Yahoo! Grupos está sujeito aos:
http://br.yahoo.com/info/utos.html

Imprimir esta página Imprimir esta página

Categorias: Boletim

Deixar comentário