- Campo Aberto - http://www.campoaberto.pt -

Boletim PNED de 22 de Dezembro de 2003

[PNED] infoPNED 22.12.03
Envia-se agora este boletim por ter havido dificuldade em o enviar
anteriormente. Pedimos desculpa por eventuais duplicações.

Para desligar-se/religar-se ou para ler as mensagens em modo página, net
veja informações no rodapé da mensagem.

O arquivo desta lista desde o seu início é acessível através de
http://groups.yahoo.com/group/pned/

Segunda-feira, 22 de Dezembro de 2003

INDICE

1. Diploma deve ser promulgado no início do ano
2.Celorico de Basto Vai Ter Nó de Ligação à Futura Auto-estrada
3.Linha de Guimarães Reabre a 11 de Janeiro de 2004
4.Ambientalistas Querem Mais Debate Sobre Planos Ordenamento Florestal
5.A valia dos inquéritos
6. Escuridão na Baixa tira brilho a novos cafés
7.Freguesia de Martim com ETAR no próximo ano
8.Orçamento realça o Centro Histórico
9.Pede uma floresta para o sapatinho
10.Piscina poderá ficar decidida no próximo mês

RESUMOS

1. Diploma deve ser promulgado no início do ano
Luísa Pinto
Público – 1a página

Proprietários de Casas Degradadas Serão “Obrigados” a Reabilitar Ou a Vender
Os Seus Edifícios
Segunda-feira, 22 de Dezembro de 2003
Para agilizar o processo, o Governo vai criar as Sociedades de Reabilitação
Urbana, empresas de capitais exclusivamente públicos dotadas de poderes de
expropriação e outras facilidades administrativas
Está quase a ver a luz do dia um dos diplomas mais aguardados pelos sectores
da mediação imobiliária e da construção civil, e que vai surgir com o
declarado intuito de converter as áreas urbanas e as zonas históricas
degradadas da cidade em gigantescos estaleiros de reabilitação. A secretária
de Estado da Habitação, Rosário Águas, já conclui a proposta de decreto lei
que vai levar a um próximo Conselho de Ministros para criar o “regime
jurídico excepcional de reabilitação urbana de zonas históricas e áreas
críticas de recuperação e reconversão urbanística”. Este diploma, que deve
ser promulgado no início do próximo ano, permite criar as aguardadas
“Sociedades de Reabilitação Urbana” (SRU), estruturas compostas
exclusivamente por capitais públicos e dotadas de poderes de expropriação e
de facilidades administrativas que permitam agilizar o processo.
http://jornal.publico.pt/publico/2003/12/22/SupEconomia/TEEMP01.html

2.Celorico de Basto Vai Ter Nó de Ligação à Futura Auto-estrada
Por ALEXANDRE PRAÇA
Público – Local Minho

Depois de uma longa luta, os “amigos de peso”, como lhes chamou Durão
Barroso – certamente com Marcelo Rebelo de Sousa à cabeça -, de Celorico de
Basto conseguiram do Governo a “prenda de Natal” mais desejada: o anúncio de
que o concelho terá um nó de ligação à futura A7 (auto-estrada que liga o
litoral ao Arco de Baúlhe), sendo que as obras devem começar até ao final
desta legislatura.
http://jornal.publico.pt/publico/2003/12/22/LocalMinho/LM3.html

3.Linha de Guimarães Reabre a 11 de Janeiro de 2004
Por VICTOR FERREIRA
Público – Local Minho

A CP prevê reiniciar o serviço na linha de Guimarães no próximo dia 11 de
Janeiro, adiantou fonte oficial da empresa ao PÚBLICO.
http://jornal.publico.pt/publico/2003/12/22/LocalMinho/LM4.html

4.Ambientalistas Querem Mais Debate Sobre Planos Ordenamento Florestal
Público – Local Minho

A Liga para a Protecção da Natureza (LPN) considera insuficiente a actual
discussão sobre os planos regionais de ordenamento florestal de Entre Douro
e Minho, e defende o alargamento do período de esclarecimento público.
http://jornal.publico.pt/publico/2003/12/22/LocalMinho/LM5.html

5.A valia dos inquéritos
por jorge vilas jornalista
JN – Grande Porto

As sondagens são sempre bons indicadores para a gestão da cidade
O primeiro relatório sobre a Qualidade da Vida Urbana do Porto foi claro
quanto às preocupações dos portuenses. Os principais dados recolhidos na
consulta salientam que eles estão desgostosos com a insegurança e a
criminalidade. Seguem-se no rol do descontentamento as obras e a conservação
das vias, o trânsito e a sinalização, a habitação sem qualidade e a falta de
limpeza urbana. Droga, desemprego, habitação degradada e falta de civismo
são os problemas sociais que mais foram apontados pelos inquiridos.
http://jn.sapo.pt/textos/out2032.asp

6. Escuridão na Baixa tira brilho a novos cafés
Isabel Forte textos Leonel Castro fotos
JN – Grande Porto

Novo alento Casas históricas voltaram ao coração do Porto, mas ainda estão
sozinhas Prostituição e insegurança impedem habitantes de desfrutarem da
noite na cidade
Nem o Guarany, nem o Majestic, nem a Brasileira parecem conseguir salvar o
submundo em que se transforma a Baixa portuense a partir das nove da noite.
Onde há mais prostituição por metro quadrado do que cafés ou restaurantes.
Onde há mais escuridão do que luzes de Natal. Mais edifícios, altos,
sozinhos e cinzentões, do que janelas ou varandas com famílias lá dentro. A
Baixa, à noite, é um degredo assustador. Uma cidade de sombras.
http://jn.sapo.pt/textos/out2034.asp

7.Freguesia de Martim com ETAR no próximo ano
Liliana Rodrigues
JN – País – barceloS

ambiente Novo equipamento pronto em dois meses tratará efluentes antes de
entrarem na ribeira de Labriosque
Arrancaram as obras de instalação de uma nova estação de tratamento de águas
residuais (ETAR) no lugar da Costa, freguesia de Martim, Barcelos, que irá
tratar os esgotos de uma das zonas onde se verificou maior crescimento
populacional daquele município, nos últimos anos. Com a construção do novo
equipamento, Barcelos acrescenta nova estrutura de combate à poluição
ambiental às 12 existentes.
http://jn.sapo.pt/textos/out2059.asp

8.Orçamento realça o Centro Histórico
Carla Alexandra Vieira
JN – País -monção

A autarquia monçanense aprovou o plano e orçamento para o próximo ano. A
terceira fase de requalificação do Centro Histórico, a recuperação do antigo
cine-teatro “João Verde”; a ecopista Monção/Valença, as piscinas municipais,
o Arquivo Municipal, o novo edifício da Escola Profissional e o alargamento
do Paço do Alvarinho constituem a prioridade dos equipamentos colectivos. Os
documentos, objecto de análise na Assembleia Municipal marcada para dia 26,
prevêm um montante global de cerca de 17,5 milhões deeuros.
http://jn.sapo.pt/textos/out20514.asp

9.Pede uma floresta para o sapatinho
Joaquim Forte
JN – País -Guimarães

Os vimaranenses vão pedir, este ano, uma nova floresta ao Pai Natal. Em vez
de modernos televisores, livros, discos ou outras prendas, pedirão mais
carvalhos, sobreiros… Floresta. As “Cartas ao Pai Natal” são um desafio
lançado pela Associação Vimaranense para a Ecologia (AVE) e já começaram a
ser distribuídas no centro histórico de Guimarães. Segundo Alcino Casimiro,
presidente da AVE, é uma forma de sensibilizar a população e as entidades
que vão receber as cartas para a problemática florestal, pouco tempo depois
de uma dura época de incêndios. As cartas serão endereçadas não à Lapónia,
mas a instituições com competênca em matéria de ordenamento florestal e
reflorestação.
http://jn.sapo.pt/textos/out20515.asp

10.Piscina poderá ficar decidida no próximo mês
Joaquim Almeida
JN – País – Soure

obra suspensa Câmara espera pelo resultado do estudo arqueológico para
avançar ou parar o projecto
Aconstrução ou não, no local previsto, da nova piscina de Soure deverá ficar
decidida a curto prazo, possivelmente até final de Janeiro. Neste momento, a
Câmara Municipal está a espera do resultado de um estudo arqueológico que
está a ser efectuado por uma equipa de especialistas contratada pela
autarquia.
http://jn.sapo.pt/textos/out20516.asp

INFORMAÇÃO SOBRE O BOLETIM INFOPNED:

Acima apresentou-se o sumário e/ou resumos de notícias de interesse
urbanístico/ambiental publicadas na edição electrónica do Público e do
Jornal de
Notícias.

Esta lista foi criada e é animada pela associação Campo Aberto, e está
aberta a todos os interessados sócios ou não sócios. O seu âmbito
específico são as questões urbanísticas e ambientais do Noroeste,
basicamente entre o Vouga e o Minho. Em «Fora do Noroeste» podem
inserir-se notícias de outras regiões que possam apresentar interesse
como exemplo negativo ou positivo para situações equivalentes no Noroeste.

Selecção hoje feita por Alexandre Bahia

Para os textos integrais consultar:

http://jornal.publico.pt/publico/2003/12/22/indice.html

http://jn.sapo.pt/eddia/eddia2.asp

ou as respectivas edições em papel.

=============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============

Para difundir mensagens escreva para: pned@yahoogrupos.com.br

Para assinar a lista envie mensagem sem assunto para: pned-subscribe@yahoogroups.com e com o corpo da mensagem vazio.

Para cancelar a assinatura envie mensagem em que o único texto é “unsubscribe PNED” (sem assunto/subject) para: pned-unsubscribe@egroups.com

Para contactar directamente os coordenadores da lista envie mensagem a: pned-owner@egroups.com

Se quiser informar-se das várias possibilidades para a leitura das suas mensagens ou da forma de alterar os seus dados pessoais, pode consultar:

http://groups.yahoo.com/group/pned/

Neste grupo não são permitidas mensagens com anexos.

=============== PNED: Porto e Noroeste em Debate ===============

Seu uso do Yahoo! Grupos é sujeito às regras descritas em: http://br.yahoo.com/info/utos.html