- Campo Aberto - http://www.campoaberto.pt -

Ambientalistas tomam posição acerca da revisão do Plano Director Municipal do Porto

style=’font-size:18.0pt;font-family:Verdana’>Comunicado à imprensa

style=’font-size:16.0pt;font-family:Verdana’>

style=’font-family:Verdana’>10 de Outubro de 2002


src=”/files_drupal/logo-comunicados2002-CampoAberto.jpg”>


lang=PT style=’font-size:16.0pt;line-height:130%;font-family:Verdana’>Ambientalistas
tomam posição acerca da revisão do Plano Director Municipal do Porto

No intuito de promover a cidadania
na defesa dos valores urbanísticos e ambientais, a associação Campo Aberto vai
apresentar à comunicação social o documento “Bases de reflexão sobre o novo
Plano Director Municipal para o Porto
”.

Trata-se de um documento em que
são tratados diferentes problemas de uma cidade cujo desordenado crescimento
tem vindo a acentuar disfunções graves, em prejuízo da harmonia na vida humana
e na qualidade de vida dos portuenses. Impõe-se uma nova concepção de cidade
que não a afaste da Natureza, dos valores patrimoniais e ecológicos.

Assuntos como a descaracterização
da Baixa, a degradação da imagem da cidade e a carência de zonas verdes precisam
de uma resposta criativa e inovadora.

Neste âmbito, é necessário
proteger a integridade do Parque da Cidade, tornar o sempre prometido Parque
Oriental
uma realidade, recuperar os cursos de água como a Ribeira da
Granja
e evitar aberrações urbanísticas como as Torres Altis ou os
edifícios junto à Ponte da Arrábida. Estes e outros casos são especificamente
focados no referido documento e enquadrados numa reflexão sobre a cidade mais
abrangente.

Temos, pois, o prazer de convidar
esse órgão de comunicação social a estar presente numa conferência de imprensa,
no próximo dia 10 de Outubro, pelas 15 horas, junto à Biblioteca Almeida
Garret, nos jardins do Palácio de Cristal.

Para mais informações, contactar
Bernardino Guimarães (91 994 15 82)

Pela Campo Aberto,

José Carlos Marques