• Ago : 11 : 2014 - Apelo ao boicote de alimentos com milho transgénico
  • Nov : 23 : 2011 - Petição pela salvaguarda das Sete Fontes
  • Jul : 6 : 2011 - Perigo para Paisagem Protegida Valongo
  • Jun : 17 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação – resposta da C.M. Porto
  • Jun : 15 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação

[PNED] Boletim 18.11.04

[Esta lista tem actualmente 293 participantes inscritos.]

=================================
Caro Leitor do Boletim Diário PNED:

Se ainda não o é, e se concorda, ainda que apenas em parte, com o que é e
faz a Campo Aberto, e se julga útil apoiá-la, faça-se sócio!

Em alternativa assine a revista Ar Livre (que os sócios também recebem).

Peça informações:
campo_aberto@oninet.pt

=================================

BOLETIM PORTO E NOROESTE EM DEBATE
resumo das notícias de ambiente e urbanismo em linha

=================================
Quinta-feira, 18 de Novembro de 2004

Telegramas em destaque:

1. Todos os dias ou quase temos agora direito a uma campanha confusionista e
assente em falsos argumentos para tentar ressuscitar o nuclear em Portugal.

2. Os dados da antropologia e da pré-história juntam-se para mostrar que a
moderna vida sedentária é uma involução humana; o homem nasceu a correr e a
falta de actividade física é uma das principais causas da moderna doença de
massa; apesar das cegueiras historicistas, nunca a humanidade foi
globalmente tão doente: leia-se atentamente a imprensa geral que quase todos
os dias o aponta indirectamente.

3. A iniciativa virtual sobre as ruas na Figueira da Foz comporta
possibilidades interessantíssimas muito para além do trânsito: ela
permitiria incentivar enormemente um associativismo e uma democracia
urbanística de rua!

4. Com o beneplácito de iniciativas como o Euro 2004 e o futebol permanente,
apadrinhadas por vezes como grande desígnio nacional pelos mais altos
magistrados da nação, prossegue imparável a propaganda intensa da
alcoolização da população, em especial da juventude. Saudem-se os corajosos
e escassos médicos alcoologistas que vão tentando remar contra a maré.

=================================

1. Primeiro “Cluster” Eólico Nacional Nasce em Viana

Por ANA PEIXOTO FERNANDES
Quinta-feira, 18 de Novembro de 2004
Um consórcio liderado pela Enercon, a segunda maior empresa, a nível
mundial, na venda de bens e serviços para o sector da energia eólica, vai
arrancar no próximo ano com a construção de uma fábrica nos Estaleiros
Navais de Viana do Castelo (ENVC). Numa fase inicial, esta unidade
industrial vai construir pás para aerogeradores, empregando cerca de 170
trabalhadores, e “implicar um investimento de cerca de 15 milhões de euros”.
Contudo, o objectivo do projecto – que tem o aval do Ministério da Economia
e envolve também o Ministério da Defesa por cedência do terreno nos ENVC – é
bem mais ambicioso, porque se pretende que a produtora a instalar em Viana
do Castelo passe, numa fase posterior, a construir os aerogeradores
completos, constituindo-se assim como a “fábrica-mãe” do primeiro “cluster”
eólico em Portugal.

http://jornal.publico.pt/2004/11/18/Economia/E01.html

=================================

2. Portugal Terá de Reflectir na Opção da Energia Nuclear

Por TERESA FIRMINO
Quinta-feira, 18 de Novembro de 2004
O secretário de Estado da Ciência e Inovação, Pedro Sampaio Nunes, disse
ontem que Portugal terá de confrontar-se com a possibilidade de produzir
energia nuclear. “A opção nuclear é uma questão que, mais cedo ou mais
tarde, seremos obrigados a pôr em cima da mesa”, afirmou, na comemoração dos
50 anos da criação da Junta de Energia Nuclear, no Instituto Tecnológico e
Nuclear, em Sacavém.

http://jornal.publico.pt/2004/11/18/Ciencias/H01.html

=================================

3. A Capacidade de Correr Pode Ter-nos Tornado Humanos

Por ANA MACHADO
Quinta-feira, 18 de Novembro de 2004
Pode não ter sido só o facto de ter passado à condição de bípede e de
assumir uma postura erecta que fez com que a nossa espécie se afastasse dos
outros primatas. Hoje, na revista “Nature”, um biólogo da Universidade do
Utah e um antropólogo da Universidade de Harvard, ambas nos EUA, afirmam que
a capacidade de correr longas distâncias teve também um papel crucial no
aparecimento do homem.

http://jornal.publico.pt/2004/11/18/Ciencias/H05.html

Autarquia quer pôr idosos a “mexer”

A Câmara Municipal de Mortágua quer pôr as centenas de idosos do concelho a
mexer, proporcionando-lhes gratuitamente actividades físicas que quebrem a
rotina sedentária em que muitos deles vivem.
O presidente da autarquia, Afonso Abrantes, disse ontem que, com o objectivo
de promover o bem-estar físico e psíquico dos idosos, foi criado o projecto
«Viva Mais. Mexa-se», iniciado na passada sexta-feira e que conta já com 46
inscritos.

http://www.oprimeirodejaneiro.
pt/?op=artigo&sec=e4da3b7fbbce2345d7772b0674a318d5&subsec=&id=a8f31f19c96510
6a88
03a8c233b5fb0f
=================================

4. Empresa de Oliveira de Frades Aposta na Energia das Ondas do Mar

Por MARTA RODRIGUES
Quinta-feira, 18 de Novembro de 2004
O secretário de Estado para os Assuntos do Mar, Nuno Fernandes Thomaz,
visitou ontem a Martifer, empresa especializada em construções
metalomecânicas situada na zona industrial de Oliveira de Frades. A visita
teve como objectivo conhecer o trabalho que a empresa tem vindo a
desenvolver na área das energias renováveis, uma vez que a Martifer produz
equipamento para a aerogeração eléctrica e desenvolveu recentemente um
protótipo que permite a transformação da energia das ondas do mar em energia
eléctrica.

http://jornal.publico.pt/2004/11/18/LocalCentro/LC33.html

=================================

5. Construção do Parque MUNICIPAL de Estarreja Já Arrancou

Quinta-feira, 18 de Novembro de 2004
A empreitada inclui uma série de espaços de lazer, num investimento que
ronda o milhão e meio de euros
A Câmara de Estarreja deu início às obras do parque municipal, um espaço de
lazer situado junto ao rio Antuã, cujo investimento ronda 1,5 milhões de
euros e que deverão estar concluídas num prazo de dez meses. “Trata-se de um
projecto fundamental para a qualidade de vida dos cidadãos. Estamos a
concretizar uma ambição que atravessou todos os executivos municipais, mas
nunca passou do papel”, afirma o presidente da autarquia, José Eduardo
Matos.
http://jornal.publico.pt/2004/11/18/LocalCentro/LC40.html

=================================

6. Foz Côa Quer Plantio de 20 Mil Hectares de Amendoal em Três Anos

Por PÚBLICO/LUSA
Quinta-feira, 18 de Novembro de 2004
A Associação dos Amigos da Amendoeira, de Freixo de Numão, Vila Nova de Foz
Côa, defendeu ontem o plantio de 20 mil hectares de amendoal nos próximos
três anos, sob pena daquela cultura vir a enfrentar graves dificuldades.

http://jornal.publico.pt/2004/11/18/LocalCentro/LC45.html

=================================
7. Artérias da cidade em base de dados on-line

Paulo Dâmaso ACâmara Municipal da Figueira da Foz vai criar um Bilhete
de Identidade (BI) “on-line” para as ruas do município. A iniciativa,
inédita no país, deverá arrancar durante o primeiro trimestre de 2005 e
promete revolucionar o trânsito da Figueira da Foz. “Vamos criar uma base de
dados de todas as ruas do concelho onde estará disponível toda a informação
sobre a artéria. A ideia servirá para a regulamentação do trânsito, tráfego
e o estacionamento do município que, até hoje, nunca foi feita” disse,ao JN,
Lídio Lopes, delegado municipal de trânsito.

=================================

8.Há mais de 230 mil alcoólicos e 300 mil bebem demasiado no Centro

Aprender a manusear barro para elevar a auto-estima
Números ana ribeiro ana ribeiro Miguel Gonçalves 50 Por cento Mais de
metade dos condu- tores envolvidos em acidentes de viação acusam taxa de
alco- olemia acima do permi- tido por lei.

Câmara dá a CARA para combater álcool

Experiência-piloto de oito meses com bons resultados Pedro Correia Isabel
Forte João tem 36 anos, é casado há 15, desempregado e alcoólico. Quando a
equipa da Câmara de Gondomar lhe perguntou se gostaria de ser ajudado,
limitou-se a responder: “Eu só bebo às refeições”. Mas não. A casa onde
vivia com Maria, de 31 anos, e os cinco filhos, todos pequenos, evidenciava
bem a violência de João, após beber uns copos: portas partidas, armários
danificados, tacos arrancados. Consciente de que a problemática do
alcoolismo afecta várias famílias no concelho, a divisão de Habitação da
autarquia decidiu criar o CARA – Centro de Apoio e Recuperação do
Alcoolismo.

=================================

9. VISEU Mudança da lei das rendas dita morte do centro histórico

Deolinda Santos Comerciante Célio Ferreira Comerciante
Cristiano Silva Comerciante Lurdes Cardoso Comerciante O pulsar do comércio
tradicional arquivo JN Teresa Cardoso Estou um bocado fora disso. Acho que
falta informação. Há dias, ouvi falar na televisão, mas confesso que fiquei
na mesma”. Estou descansado. Sei que a nossa associação comercial está a
defender os nossos interesses”.

=================================

10. Câmara Municipal aumenta tarifa do lixo

Joaquim Forte A maioria socialista do executivo camarário de Guimarães vai
aprovar, hoje, um aumento de cinco por cento nas tarifas do lixo dos
consumidores domésticos. Esta actualização abrange também os comerciantes e
industriais, mas pode ultrapassar os 40% em alguns casos ligados à
restauração. O presidente da Câmara, António Magalhães, já tinha avisado e
preparado os munícipes para a inevitabilidade de uma revisão em alta das
taxas, argumentando com os cada vez mais elevados custos do seu tratamento.
A necessidade de os municípios do Vale do Ave passarem a encaminhar os seus
lixos para os aterros de Celorico de Basto e Boticas, devido ao esgotamento
dos de Guimarães e Santo Tirso, implica um aumento de cerca de 25 por cento
das despesas neste sector.

http://www.jn.pt/textos/out50522.asp

=================================

11. Câmara Municipal aumenta tarifa do lixo

Joaquim Forte A maioria socialista do executivo camarário de Guimarães vai
aprovar, hoje, um aumento de cinco por cento nas tarifas do lixo dos
consumidores domésticos. Esta actualização abrange também os comerciantes e
industriais, mas pode ultrapassar os 40% em alguns casos ligados à
restauração.
O presidente da Câmara, António Magalhães, já tinha avisado e preparado os
munícipes para a inevitabilidade de uma revisão em alta das taxas,
argumentando com os cada vez mais elevados custos do seu tratamento. A
necessidade de os municípios do Vale do Ave passarem a encaminhar os seus
lixos para os aterros de Celorico de Basto e Boticas, devido ao esgotamento
dos de Guimarães e Santo Tirso, implica um aumento de cerca de 25 por cento
das despesas neste sector.

=================================

12. Município pretende adquirir dois mini-autocarros eléctricos

Apoios para alunos carenciados arquivo jn Luís Henrique Oliveira No final
do Verão, uma linha azul marcada no pavimento de diversas ruas do centro da
cidade assinalava o percurso do autocarro eléctrico, veículo que, após uma
fase experimental, de cerca de três semanas, deixou de funcionar. Analisados
os resultados dessa experiência, a autarquia mostra-se, agora, interessada
na implementação de um circuito para esses veículos, tendo decidido pela
aquisição de dois mini-autocarros. Todavia, segundo o presidente
da Câmara, Defensor Moura, caso não exista um apoio da tutela, a medida não
passará da intenção.

=================================

13. Minibus foi histórico

A curiosidade e o período promocional foram os factores que motivaram os
cidadãos portuenses a entrarem no novo autocarro, que atravessa a zona
histórica da cidade. A linha ZH, denominação do trajecto do mini-autocarro
que entrou anteontem em funcionamento, está em fase de experimentação e
ofereceu aos utentes dois dias de viagens grátis. Durante o dia de ontem,
foram muitas as pessoas que quiseram conhecer o novo veículo, provocando uma
enchente que muitos compararam à abertura do metro no Porto. Os
utilizadores, na sua maioria crianças, fizeram a viagem completa, várias
vezes seguidas, num autocarro em que o número de viajantes excedia
largamente os 20 lugares estipulados.

http://www.jn.pt/textos/out5032.asp>

=================================

15.Câmara da Trofa promove visitas de nutricionista às escolas do concelho

Durante todo o mês de Novembro, está a decorrer no concelho da Trofa uma
iniciativa que procura promover junto dos mais novos a importância de um
pequeno-almoço saudável. Combater a cada vez mais preocu-pante obesidade
infantil é um dos objectivos da autarquia local.

http://www.oprimeirodejaneiro.pt/?op=tema&sec=eccbc87e4b5ce2fe28308fd9f2a7ba
f3

=================================

16.Iniciativa visa criar projectos de intervenção no espaço público Vale do
Lima vai ter roteiro verde

A criação de um “roteiro verde” nos quatro municípios da região do Vale do
Lima é o objectivo de uma iniciativa da Associação de Desenvolvimento Rural
Integrado do Lima (ADRIL) e que prevê um orçamento de 250 mil euros para
investimentos.

=================================
17. Valentim considera que ainda há muito a percorrer quanto às áreas
metropolitanas

Formalizada a adesão dos cinco novos concelhos da GAM do Porto, agora é
necessária legislação específica para transferência de poderes TERESA
OLIVEIRA SANTOS
Depois de formalizada a adesão de cinco novos concelhos, no mês
passado, à Grande Área Metropolitana do Porto (GAMP), o presidente da Junta
Metropolitana considera que há ainda um longo caminho a percorrer.

http://www.ocomerciodoporto.pt/

=================================

Para desligar-se/religar-se ou para ler as mensagens em modo página, net
veja informações no rodapé da mensagem.

O arquivo desta lista desde o seu início é acessível através de
http://groups.yahoo.com/group/pned/

=================================

INFORMAÇÃO SOBRE O BOLETIM INFOPNED:

Abaixo apresenta-se o sumário e/ou resumos de notícias de interesse
urbanístico/ambiental publicadas na edição electrónica do Jornal de
Notícias, de O Primeiro de Janeiro, Comércio do Porto e do Público Local
Porto e Minho (em um ou vários dos citados, não necessariamente em todos).

Esta lista foi criada e é animada pela associação Campo Aberto, e está
aberta a todos os interessados sócios ou não sócios. O seu âmbito específico
são as questões urbanísticas e ambientais do Noroeste, basicamente entre o
Vouga e o Minho.

Selecção hoje feita por José Carlos Marques

Para mais informações e adesão à associação Campo Aberto:
campo_aberto@oninet.pt
telefax 229759592
Apartado 5052, 4018-001 Porto

=================================

=============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============

Para difundir mensagens escreva para: pned@yahoogrupos.com.br

Para assinar a lista envie mensagem sem assunto para: pned-subscribe@yahoogroups.com.br e com o corpo da mensagem vazio.

Para cancelar a assinatura envie mensagem em que o único texto é “unsubscribe PNED” (sem assunto/subject) para: pned-unsubscribe@yahoogrupos.com.br

Para contactar directamente os coordenadores da lista envie mensagem a: pned-owner@yahoogrupos.com.br

Se quiser informar-se das várias possibilidades para a leitura das suas mensagens ou da forma de alterar os seus dados pessoais, pode consultar:

http://groups.yahoo.com/group/pned/

Neste grupo não são permitidas mensagens com anexos.

=============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============
Links do Yahoo! Grupos

<*> Para visitar o site do seu grupo na web, acesse:
http://br.groups.yahoo.com/group/pned/

<*> Para sair deste grupo, envie um e-mail para:
pned-unsubscribe@yahoogrupos.com.br

<*> O uso que você faz do Yahoo! Grupos está sujeito aos:
http://br.yahoo.com/info/utos.html

Imprimir esta página Imprimir esta página

Categorias: Boletim

Deixar comentário