• Abr : 24 : 2019 - Poluição Luminosa
  • Ago : 11 : 2014 - Apelo ao boicote de alimentos com milho transgénico
  • Nov : 23 : 2011 - Petição pela salvaguarda das Sete Fontes
  • Jul : 6 : 2011 - Perigo para Paisagem Protegida Valongo
  • Jun : 17 : 2010 - Corte de Árvores na Circunvalação – resposta da C.M. Porto

[PNED] Boletim de 14/IX/2004
BOLETIM PORTO E NOROESTE EM DEBATE
resumo das notícias de ambiente e urbanismo em linha

Terça-feira, 14 de Setembro de 2004
==========================

Para os textos integrais das notícias consulte as ligações indicadas.

==========================
1(a). Matosinhos: Trabalhadores voltam a temer o encerramento da
refinaria

Há sete anos, em 1997, aquando de um acidente grave na refinaria de
Leça da Palmeira, em Matosinhos, estavam disponíveis 31 funcionários
da Petrogal afectos à área da segurança. Debelaram a situação sem
necessitar, sequer, de chamar os bombeiros. No dia 31 de Julho deste
ano, aquando da explosão no terminal petrolífero de Leixões, a
Petrogal tinha disponíveis apenas três trabalhadores da área da
segurança. Só a pronta intervenção de dezenas de bombeiros ajudou a
evitar uma catástrofe.

http://jn.sapo.pt/2004/09/14/grande_porto/trabalhadores_voltam_a_temer
_o_encer.html

1(b). Quercus critica transferência

A Quercus criticou ontem a transferência do dossiê sobre o acidente
na refinaria da Petrogal de Matosinhos para o Ministério das
Actividades Económicas. Os ambientalistas consideram que esta tutela
tem “falta de perfil e independência”.

http://www.oprimeirodejaneiro.pt/?
op=artigo&sec=eccbc87e4b5ce2fe28308fd9f2a7baf3&subsec=&id=17ea05560bac
37af8f03dcc53d6861fd

==========================
2. Bruxelas responsabiliza Estados pelos incêndios florestais
Por LUSA

Os deputados do Parlamento Europeu exortaram ontem a Comissão
Europeia a aumentar o financiamento comunitário para a prevenção dos
fogos florestais, de modo a evitar as “catástrofes” ocorridas em
Portugal e Espanha.

http://jornal.publico.pt/2004/09/14/Sociedade/S16.html

==========================
3. Cerveira cobiçada para campos de golfe
Por ANA PEIXOTO FERNANDES

A Câmara de Vila Nova de Cerveira recebeu, no espaço de cerca de um
ano, dois pedidos de informação prévia relativamente à possível
construção de campos de golfe em diferentes locais do concelho. As
zonas cobiçadas pelos potenciais investidores, em ambos os casos
oriundos da região do Grande Porto, localizam-se, uma numa área de
uso florestal e agrícola em pleno centro da freguesia de Covas, e a
outra a norte da vila, num local próximo do Inatel e da nova ponte
internacional Cerveira/Goyan, junto às margens do rio Minho. A
autarquia liderada por José Manuel Carpinteira emitiu parecer
positivo relativamente aos dois pedidos, reconhecendo o “interesse
municipal” de que seja construído um campo de golfe no concelho, mas
apontou algumas condicionantes, em termos da localização pretendida,
que terão de ser ultrapassadas para que qualquer um dos projectos
possa vir a concretizar-se. A decisão de avançar para o terreno está
nas mãos dos investidores.

http://jornal.publico.pt/2004/09/14/LocalPorto/LP51.html

==========================
4(a). Futuro da marina da Barra nas mãos do Tribunal Administrativo
Por PATRÍCIA COELHO MOREIRA

O projecto da Marina da Barra continua parado e a ser, por isso,
alegadamente “muito prejudicado”, enquanto aguarda uma decisão do
Tribunal Administrativo. “Está tudo na mesma, não houve qualquer
evolução”, garantiu ao PUBLICO uma fonte ligada ao processo que, em
meados de Maio, passou para a esfera da Justiça. Depois de ver o
Estudo de Impacte Ambiental do complexo chumbado pelo antigo
secretário de Estado do Ambiente José Eduardo Martins, o consórcio
promotor do empreendimento decidiu avançar com um recurso
contencioso. A Sociedade de Desenvolvimento da Marina da Barra – que
nunca obteve resposta ao recurso hierárquico apresentado ao então
ministro Amílcar Theias – está confiante na “justeza da reclamação”.

http://jornal.publico.pt/2004/09/14/LocalCentro/LC30.html

4(b). Tribunal Administrativo vai decidir futuro da marina da Barra

O projecto, que prevê a construção de uma marina apoiada por um
empreendimento que compreende a edificação de 130 moradias, duas
unidades hoteleiras, espaços comerciais, equipamentos desportivos e
inúmeros lugares de estacionamento no concelho de Ilhavo, foi
chumbado pelo anterior secretário de Estado do Ambiente.

http://jornal.publico.pt/2004/09/14/LocalCentro/LC15.html

==========================
5. Aveiro: Olho na Burocracia
Por FGR

Vinte e oito dias, duas horas e dois minutos à espera da resposta do
IEP. Há sete pontes em risco no distrito de Aveiro, seis das quais
com obras de reabilitação previstas para o ano de 2005. A informação
deveria ter feito parte de um trabalho realizado pelo PÚBLICO em
meados de Agosto. Todavia, os dados solicitados pelo jornal ao
gabinete de imprensa do Instituto de Estradas de Portugal (IEP) só
chegaram, via fax, à delegação de Aveiro na passada sexta-feira, dia
10 de Setembro. Isto é, o gabinete de comunicação e imagem do IEP
demorou 28 dias, duas horas e dois minutos a responder, parcialmente,
a um conjunto de questões solicitadas pelo PÚBLICO no passado dia 13
de Agosto. É verdade que nem sempre as relações entre os jornalistas
e os gabinetes de imprensa correm da forma célere que os
profissionais da informação gostariam. Contudo, há um limite
aceitável para o desempenho de tais órgãos, ainda mais quando
representam entidades públicas. Parece razoável que a resposta se
atrase umas horas, um dia ou até dois, mas é, com certeza, estranho
que demore 28 dias, duas horas e dois minutos. É obra. E é um exemplo
acabado da mais paralisante burocracia.

http://jornal.publico.pt/2004/09/14/LocalCentro/LC28.html

==========================
6. Maia: Centro comercial ao ar livre em vez da piscina
Por HUGO SILVA

O esqueleto de betão daquilo que seria a piscina olímpica da Maia
começa a desaparecer dentro de dois meses. O projecto foi abandonado
e, naquele espaço (no qual se inclui o campo de treinos do estádio
municipal), vai nascer um complexo de comércio, lazer, cultura e
desporto. A proposta de intenção de adjudicação da concessão do
espaço (inclui a concepção e construção dos equipamentos) deveria ser
votada pelo Executivo, ontem, mas a discussão foi adiada para depois
de amanhã.

http://jn.sapo.pt/2004/09/14/grande_porto/centro_comercial_ar_livre_ve
z_piscin.html

==========================
7. Viana do Castelo: Experiência com eléctricos termina dia 24

O transporte de passageiros no Centro Histórico de Viana do Castelo
pode vir a ser assegurado por mini-autocarros eléctricos, caso a
experiência, que se prolonga até 24 de Setembro, se revele
financeiramente viável. A iniciativa começou no início de Setembro,
altura em que Defensor Moura, presidente da Câmara, sublinhou a
importância daqueles “táxis colectivos” para acabar com os veículos
poluentes no Centro Histórico e devolver a “sala de visitas” da
cidade aos peões.

http://www.oprimeirodejaneiro.pt/?
op=artigo&sec=e4da3b7fbbce2345d7772b0674a318d5&subsec=&id=643fab27abe4
04f43bf49cf13770c83c

==========================
8. Gondomar: Proposta de demolição de antiga fábrica gera polémica
Por JOSÉ CARLOS GOMES, PAULO ALEXANDE NEVES, PEDRO BESSA

Os deputados municipais de Gondomar discutem, esta noite, uma
proposta polémica para a demolição da antiga fábrica de curtumes de
Valbom, até agora definida como imóvel a classificar pelo interesse
arquitectónico e patrimonial.

http://www.ocomerciodoporto.pt/secciones/noticia.jsp?
pIdNoticia=10694&pIdSeccion=7

==========================
INFORMAÇÃO SOBRE O BOLETIM INFOPNED:

Acima apresentam-se sumários ou resumos de notícias de interesse
urbanístico ou ambiental publicadas na edição electrónica do Jornal
de Notícias, de O Primeiro de Janeiro, de O Comércio do Porto e do
Público Local Porto e Minho (em um ou vários dos citados, não
necessariamente em todos).

Para se desligar ou religar veja informações no rodapé da mensagem.

Esta lista foi criada e é animada pela associação Campo Aberto, e
está aberta a todos os interessados sócios ou não sócios. O seu
âmbito específico são as questões urbanísticas e ambientais do
Noroeste, basicamente entre o Vouga e o Minho.

O arquivo desta lista desde o seu início é acessível através de
http://groups.yahoo.com/group/pned/

Para mais informações e adesão à Associação Campo Aberto:
campo_aberto@oninet.pt
telefax 229759592
Apartado 5052, 4018-001 Porto

Selecção hoje feita por Maria Carvalho

=============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============

Para difundir mensagens escreva para: pned@yahoogrupos.com.br

Para assinar a lista envie mensagem sem assunto para: pned-subscribe@yahoogroups.com.br e com o corpo da mensagem vazio.

Para cancelar a assinatura envie mensagem em que o único texto é “unsubscribe PNED” (sem assunto/subject) para: pned-unsubscribe@yahoogrupos.com.br

Para contactar directamente os coordenadores da lista envie mensagem a: pned-owner@yahoogrupos.com.br

Se quiser informar-se das várias possibilidades para a leitura das suas mensagens ou da forma de alterar os seus dados pessoais, pode consultar:

http://groups.yahoo.com/group/pned/

Neste grupo não são permitidas mensagens com anexos.

=============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============
Links do Yahoo! Grupos

<*> Para visitar o site do seu grupo na web, acesse:
http://br.groups.yahoo.com/group/pned/

<*> Para sair deste grupo, envie um e-mail para:
pned-unsubscribe@yahoogrupos.com.br

<*> O uso que você faz do Yahoo! Grupos está sujeito aos:
http://br.yahoo.com/info/utos.html

Imprimir esta página Imprimir esta página

Categorias: Boletim

Deixar comentário